Treinamento em álcool e drogas para enfermeiros: uma questão de necessidade

Sandra Cristina Pillon Margarita Antonia Villar Luis Ronaldo Laranjeira Sobre os autores

Este artigo tem como objetivo apresentar uma breve revisão sobre treinamentos em álcool e drogas buscando estimular reflexões para incentivar mudanças no ensino de graduação em enfermagem. A literatura especializada deixa claro que os enfermeiros tem dificuldades em oferecer cuidados aos usuários de substâncias psicoativas como parte das suas funções nos mais diversos locais de saúde. Este fato pode estar associado a uma deficiência da educação formal. Frente à importância social dessas questões no âmbito da pesquisa, assistência e ensino buscamos aprofundar o conhecimento sobre a temática visando contribuir para sua inserção na prática do profissional.

Educação; Enfermeiros; Álcool; Drogas


Faculdade de Medicina / Universidade de São Paulo - FM/USP Av. Ovídio Pires de Campos, 225 - 3 and., 05403-010 São Paulo SP - Brazil, Tel.: (55 11) 3069-6235 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: revista.hc@hcnet.usp.br