Revista de História (São Paulo), Issue: 176, Published: 2017
  • UMA OBRA DIDÁTICA E SUAS DIFERENTES VERSÕES Articles

    Fernandes, Antônia Terra de Calazans

    Abstract in Portuguese:

    Resumo O texto compara diferentes publicações de um material didático, de José Estácio Corrêa de Sá e Benevides, professor de História da Escola Normal de São Paulo, que lecionou entre os anos de 1880 e 1914. A primeira publicação foi em 1902, em uma revista para professores; a segunda, em 1903, no formato de livro didático pela editora Typografia Andrade & Mello; a terceira, sem identificação de data, pela editora N. Falcone & Comp.; e a quarta, em 1912, publicada pela Editora Francisco Alves. São analisadas as estruturas dos textos, alguns conteúdos, a concepção de história e alguns diálogos entre o autor e sua bibliografia. Em um contexto de predominância da história universal, com conteúdos da história sagrada, o autor organizou material com foco na história da civilização, afirmando ser uma versão mais moderna para a história. Mas sua obra expressava conflitos de um momento de transição, com novas tendências para o ensino e crenças religiosas da sociedade brasileira.

    Abstract in English:

    Abstract The text compares different publications of didactic material of José Corrêa Estacio de Sá e Benevides, a history professor of the Normal School of São Paulo, who taught between 1880 and 1914. The first publication was in 1902, in a magazine for teachers; the second in 1903 in textbook format by the publisher Typografia Andrade & Mello; the third, undated identification, a new book by the publisher N. Falcone & Comp.; and the fourth, in 1912, published by Editora Francisco Alves. The structures of the texts, some content, the conception of history and some dialogue between the author and his bibliography are analyzed. In a context of dominance of world history, with sacred history content, the author organized materials focusing on the history of civilization, claiming to be a more modern version of the history. But his work conflicts expressed a moment of transition, with new trends in teaching and religious beliefs of Brazilian society.
  • GANHAR A VIDA. UMA HISTÓRIA DO BARBEIRO AFRICANO ANTÔNIO JOSÉ DUTRA E SUA FAMÍLIA. RIO DE JANEIRO, SÉCULO XIX* Articles

    Jeha, Silvana

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Este artigo versa sobre as artes dos barbeiros-sangradores e músicos no Rio de Janeiro oitocentista, centrado na história de um deles: Antonio José Dutra. O texto também esboça traços biográficos de seus herdeiros. O patriarca, natural do Reino do Congo, veio escravo para o Brasil e obteve alforria no início da década de 1820. Em 1849, quando morreu, possuía uma barbearia, uma banda, 13 escravos e dois imóveis. Era pai de seis filhos naturais, frutos de três relacionamentos. Se, por um lado, os filhos não lograram o mesmo sucesso do pai, por outro, o seu legado cultural e financeiro foi fundamental para suas vidas remediadas de negros livres numa sociedade escravista.

    Abstract in English:

    Abstract This article is about the arts of barbers who were also bleeders and musicians, centered on the story of one of them: Antonio José Dutra. The text also outlines biographical traits of his heirs. The patriarch “natural from the Kingdom of the Congo”, obtained manumission in earlies 1820s. In 1849, when he died, he had a barber shop, a band, 13 slaves and two properties. He was the father of six natural children, born of three relationships. On one hand, the children have failed the same success of the father, on the other, his cultural financial legacy was crucial to ther modest lives of free blacks in a slave society.
  • A LINGUAGEM DA EMBRIAGUEZ: CACHAÇA E ÁLCOOL NO VOCABULÁRIO POLÍTICO DAS REBELIÕES NA AMÉRICA PORTUGUESA* Articles

    Figueiredo, Luciano Raposo de Almeida

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Semelhante ao que se passa na Europa durante a Idade Moderna, foi frequente no Brasil colônia a atribuição de embriaguez aos grupos que promoveram protestos e rebeliões. O recurso discursivo pretendia desqualificar a legitimidade das reivindicações ao plasmar no imaginário político os rebeldes e a bebida alcóolica consumida por escravos.

    Abstract in English:

    Abstract Similarly to events occurring in Europe during the modern age, drunkenness was often attributed to those groups promoting the protests and rebellions in colonial Brazil. The rhetoric intended to downplay legitimate claims by clouding the political imagination with images of rebels and drunken slaves.
  • ECONOMIA E DEMOGRAFIA DA ESCRAVIDÃO NO MARANHÃO E NO GRÃO-PARÁ: UMA ANÁLISE COMPARATIVA DA ESTRUTURA DA POSSE DE CATIVOS (1785-1850)* Articles

    Mota, Antonia da Silva; Barroso, Daniel Souza

    Abstract in Portuguese:

    Resumo O artigo examina as estruturas da posse de escravos dos principais espaços de economia agrícola do Maranhão e agroextrativista do Grão-Pará, entre os anos de 1785 e 1850. A partir da análise serial de inventários post-mortem, reconstroem-se os padrões de distribuição e os graus de concentração da propriedade escrava, assim como as características dos cativos desses espaços segundo a origem africana ou crioula, o sexo e a idade.

    Abstract in English:

    Abstract In this article, we analyze the slaveholding patterns in the leading economic agricultural regions of Maranhão and Grão-Pará, between 1785 and 1850. Through a serial analysis of probate inventories, we examine slaveholding concentration levels and patterns as well as the characteristics of the enslaved population in Maranhão and Pará according to their origin - Africa or Brazil -, gender and age.
  • FEMALE AND MALE REPRESENTATIONS IN PETITIONS SENT TO THE STATE AFFAIRS SECRETARIATS OF THE KINGDOM AND THE EMPIRE (RIO DE JANEIRO, 1808-C. 1830) Articles

    Martins, William de Souza

    Abstract in Portuguese:

    Resumo O artigo pretende discutir as representações de gênero das petições enviadas às secretarias de Estado dos Negócios do Reino e do Império. A documentação foi coligida na Coleção de Documentos Biográficos da Divisão de Manuscritos da Biblioteca Nacional do Rio de Janeiro, separando-se para análise somente as petições que continham referências a estabelecimentos femininos de reclusão fundados na referida cidade. Nas petições que dirigiam ao monarca por intermédio das secretarias, os requerentes utilizavam representações tradicionais do feminino e do masculino, reforçando-as ou as invertendo, conforme a estratégia discursiva adotada, com a finalidade de obter determinadas mercês régias. As imagens de gênero analisadas não se referiam apenas às relações domésticas dos casais, aludindo também às concepções mais amplas do poder que envolviam os súditos e o soberano.

