Accessibility / Report Error

Avaliação morfológica e morfométrica das ilhotas pancreáticas na fase crônica da doença de Chagas

OBJETIVO: Hiperglicemia e anormalidades em testes de tolerância à glicose, observadas em alguns pacientes chagásicos crônicos, sugerem um possível papel de alterações morfológicas e desnervação de ilhotas pancreáticas (IP). Nosso objetivo foi descrever a morfologia e a morfometria de ilhotas pancreáticas na doença de Chagas crônica. MÉTODOS: Estudo morfológico e morfometria computadorizada foram realizados em fragmentos da cabeça, corpo e cauda de pâncreas obtidos em necropsias de oito controles normais e dezessete pacientes chagásicos crônicos; oito com a forma digestiva (Megas) e nove com o quadro clínico de insuficiência cardíaca congestiva. RESULTADOS: O grupo Megas mostrou ilhotas pancreáticas de maior (p < 0,05) área na cauda do pâncreas (10.649,3 ± 4.408,8 µm²) do que os controles normais (9.481,8 ± 3.242,4 µm²) e que o grupo com insuficiência cardíaca congestiva (9.475,1 ± 2.104,9 µm²); o mesmo ocorrendo com a densidade das ilhotas na cauda do pâncreas (respectivamente, 1,2 ± 0,7 vs. 0,9 ± 0,6 vs. 1,9 ± 1,0 IP/mm²). Na cauda do pâncreas dos casos com Megas, houve correlação positiva e significante (r = + 0,73) entre a área e a densidade das ilhotas pancreáticas. Discreta fibrose e infiltrados leucocitários foram vistos nas ilhotas e em gânglios pancreáticos dos pacientes chagásicos. Ninhos de Trypanosoma cruzi não foram observados nos cortes examinados. Indivíduos com a forma Megas da doença de Chagas mostraram aumento da área e da densidade das ilhotas na cauda do pâncreas. CONCLUSÃO: As alterações morfológicas e morfométricas observadas são consistentes com alterações funcionais do pâncreas, incluindo distúrbios da glicemia e da insulinemia.

Doença de Chagas; Morfometria; Ilhotas pancreáticas; Pâncreas


Faculdade de Medicina / Universidade de São Paulo - FM/USP Av. Ovídio Pires de Campos, 225 - 3 and., 05403-010 São Paulo SP - Brazil, Tel.: (55 11) 3069-6235 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: revista.hc@hcnet.usp.br