Genótipos do vírus da hepatite C em pacientes em hemodiálise no Distrito Federal, Brasil

Os genótipos e subtipos do vírus da hepatite C (HCV) foram determinados em pacientes em hemodiálise no Distrito Federal, Brasil, pelo sequenciamento das regiões 5' não codificante (NC) e não estrutural 5B (NS5B). De 761 pacientes, 66 amostras anti-HCV positivas foram testadas para RNA-HCV. Todas as 51 amostras RNA-HCV positivas por PCR para a região 5' NC foram genotipadas como dos genótipos 1 (90,2%) e 3 (9,8%). O subtipo 1a (82,3%) foi o mais prevalente, seguido pelos subtipos 3a (9,8%), 1b (5,9%) e 1a/1b (2,0%). Quarenta e duas amostras puderam ser amplificadas e genotipadas na região NS5B: 38 (90,5%) como genótipo 1, subtipo 1a, e 8 (9,5%) como genótipo 3, subtipo 3a. Para as 42 amostras sequenciadas nas duas regiões, os genótipos e subtipos determinados foram concordantes em 100% e 95,2% dos casos, respectivamente. Duas amostras apresentaram resultados discrepantes, sendo que a região 5' NC não diferenciou corretamente os subtipos 1a e 1b. Estes achados indicam que o genótipo 1, subtipo 1a, do HCV é o mais prevalente em pacientes em hemodiálise no Distrito Federal, Brasil.


Instituto de Medicina Tropical de São Paulo Av. Dr. Enéas de Carvalho Aguiar, 470, 05403-000 - São Paulo - SP - Brazil, Tel. +55 11 3061-7005 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: revimtsp@usp.br