    Abstract in English:

    Abstract The article discusses gender representations of petitions sent to the State Affairs Secretariats of the Kingdom and the Empire. The documentation was found in the Biographical Documents Collection of Rio de Janeiro National Library’s Manuscripts Division, having been set apart for analysis only the petitions containing references to confinement of female establishments founded in that city. In petitions addressed to the monarch through the secretariats, applicants used traditional representations of femininity and maleness, reinforcing or reversing them, as a discursive strategy, adopted in order to obtain certain Royal favors. Gender images analyzed not only referred to couples domestic relations, but also alluded to broader Power conceptions, involving the subjects and the sovereign.
  • CIDADE SITIADA: O CERCO MILITAR NO SÉCULO XVI COMO ESPAÇO DE UTOPIA E DE CONTRA-UTOPIA - OS EXEMPLOS DE MÜNSTER (1534-1535) E DE SANCERRE (1573) Articles

    Rodrigues, Rui Luis

    Abstract in Portuguese:

    Resumo O objetivo deste trabalho é investigar as formas pelas quais o cerco militar foi representado no século XVI como espaço de utopia e de contra-utopia. O ponto comum entre os dois cercos analisados está no fato de que ambos foram movidos contra populações religiosamente minoritárias assinaladas por configurações de teor utópico-apocalíptico. Ambos os relatos nos permitem vislumbrar a cidade europeia do Quinhentos como espaço privilegiado para construções utópicas, ao mesmo tempo em que se destacam as mecânicas de rejeição da utopia e de criminalização das tentativas de transformação dos ordenamentos sociais. A investigação pressupõe uma preocupação com o tema da memória histórica e de como sua construção pode se converter em discursos ideologicamente condicionados.

    Abstract in English:

    Abstract The aim of this study is to investigate the ways in which military siege was represented in sixteenth century as space of utopia and counter-utopia. The common point between the two sieges analyzed is the fact that both were moved against religiously minority populations with utopian and apocalyptic content settings. Both reports allow us to glimpse the sixteenth-century European city as a privileged space for utopian constructions, while the mechanics of rejection of utopia and criminalization of changes in social ordering are underlined. The research presupposes a preoccupation with the subject of historical memory and how their construction can produce ideologically conditioned speeches.
  • COLONIAL TRADE POLICY IN BRAZIL AND DIPLOMATIC TREATIES BETWEEN PORTUGAL AND ENGLAND (1642-1661) Articles

    Ricupero, Rodrigo

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Estabelecido durante a União Ibérica, o exclusivo metropolitano foi mantido após a Restauração da independência portuguesa em 1640. A nova dinastia não poupou esforços em sua defesa até a abertura dos portos em 1808, ainda que, nos primeiros anos após a Restauração, tenha feito concessões na matéria nos tratados celebrados com a Inglaterra e Holanda. O presente artigo procura rastrear as ideias que pautaram o debate sobre o tema durante as negociações diplomáticas, especialmente com a Inglaterra, analisar os termos destes tratados e ainda avaliar os seus resultados efetivos.

    Abstract in English:

    Abstract The metropolitan exclusive, established during the Iberian Union, was kept after the Restoration of Portuguese independence in 1640. The new dynasty made a great effort to maintain the exclusive until the opening of the ports in 1808, even though in the early years after the Restoration Portugal made some concessions in treaties signed with England and the Netherlands. This article aims to trace the ideas that guided the debate on this issue during diplomatic negotiations, especially with England, as well as to analyze the terms of these treaties and also their results.
  • HISTORIAN IN EXILE: MOSES FINLEY IN ENGLAND Articles

    Palmeira, Miguel Soares

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Analisam-se aqui os significados da expatriação para a trajetória de Moses I. Finley (19121986), historiador de origem estadunidense ao qual se atribui um papel importante na reconfiguração dos estudos de História Antiga Greco-Romana na Inglaterra. Começa-se por uma caracterização do êxito acadêmico do personagem em questão, acompanhada de uma crítica à maneira como os pares de Finley ligam esse êxito à condição de exilado. Procede-se em seguida a uma descrição das condições da ida para a Inglaterra, em um primeiro movimento de apresentação dos traços pertinentes à compreensão da trajetória do historiador. A isso sucede um exame de certas marcas das obras de Finley do início dos anos 1950 que contribuem para regular sua inscrição no universo social dos classicistas da Inglaterra. Por fim, procura-se mapear constrangimentos e possibilidades postos a Finley devido à sua condição de “estrangeiro” (ou de historiador estrangeirado) no mundo acadêmico britânico, com o que se espera invocar elementos de algum modo úteis para a discussão de tipos análogos de exílio.

    Abstract in English:

    Abstract The present work analyses the meanings of expatriation in the trajectory of Moses I. Finley (1912-1986), an American historian who played an important role in the reconfiguration of the study of Greco-Roman Ancient History in England. The article begins with a characterization of Finley’s academic “success”, accompanied by a critique of how Finley’s peers connect this success to his condition as ex-patriot. It then proceeds to describe the conditions of his move to England highlighting relevant features of Finley’s trajectory. This is followed by an analysis of certain evidence in Finley’s writings of the early 1950s that helped assure his acceptance in the social world of English classicists. Finally, the article maps both constraints and possibilities imposed on Finley due to his status as a “foreigner” (or foreignized historian) in the British academic world. The discussion ultimately hopes to advance useful elements for the comparative discussion of exile.
  • FREEDOM AND SLAVERY IN ROMAN STOIC THOUGHT: A READING OF SENECA’S CONSOLATIO AD POLYBIUM Articles

    Joly, Fábio Duarte

    Abstract in Portuguese:

    Resumo A Consolatio ad Polybium, escrita por Sêneca durante seu exílio na Córsega e endereçada a Políbio, liberto imperial de Cláudio, tem sido interpretada pela historiografia moderna sob duas perspectivas. Por um lado, é discutida sua estrutura literária, tendo em vista o gênero da consolação na Antiguidade. Por outro lado, análises históricas buscam perceber como o filósofo apresenta o imperador Cláudio nos quadros de uma reflexão estoica sobre o poder imperial. Embora ambas as análises sejam pertinentes, o objetivo deste artigo volta-se para o próprio retrato do liberto por Sêneca, e como este se conforma a determinado pensamento estoico sobre a escravidão em que o liberto é retratado como inelutavelmente preso ao passado servil, uma vez que sua forma de pensar e agir não consegue desvencilhar-se do período de escravidão.

    Abstract in English:

    Abstract The Consolatio ad Polybium, written by Seneca during his exile in Corsica and addressed to Polybius, an imperial freedman of Claudius, has been interpreted by modern historiography from two perspectives. On the one hand, its literary structure is analyzed, taking the consolatio as a literary genre in Antiquity. On the other hand, historical approaches to this work try to understand how the philosopher presents the Emperor Claudius according to a Stoic reflection on imperial power. Although both types of studies are relevant, the purpose of this article is the very image of Polybius drawn by Seneca. The argument is that this image relates to a particular Stoic view of slavery, in which the freedman is portrayed as inextricably tied to his servile past.
  • O CAÇADOR DE PEDREIROS-LIVRES: JOSÉ ANASTÁCIO LOPES CARDOSO E SUA AÇÃO CONTRA A MAÇONARIA LUSO-BRASÍLICA (1799-1804) Articles

    Magalhães, Pablo A. Iglesias

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Este artigo fundamenta-se nas ideias e observações contidas num relatório feito pelo corregedor José Anastácio Lopes Cardoso, ao então intendente da polícia em Lisboa e seu chefe imediato Diogo Inácio de Pina Manique. A leitura do documento revela a influência das ideias conspiratórias do jesuíta Augustin Barruel nas proposições e nas ações policiais executadas pelo corregedor contra as associações maçônicas e os pedreiros-livres de Portugal e do Brasil.

    Abstract in English:

    Abstract This paper explores how the conspiracy ideas of the Jesuit Augustin Barruel influenced crime inspector José Anastácio Lopes Cardoso’s report to his immediate superior Diogo Inácio de Pina Manique, superintend of Lisbon Police. The evidence suggests that Barruel’s conspiracy theories influenced both Lopes’ thoughts and police operations against the masonic associations and freemasons in Portugal and Brazil.
  • AS VICE-RAINHAS E O EXERCÍCIO DO PODER NA NOVA ESPANHA (SÉCULOS XVI E XVII) Articles

    Zapatero, Alberto Baena

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Este artigo trata da corte vice-reinal mexicana ao longo dos séculos XVI e XVII, refletindo sobre um dos aspectos menos trabalhados pela historiografia especializada: o papel das vice-rainhas e seus cortejos. A investigação aprofunda o estudo do significado de suas relações com a sociedade local e sua participação no exercício quotidiano da autoridade. O trabalho não se centrará exclusivamente na figura das vice-rainhas, ocupando-se também de todas as mulheres que formaram seu cortejo e participaram das dinâmicas sociais e políticas da corte mexicana. Essas damas, que poderiam ser de origem peninsular ou criollas (mulheres de origem espanhola nascidas na América), permaneceram anônimas para os historiadores, e seu papel é fundamental para entendermos as estratégias políticas e sociais desenvolvidas na corte.

    Abstract in English:

    Abstract This article examines the Mexican viceroyalty court throughout the sixteenth and seventeenth centuries, reflecting on one of the less analyzed aspects by specialized historiography: the role of the vicereine and their entourage. Our research studies the significance of their relations with local society and their participation in the everyday exercise of authority. We will not only focus exclusively on the figure of the vicereines, but also examine the role of all those women who belonged to their entourages and participated in the social and political dynamics in the Mexican Court. These ladies, who could be European or creole (Spanish women born in America), remained anonymous to historians, and their role is key to understand the political and social strategies around the Court.
  • AUGUSTO COMO MERCÚRIO ENFIM Articles

    Martins, Paulo

    Abstract in Portuguese:

    Resumo A minha preocupação neste artigo é investigar e analisar a representação de Augusto como Mercúrio e o que isso pode sugerir e significar para os romanos da urbs e das prouinciae, tendo em vista a epigrafia, a numismática e a literatura. Além disso, fazer a revisão de três trabalhos que, em certa medida, operaram essa questão, a saber, Bandinelli, Zanker e Martins. Ainda que as associações entre divindade e governante sejam muito comuns - Augusto representado como Apolo, Júpiter ou Netuno; Tibério como Apolo; Cláudio, Júpiter; ou Cômodo à semelhança de Hércules -, a discussão sobre a relação entre Augusto e Mercúrio é bem rara na bibliografia recente. As reflexões mais profícuas sobre esse tema remontam à primeira metade do século XX, de maneira que o trabalho de Chittenden sobre numismática e o artigo de Grether a respeito de epigrafia são muito importantes. Assim, novas evidências devem ser consideradas a fim de que tenhamos um panorama mais atento dessas representações no mundo romano.

    Abstract in English:

    Abstract My purpose in this paper is to investigate and to analyse the representation of Augustus as Mercury, and what this association may suggest and mean to the Romans from both the urbs and the prouinciae, focusing the epigraphy, the numismatic, and the literature. Furthermore, I review three researches that someway work this problem: Bandinelli, Zanker and Martins. Even though the associations between divinities and rulers were very common - Augustus represented as Apollo, Jupiter or Neptune; Tiberius as Apollo; Claudius as Jupiter; or Commodus as Hercules -, the discussion on the relationship between Augustus and Mercury is very rare in recent bibliography. The latest relevant research on this subject dates back to the first half of the twentieth century. Chittenden’s work on numismatic and Grether’s article on epigraphy are both very important. Thus, new evidences must be considered, so that we can further investigate these representations in the Roman world.
  • SOCIAL NETWORKS AND HISTORICAL ETHNOGRAPHY OF THE GANTOIS TERREIRO IN THE NINETEENTH CENTURY Articles

    Castillo, Lisa Earl

    Abstract in Portuguese:

    Resumo O Ilê Iyá Omi Axé Iyamassé, localizado na cidade de Salvador e mais conhecido como o Terreiro do Gantois, é um dos mais antigos candomblés da Bahia, comentado nos estudos afro-brasileiros desde os tempos de Nina Rodrigues e reconhecido como patrimônio histórico do Brasil desde 2002. Contudo, pouco se sabe sobre seus primeiros tempos, além de tradições orais sobre o envolvimento da fundadora no legendário Candomblé da Barroquinha. Este texto cruza dados das tradições orais com pesquisa documental e etnográfica, reconstruindo assim as histórias de vida da fundadora, Maria Júlia da Conceição, e de seu marido, Francisco Nazareth d’Etra, desde o cativeiro até a liberdade. A fundadora era de nação nagô, mas seu marido era jeje e as evidências sobre os primeiros tempos da comunidade religiosa apontam para a importância de influências jejes. O texto ainda traz novas reflexões sobre a antiga relação entre o Gantois e o Ilê Axé Iyá Nassô Oká (Casa Branca), sugerindo uma nova cronologia para a cisão entre as duas comunidades.

    Abstract in English:

    Abstract The terreiro Ilê Iyá Omi Axé Iyamassé, located in the city of Salvador and better known as the Gantois, is one of the oldest candomblé houses in the city of Salvador, Bahia. In Afro-Brazilian studies, the terreiro has been commented on since the early works of Nina Rodrigues and in 2002 it gained national historic landmark status. However, little is known about its early days, aside from oral traditions that its founder was involved in a legendary temple located in the Barroquinha district. This paper analyzes oral traditions in conjunction with ethnographic and archival data in reconstructing the lives of the founding priestess, Maria Júlia da Conceição and her husband, Francisco Nazareth d’Etra, from capitivity to freedom. Although the founder was a Yoruba speaker, her husband was Jeje and the evidence suggests that Jeje influences were important in the religious community’s early days. The paper also reflects over the nature of the Gantois’s ties to Ilê Axé Iyá Nassô Oká (Casa Branca), offering a new chronology for the moment of separation between the two communities.
  • O “CORISCO PRETO”: CANGAÇO, RAÇA E BANDITISMO NO NORDESTE BRASILEIRO Articles

    Domingues, Petrônio

    Abstract in Portuguese:

    Resumo A finalidade deste artigo é reconstituir os fatos que levaram à prisão de Manoel Luiz de Jesus - um bandido negro que se identificava como Corisco Preto, do bando de Lampião -, no sertão nordestino, em 1931, para daí discutir os relatórios e pareceres produzidos sobre ele pelo sistema penitenciário de Sergipe, especialmente pelo Gabinete de Biologia Criminal, responsável por periciar o grau de degenerescência do delinquente. Para além de desvelar aspectos da trajetória de Manoel Luiz, a proposta é surpreender, a partir desse personagem, as conexões sinuosas entre cangaço, raça e banditismo à luz da medicina legal.

    Abstract in English:

    Abstract The aim of this article is to list the factors that took Manoel Luiz de Jesus to prison in 1931, in the backwoods of the Northeast region of Brazil. He was a black criminal, identified as Black Corisco, from Lampião’s gang. The article also discusses the reports and opinions written about him by professionals of the prison system in Sergipe, mainly from those in the Criminal Biology Bureau, which was responsible for examining the criminal’s degree of degeneracy. Despite revealing the aspects of Manoel Luiz’s trajectory, this article also aims at surprising because of his character and of the sinuous connections among cangaço, race and banditry in light of forensic medicine.
  • A HISTORIOGRAFIA DO IMPÉRIO ROMANO TARDIO: DO ESTADO MÁXIMO AO ESTADO MÍNIMO, E DE VOLTA OUTRA VEZ Articles

    Silva, Uiran Gebara da

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Este artigo analisa os modelos conceituais de Estado utilizados pela historiografia sobre o Império romano tardio ao longo do século XX. A argumentação busca demonstrar que é possível observar uma alternância entre concepções opostas de Estado, ora maximalistas, ora minimalistas e que tais concepções quase sempre se apresentam como estruturas explicativas da história do Império romano tardio, considerando a extensão do Estado como causa da desarticulação ou da manutenção do sistema romano no Mediterrâneo. O texto analisa a historicidade dessas concepções, e demonstra sua conexão com o debate entre modernismo e primitivismo na economia antiga; critica igualmente os pressupostos e a quase ubiquidade das categorizações e ideologias liberais na historiografia (mesmo entre autores marxistas). Na conclusão demonstramos como a oposição historiográfica entre concepções minimalistas e maximalistas obscurecem o entendimento das relações de classe desenvolvidas no interior do sistema de governo imperial romano tardio.

    Abstract in English:

    Abstract The paper analyses the conceptual models of state used by the scholarship of the later Roman Empire. The argument here developed is that it is possible to identify an oscillation between opposing conceptions of state, sometimes maximalist, sometimes minimalist, and that such conceptions have almost always served as an explanatory structure of the later Roman Empire historical developments, with the greater or smaller size of that State seen alternately as the cause for either the disarticulation or maintenance of the Roman system in the Mediterranean. The paper presents an historical review of those conceptions, elaborates on their connections with the debate between modernism and primitivism in the ancient economy and deals with their structuring ideological assumptions and the almost ubiquitous presence of liberal ideological categories and assumptions (even among Marxist authors). The paper concludes by reflecting on how this historiographical opposition between minimalist and maximalist conceptions obscures our understanding of the class relations of the later Roman imperial system of government.
  • CULTURAL HISTORY OF HUMOR: PROVISIONAL BALANCE AND RESEARCH PERSPECTIVES Articles

    Saliba, Elias Thomé

    Abstract in Portuguese:

    Resumo O artigo sintetiza as contribuições mais recentes das diversas pesquisas na área interdisciplinar dos estudos do humor, tomando-as como pontos de partida para discutir questões metodológicas inerentes a uma história cultural do humor. Apresenta um resumo das pesquisas sobre o universo humorístico realizadas nas áreas da neurologia, das ciências cognitivas, da primatologia, dos seus esforços e limitações na definição de um campo de estudos a respeito do tema. Discute as principais teorias formais do humor, apontando redundâncias, mas também possíveis indicações heurísticas e pautas temáticas para o historiador do humor. No quadro das guinadas linguísticas e subjetivas que legaram dilemas epistemológicos para as humanidades, apresenta exemplos de publicações importantes de história cultural do humor, sugestões de fontes e, de forma geral, como este campo de estudos pode forjar novas grades de compreensão da história

    Abstract in English:

    Abstract The article aims to synthesize the most recent contributions of the various researches in the interdisciplinary area of the studies of humor, taking them as starting points to discuss methodological issues inherent in a cultural history of humor. It presents a summary of the researches on the humorous universe realized in the areas of neurology, cognitive sciences, primatology, its efforts and limitations in the definition of a field of studies regarding the subject. It also discusses the main formal theories of humor, pointing out redundancies but also possible heuristic indications and thematic guidelines for the humor historian. In the context of the linguistic and subjective lines that have given epistemological dilemmas to the humanities, it also presents some examples of important publications on the cultural history of humor, suggestions from various fields of research and sources and, in general, how this field of studies can forge new grades of understanding of history.
  • CARTAS ENTRE LETRADOS: CIRCULAÇÃO DE SABERES NA CORRESPONDÊNCIA ENTRE JOAQUÍN GARCÍA ICAZBALCETA E WILLIAM H. PRESCOTT (1849-1856) Articles

    Fernandes, Luiz Estevam de Oliveira

    Abstract in Portuguese:

    Resumo O objetivo do artigo é analisar a correspondência entre William H. Prescott e Joaquín García Icazbalceta, pensando-a como uma oportunidade para se estudar uma pequena fração da maciça corrente de trocas epistolares oitocentistas entre os dois países (e também com a Europa). Tal intercâmbio, embora fragmentário, desigual e pequeno (se comparado ao volume de cartas que ambos escreveram em suas vidas), permite-nos mostrar a importância de se estudar as correspondências entre produtores de conhecimento histórico no século XIX, pois, como demonstraremos, é a partir delas, bem como das impressões de livros, periódicos e da circulação desses manuscritos e impressos, que boa parte das instituições de guarda de memória foi formada. Desta forma, é possível pensarmos uma fração de como se escreveu a história do México e como se institucionalizou a ciência histórica ali em meados do XIX, período que conviveu com as primeiras tentativas de criar histórias nacionais. A pesquisa caminha na contramão de ideias que corroboram que nesta época só existia uma relação de guerra ou desconfiança entre o México e os Estados Unidos.

    Abstract in English:

    Abstract The purpose of this article is to show the importance of studying the correspondence exchanged between William H. Prescott and Joaquín García Icazbalceta as an opportunity to study a tiny fraction of this flow of interchanges in the 19th century between the two countries (and also with Europe). Such a flow of letters, although fragmentary, unequal and small (compared to the thousands of letters both of them wrote in their lives) allow to demonstrate the importance of studying correspondence of such knowledge producers in the 19th century. It is from these documents, as well as from the printing of books, periodicals and the circulation of those manuscripts and printed issues, that a great part of the memory-guarding institutions were formed in the United States and Mexico. We will argue about how to write the history of Mexico was being thought and the institutionalization of a historical science, as well as the attempts of making their first national histories. We dispute some ideas that corroborate that there was only a relationship of war and distrust between Mexico and the United States in that period.
  • PÁGINAS DA ESCRAVIDÃO: RAÇA E GÊNERO NAS REPRESENTAÇÕES DE CATIVOS BRASILEIROS NA IMPRENSA E NA LITERATURA OITOCENTISTA * Articles

    Maia, Ludmila de Souza

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Com a proibição do comércio atlântico de escravos em 1850 para o Brasil, as elites proprietárias tiveram que se adaptar a essa nova realidade, e tanto literatura como imprensa discutiram a questão escrava e seu futuro. Nesse contexto, é perceptível a emergência de uma nova sensibilidade em relação à escravidão, em que se observa a centralidade da mulher escravizada na década de 1850. Eu argumento que tais discussões apresentam um sentido duplo, pois tanto se relacionam com os debates antiescravistas que ocorriam em outras partes do Atlântico, como também com a questão brasileira que se via diante da necessidade de reproduzir a escravidão internamente. Essa análise se baseia nos textos de duas escritoras, a francesa Adèle Toussaint e a brasileira Nísia Floresta, e os discuto em diálogo com outras obras literárias e artigos da imprensa da década de 1850. Este artigo pretende-se, ainda, uma contribuição aos estudos sobre ideias antiescravistas para períodos anteriores à década de 1860 e, principalmente, considera a participação de mulheres nesses debates.

    Abstract in English:

    Abstract Due to the abolition of the transatlantic slave trade to Brazil in 1850, slave proprietors had to adapt to a new situation. Literary books and the press discussed slavery and its reduced prospects. In this context, one can observe the emergence of a new sensibility towards slavery, in which the image of enslaved women played a central role. I argue that these discussions have a double meaning in that context, first, they connect to anti-slavery debates from other parts of the Atlantic; second, they relate to the Brazilian context, where the nation faced the need to reproduce slavery internally. I base my analysis on the works of two female-writers, the French Adèle Toussaint and the Brazilian Nísia Floresta. I discuss their works in dialogue with other contemporary literary sources as well as with articles from the press in Rio de Janeiro during the 1850s. This article is also a contribution to the works about anti-slavery ideas in the decades before the 1860s, and considers the involvement of women in such debates.
  • INTERAÇÕES ATLÂNTICAS ENTRE SALVADOR E PORTO NOVO (COSTA DA MINA) NO SÉCULO XVIII * Articles

    Silva, Carlos da

    Abstract in Portuguese:

    Resumo O artigo discute as dinâmicas atlânticas entre Salvador e Porto Novo, na Costa da Mina, durante o século XVIII. A despeito do foco da historiografia brasileira no tráfico baiano em Uidá, os portos a leste - os chamados “portos de baixo” - foram importantes terminais de deportação de africanos para as Américas. O artigo explorará ainda as dinâmicas entre Porto Novo e o Daomé, principal reino traficante do golfo do Benim no século XVIII, que reivindicava o “monopólio” do tráfico na região. O jogo político do tráfico de escravos envolvia entidades africanas locais, traficantes de diversas carreiras e autoridades coloniais. Observar as interações entre a Bahia e Porto Novo iluminará as diferentes fases do comércio atlântico no golfo do Benim no século XVIII.

    Abstract in English:

    Abstract The article discusses the Atlantic dinamycs between Salvador of Bahia and Porto Novo in eighteenth-century bight of Benin. In spite of the focus on the Bahian trade at Ouidah, the eastern ports of trade - the so-called “portos de baixo” (lower ports) - represented important points of deportation for Africans to the Americas. The article will also explore the dinamycs between Porto Novo and Dahomey, the major enslaving kingdom of the bight of the Benin in the eighteenth century, who claimed the “monopoly” over the trade in the region. The slave trade’s political game involved local African polities, slave traders of several European powers and colonial authorities. To look at the interactions between these two regions in the Atlantic will shed light upon the different phases of the Atlantic commerce in the bight of Benin during the eighteenth century.
  • “REFORMAS ESTIMULAM OU EVITAM REVOLUÇÕES? OS DÍZIMOS DA CAPITANIA DA BAHIA E A CONJURAÇÃO BAIANA DE 1798” Articles

    Valim, Patrícia

    Abstract in Portuguese:

    Resumo O presente artigo analisa o impacto das reformas de d. Rodrigo de Sousa Coutinho na capitania da Bahia, no final do século XVIII, para um grupo de poderosos, qualificados por Luís dos Santos Vilhena de “corporação dos enteados”,. Esse potentado integrou a Conjuração Baiana de 1798, estimulado pela contenda sobre a arrematação dos dízimos na capitania, que ameaçou sua participação no leilão público. A partir da deflagração do movimento de 1798, a coroa portuguesa empreendeu soluções de compromisso com esse grupo de poderosos ao tempo em que evitou qualquer possibilidade de ruptura do sistema de dominação colonial.

    Abstract in English:

    Abstract This article analyses the impact of the reforms of D. Rodrigo de Sousa Coutinho in the captaincy of Bahia, at the end of the 18th century, to powerful group, qualified by Luís dos Santos Vilhena like the “corporação dos enteados”. This content integrated the “Conjuração Baiana de 1798” and the dispute over the tithes in the captaincy, which threatened his participation in the public edict. From the outbreak of the 1798, the Portuguese Monarchy undertook compromise solutions with this powerful group while avoided any possibility of disruption of the system of colonial domination.
  • O “OBRADOR” DO JUDEU CRESQUES ABRAHAM. UM ESTUDO SOBRE A CARTOGRAFIA MEDIEVAL MAIORQUINA (SÉCULO XIV) Articles

    Nogueira, Magali Gomes

    Abstract in Portuguese:

    Resumo A partir de dados do cotidiano da comunidade judaica existente na ilha de Maiorca durante o século XIV, produtora de grande parte dos exemplares remanescente da cartografia medieval convencionada como Portulano, entre eles o Manuscrito Espagnol 30, mais conhecido como Atlas catalão, o presente artigo tem como objetivo compreender a forma organizacional que permitiu esta produção assim como os tipos de materiais e conhecimentos necessários para sua execução e se essa organização produtiva pode embasar o conceito de escola cartográfica maiorquina, frequentemente utilizado pelos historiadores da cartografia. A expressão obrador, na Catalunha medieval, abrange o espaço em que a matéria prima é transformada, não compreendendo apenas um local individual, mas, na maioria das vezes, vários espaços contíguos que viabilizam várias etapas da produção.

    Abstract in English:

    Abstract This article is based on daily life data of the Jewish community on the island of Majorca during the 14th century, which produced most of the surviving examples of medieval cartography that was agreed to call as Portulano, and among them the Espagnol Manuscript 30, better known as Catalan Atlas. It pretends to understand the organizational form that allowed this production as well as types of materials and necessary knowledge for its execution and if this productive organization can support the concept of the Majorcan cartographic school, frequently used by cartography historians. The expression “obrador” in medieval Catalonia covers the space in which the raw material is transformed, not only in an individual place, but covering, in most cases, several contiguous spaces that makes viable several stages of production.
  • O INTÉRPRETE LATINO-AMERICANO: TRAJETÓRIA INTELECTUAL E DISCURSOS DE FRANCISCO GARCÍA CALDERÓN Articles

    Gouveia, Regiane

    Abstract in Portuguese:

    Resumo A produção intelectual latino-americana do final do século XIX e início do XX caracteriza-se pelo ensaio, gênero literário flexível que trabalha com uma diversidade de temas tratados a partir do ponto de vista pessoal do autor. Este artigo analisa a trajetória intelectual, o contexto de produção e a obra Las democracias de América (1912), do ensaísta peruano Francisco García Calderón que, no início do século XX, foi considerado como um dos intelectuais mais importantes pela intelectualidade do período. Destacam-se a defesa da latinidade pelo escritor peruano como forma de salvar a América Latina do imperialismo praticado pelas potências estrangeiras, bem como o problema da raça visto por García Calderón como um dos fatores responsáveis pela difícil situação do continente.

    Abstract in English:

    Abstract Latin American intellectual production at the end of the nineteenth and beginning of the twentieth century was characterized by the essay, a flexible literary genre that works with a variety of themes approached through the author’s personal point of view. This work analyzes the intellectual trajectory, the context of production, and the work Las democracias de América (1912) of the Peruvian essayist Francisco García Calderón, who, at the beginning of the twentieth century, was considered one of the most important thinkers by the intellectuals of the period. This article highlights the Peruvian writer’s defense of “latinidade” as a way to save Latin America from imperialist foreign powers, in addition of García Calderón’s view of the racial problem as one of the responsible factors for the continent’s difficult situation.
  • ESTUDO E EDIÇÃO DA “RELAÇAÕ DA MARCHA QUE FIZ PARA O CUYATÉ (...)” ESCRITA PELO GOVERNADOR DA CAPITANIA DE MINAS GERAIS, D. ANTONIO DE NORONHA, EM 1779 Articles

    Conceição, Adriana Angelita da

    Abstract in Portuguese:

    Resumo A “Relaçaõ da Marcha que fiz para o Cuyaté pela Nova Estrada (...)” foi escrita pelo governador da capitania de Minas Gerais, d. Antonio de Noronha, em outubro de 1779. A “Relaçaõ” integra um conjunto de documentos enviados ao secretário da Marinha e dos Negócios Ultramarinos, Martinho de Mello e Castro, denominada “Copia das providencias que se derão para a nova Conquista do Cuyeté”. O texto nos permite analisar a intrínseca conexão do mando com a escrita no âmbito do Império luso-brasileiro, no período moderno. Portanto, este artigo apresenta, além das práticas de escrita e de produção documental do governo ultramarino, uma edição crítica da “Relaçaõ da Marcha”, acompanhada por anotações referentes ao documento e sua materialidade.

    Abstract in English:

    Abstract The document “Relação da Marcha que fiz para o Cuyaté pela Nova Estrada (...)” [March relationship I did for Cuyaté through the New Road] was written by Minas Gerais captaincy governor, d. Antonio de Noronha, in October, 1779. The “Relação” integrates a set of documents sent to the Navy and Overseas Business secretary, Martinho de Mello e Castro, named “Copia das providencias que se derão para a nova Conquista do Cuyeté” [Copy of the measures that shall be taken to the Cuyeté new conquest]. Through the report analysis is possible to reflect about the written culture of the Portuguese-Brazilian Empire politic relationship - establishingthe intrinsic connection of the control through writing in the modern period. Therefore, this article presents summary reflections about writing practices and documental preservation of the overseas government, followed by an edition of the “Relaçaõ da Marcha” [March Description], accompanying notes related to the document and its materiality.
  • INICIATIVAS LOCAIS E MOBILIZAÇÃO POR ESCOLAS PRIMÁRIAS EM SÃO PAULO, 1830-1889 * Articles

    Colistete, Renato Perim

    Abstract in Portuguese:

    Resumo O artigo mostra como pais e moradores organizaram-se em diversas regiões da província de São Paulo e submeteram petições aos seus representantes locais e ao legislativo provincial requerendo a instalação de escolas, desde as primeiras décadas do Império. As câmaras municipais e, na década de 1880, os conselhos de instrução reforçaram a demanda local por ensino primário. Em meio a condições particularmente desfavoráveis, as evidências de mobilização por escolas públicas ganham um significado especial e levantam dúvidas sobre as perspectivas que, nos séculos XIX e XX, rejeitaram a viabilidade do autogoverno local devido à alegada incapacidade do “povo” de intervir na esfera pública de forma consequente.

    Abstract in English:

    Abstract One of the most common explanations for the historical deficiencies of public primary education in Brazil has been the alleged indifference of families that lacked resources to send their children to private schools. This article addresses such an issue in a period covering most of the Empire, when the conditions for access to primary schools were especially unfavourable. Poverty, isolation, illiteracy, political centralization and bureaucracy inhibited local initiatives and created few incentives, if any, for families to get involved in primary schools. The article shows, however, that parents and residents organized themselves across the province of São Paulo and submitted petitions to their local representatives and the provincial assembly requiring the installation of schools, since the first decades of the Empire. Town councils and, in the 1880s, education councils strengthened local demand for primary education. Under particularly adverse conditions, the evidence of mobilization for public schools gains a special significance and raises doubts about the views that, in the nineteenth and twentieth centuries, rejected the viability of local self-government due to the alleged inability of the “people” to intervene in the public sphere consistently.
  • OSCILANDO ENTRE A ESCRITURAÇÃO MERCANTIL, OS TESTEMUNHOS E A ARBITRAGEM. A CONSTRUÇÃO SOCIAL DAS PROVAS NOS CASOS DE FALÊNCIA NO BRASIL EM MEADOS DO SÉCULO XIX Articles

    Sonkajärvi, Hanna Helena

    Abstract in Portuguese:

    Resumo O Código de Comércio brasileiro entrou em vigor em 1850, mas a postura dos tribunais nos casos de falência não se modificou radicalmente. O procedimento judicial continuou sendo intensamente condicionado pelos atores locais e pelas ações na fase inicial do processo de falência (conciliação e arbitragem). Nessa situação, determinar o valor das dívidas de negociantes em falência e estabelecer evidências contra essas pessoas para poder provar uma “falência culposa” tornou-se uma tarefa extremamente complicada. Com base em alguns casos de falência na segunda metade do século XIX identificamos fatores que podem explicar porque os tribunais encontraram problemas em estabelecer provas na escrituração mercantil e como eles buscavam, então, chegar a uma decisão.

    Abstract in English:

    Abstract The Brazilian Commercial Code entered in vigour in 1850, but this did not radically alter the manner how bankruptcy cases were handled by the law courts. Legal procedure continued heavily conditioned by local agents and by the actions taken early in the bankruptcy proceedings (conciliation and arbitration). In this situation, the task of determining the value of debt of insolvent merchants and establishing evidence against these individuals to be able to prove the existence of a fraudulent bankruptcy turned extremely complicated. Based on cases of insolvency in the second half of the nineteenth century we will identify factors that might explain why the tribunals struggled to establish evidence in merchants’ records and how they would, faced with this situation, try to reach a decision.
  • OS INVENTÁRIOS DE DEMENTES: OS PROCESSOS DE CURADORIA E A RELAÇÃO DA JUSTIÇA RÉGIA COM A LOUCURA NAS MINAS GERAIS DO SÉCULO XVIII Articles

    Souza, Maria Eliza de Campos

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Pretende-se analisar a atuação da Justiça régia em relação a um grupo de súditos que nas Minas viveram a experiência do enlouquecimento e foram declarados incapazes perante a lei. A investigação sobre a atuação dos juízes de órfãos responsáveis pelos autos sumários de demência, pela feitura e condução dos processos de inventários dos dementes e pelo acompanhamento das curadorias permitirá compreender melhor o papel e o alcance dessa Justiça, exercida em nome do rei, no que diz respeito à regulação e ao ordenamento da vida social local. Trata-se de um estudo dos processos de inventários dos indivíduos declarados dementes na Comarca do Rio das Velhas ao longo do século XVIII. São dezesseis processos encontrados para a vila de Sabará e seu termo que permitem compreender uma faceta muito peculiar da atuação dos juízes de órfãos e também a própria história social da loucura nas áreas periféricas do Império português.

    Abstract in English:

    Abstract We intend to analyze the performance of royal Justice in relation to a group of subjects who lived in Minas maddening experience and were declared incapable under the law. Research on the performance of judges of orphans responsible for the case of dementia summaries by making and conduct of inventories processes of demented and monitoring of curatorship, will better understand the role and scope of that Justice, exercised in the name of the king, in with regard to the regulation and system of the local social life. It is a study of inventories of cases of declared demented individuals in the County of Rio das Velhas during the eighteenth century. There are sixteen processes found for Sabará village and its end, which shed a peculiar facet of the performance of judges of orphans and also the very social history of madness in the peripheral areas of the Portuguese Empire.
  • HISTORIADORES FRANCESES NA ZONA CINZENTA: LEMBRANÇAS DA GUERRA Articles

    Rollemberg, Denise; Vainfas, Ronaldo

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Este artigo analisa as lembranças de alguns historiadores franceses que viveram na França ocupada pelos alemães e, no pós-1945, construíram suas carreiras, especialmente na chamada Nova História francesa. A pesquisa está baseada em ensaios de ego-história, autobiografias e entrevistas que os autores selecionados produziram a partir de finais dos anos 1980, ou seja, quase 40 anos após o fim da guerra. O estudo tem como objetivo demonstrar, em primeiro lugar, que tais lembranças se inserem, de uma forma ou de outra, na memória construída na França do pós-guerra, influenciadas pelo mito da Resistência que o revisionismo historiográfico francês tem desconstruído desde a década de 1970. Finalmente, o artigo argumenta que a maioria dos autores selecionados, quando jovem, viveu no que Pierre Laborie chamou de zona cinzenta, inspirado na obra de Primo Levi.

    Abstract in English:

    Abstract This article analyzes the remembrances of some French historians who lived in German-occupied France and, in the post-1945, built their careers, especially in the so-called New French History. The survey is based on Ego history essays, autobiographies and interviews that the selected authors produced from the late 1980s, that means, almost 40 years after the end of the war. The study aims to demonstrate, first, that these remembrances are inserted, in one way or another, in the memory built in France in the post-war period, influenced by the Resistance mith that the French historiographical revisionism has deconstructed since the 1970s. Finally, the article argues that most of the selected authors, when young, lived in what Pierre Laborie has called gray zone, inspired by the work of Primo Levi.
  • HISTORIOGRAFÍA DE VALORES: UN DEBATE NECESARIO * Articles

    Barros, Carlos

    Abstract in Spanish:

    Resumen Los conceptos de passado, presente, futuro o compromiso del historiador han sido fundamentales para entender la revolución historiográfica del siglo XX protagonizada por la historiografía marxista y la escuela de Annales. Se trata ahora de actualizarlos de manera autocrítica, recogiendo las prácticas historiográficas actuales más avanzadas. Proponemos sustituir cualquier “historia militante” de tipo político o religioso por una “historiografía de valores”. La generalización en la sociedad global de los grandes valores sociales, políticos y económicos, y los derechos humanos hace posible una nueva referencia deontológica para el oficio de historiador y la utilidad social de la historia en el siglo XXI.

    Abstract in English:

    Abstract The concepts of past, present, future and the Historian commitment has been essential to understand the historiographical revolution of the twentieth century led by Marxist historiography and the Annales school. It is now time to update self-critical manner, picking the most advanced current historiographical practices. We propose to replace any “militant history” of political or religious by a “historiography of values”. The generalization in the global society of the great social, political and economic values, and human rights, enables a new ethical reference for the historical profession and social usefulness of history in the XXI century.
  • A HERESIA DE JECA TATU * Articles

    Lindo, Luiz Antônio

    Abstract in Portuguese:

    Resumo No conto “Urupês” de Monteiro Lobato a linguagem do autor identifica-se com a da personagem, embora haja um conflito de ideias opondo-os mutuamente. A compreensão dos efeitos dessa discrepância, a qual se reflete, dum lado, no nível da linguagem e, de outro, no da visão de mundo, torna-se crucial para a crítica lobatiana, por expor um aspecto essencial da atitude do escritor diante da vida social.

    Abstract in English:

    Abstract In Monteiro Lobato’s “Urupês”, author and character share the same language, notwithstanding the clash in their worldview. To understand what that clash means, with regard to the standpoint of language or the worldview, becomes crucial to the lobatian critic intended to characterize the author’s attitude towards the social life.
  • DIMENSIONANDO O PROBLEMA SIDERÚRGICO NACIONAL: A DEMANDA POR PRODUTOS SIDERÚRGICOS NO BRASIL (1901-1940) * Articles

    Barros, Gustavo

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Este artigo examina a demanda por produtos siderúrgicos no Brasil entre 1901 e 1940, levando em consideração a sua dimensão, a sua composição, a sua evolução no tempo, bem como a percepção dos contemporâneos sobre o assunto. Para tanto, o artigo faz uso de abrangente conjunto de fontes primárias, incluindo dados desagregados originais de comércio exterior. A partir dessas fontes, observamos que a dimensão potencial do mercado doméstico exibiu certa estabilidade ao longo das mais de três décadas durante as quais se desenrolou o debate siderúrgico, e que isso se refletiu nas estimativas contemporâneas do tamanho do mercado. Essa relativa estabilidade do tamanho do mercado foi acompanhada por um processo de diversificação da demanda por produtos siderúrgicos.

    Abstract in English:

    Abstract This paper examines the demand for steel products in Brazil between 1901 and 1940, considering its dimension, its composition and its evolution, as well as the contemporaries’ perception on the issue. In order to do this, a wide array of primary sources is used, including original disaggregated foreign exchange data. Based on these sources, it is observed that the dimension of the potential domestic market exhibited certain stability along the more than three decades during which the steel-making debate took place, and that this reflected on the contemporary estimates of the size of the market. This relative stability of the market size was accompanied by a diversification process of the demand for steel products.
  • O CASTIGO SENHORIAL E A ABOLIÇÃO DA PENA DE AÇOITES NO BRASIL: JUSTIÇA, IMPRENSA E POLÍTICA NO SÉCULO XIX * Articles

    Pirola, Ricardo F.

    Abstract in Portuguese:

    Resumo O objetivo deste artigo é analisar a criação da lei de 15 de outubro de 1886 que aboliu a pena de açoites no Brasil. Diferentemente da historiografia dedicada ao tema que destacou o contexto antiescravista internacional e as disputas parlamentares, pretendo olhar para os debates travados no âmbito da Justiça e da imprensa a partir do estudo de três casos que tiveram grande repercussão nas décadas de 1870 e 1880. Minha intenção é demonstrar como as discussões parlamentares para a abolição da pena de açoites no Brasil relacionavam-se a um amplo debate de crítica aos castigos físicos nos anos finais da escravidão.

    Abstract in English:

    Abstract The purpose of this paper is to analyze the creation of the law of October 15, 1886, which abolished the penalty of whipping in Brazil. Unlike the historiography that highlights the international anti-slavery context and the parliamentary disputes, I intend to examine the debates in the field of Justice and in the press, through the study of three cases that had great repercussion in the 1870s and 1880s. My intention is to demonstrate how the parliamentary discussions for the abolition of the punishment of scourges in Brazil were related to a broad debate of criticism of physical punishment in the final years of slavery.
  • ESPORTE NA PRIMEIRA REPÚBLICA: A HISTÓRIA DO ESPETÁCULO Resenhas

    Jeuken, Bruno
  • CONTRIBUIÇÃO À HISTORIOGRAFIA SOBRE A SHOAH RESENHA

    Leite, Augusto Bruno de Carvalho Dias
  • A FUNÇÃO DA HISTORIOGRAFIA NA OBRA DE DROYSEN RESENHA

    Lobo, Ana Lucia Mandacaru
  • DESINTERESSE INTERESSADO RESENHA

    Rodrigues, Lidiane Soares
  • DA HERESIA À “CAÇA ÀS BRUXAS” NO FINAL DA IDADE MÉDIA OCIDENTAL RESENHA

    Ribeiro, Felipe Augusto; Rangel, João Guilherme Lisbôa
  • UMA HISTÓRIA DA BRITISH AND FOREIGN ANTI-SLAVERY SOCIETY: A INSTITUIÇÃO QUE INTERNACIONALIZOU O ANTIESCRAVISMO BRITÂNICO RESENHA

    Ré, Henrique Antonio
  • RÜSEN E A TEORIA DA HISTÓRIA COMO CIÊNCIA RESENHA

    Reis, Aaron Sena Cerqueira
  • HISTORIA DE LAS JUSTICIAS LATINOAMERICANAS DURANTE LOS SIGLOS XVI Y XIX RESENHA

    Valdebenito, Hugo J. Castro
  • MUTIRÃO DA HISTÓRIA: TEATRO, MEMÓRIA E APROPRIAÇÕES NO PRESENTE RESENHA

    Batista, Natália
  • DOS PROJETOS INTEGRACIONISTAS EUROPEUS AO CONGRESSO ANFICTIÔNICO DO PANAMÁ RESENHA

    Pereira, Paulo Alves
  • ARTES DE CURAR, MEDICINA E SAÚDE PÚBLICA: UM OLHAR HISTORIOGRÁFICO LATINO-AMERICANO RESENHA

    Mota, André
  • OS RETORNOS POSSÍVEIS: HISTÓRIA COMPARADA DAS POLÍTICAS DE RECEPÇÃO AO EXÍLIO NO PÓS-DITADURA ARGENTINO E URUGUAIO RESENHA

    Balbino, Ana Carolina
  • CORROMPER REPÚBLICAS, ESPOLIAR CONQUISTAS RESENHA

    Silveira, Marco Antonio
  • DA RUA DIREITA À LOMBARD STREET: IMPÉRIO DO BRASIL E SUBDESENVOLVIMENTO FINANCEIRO RESENHA

    Miranda, José Augusto Ribas
  • NOBREZAS SEM LINHAGEM: A NOBILITAÇÃO NA AMÉRICA IBÉRICA RESENHA

    Souza, Priscila de Lima
  • A ABOLIÇÃO REVISITADA: ENTRE CONTINUIDADES E RUPTURAS RESENHA

    Salles, Ricardo
Universidade de São Paulo, Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Departamento de História Av. Prof. Lineu Prestes, 338, 01305-000 São Paulo/SP Brasil, Tel.: (55 11) 3091-3701 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: revistahistoria@usp.br