Accessibility / Report Error

Alterações das propriedades elásticas dos pulmões e broncomotricidade em coelhos, na doença de Chagas crônica induzida experimentalmente

Changes of rabbit pulmonary elastic properties and bronchomotrlclty in experimentally induced chronic Chagas' disease

Resumos

Com o intuito de estudar a denervação brônquiea na fase crônica da doença de Chagas investigaram-se as propriedades mecânicas e a motricidade brônquiea de 6 coelhos chagásicos crônicos e 4 controles. Utilizou-se o método da pletismografia de corpo inteiro e todas as medidas foram feitas antes e depois da administração endovenosa de cloridrato de histamina (0,11 mg/kg). No grupo chagásico crônico obteve-se um menor acréscimo da capacidade residual funcional e uma quase inalteração do pico de fluxo na expiração passiva após a administração de histamina. Este grupo apresentou também um desvio para a direita na curva estática de pressão transpulmonar/volume. Estes resultados sugerem uma alteração na árvore brônquiea, que consiste principalmente numa broncoreatividade diminuída.


In order to study the role of bronchial denervation in Chagas' disease, the mechanical properties and the hronchomotricity o£ 6 chronic chagasic and 4 control rabbits were investigated. The whole-body plethysmograph method was used and the measurements were performed before and after intravenous administration of histamine chlorhydrate (0.11 mg/kg body weight). A smaller increase of the functional residual capacity, an almost unchanged peak passive expiratory flow after the histamine administration and a shift to the right of the static transpulmonary pressure/volume curve observed in the chagasic animals indicate an alteration of the bronchial tree, mainly consisting of a decreased bronehoreactivity.

Experimental trypanosomiasis; Rabbit; Changes in pulmonary; Elastic properties


ORIGINAL ARTICLES

Changes of rabbit pulmonary elastic properties and bronchomotrlclty in experimentally induced chronic Chagas' disease

Alterações das propriedades elásticas dos pulmões e broncomotricidade em coelhos, na doença de Chagas crônica induzida experimentalmente

Paulo TavaresI; Paulo Hilário Nascimento SaldivaII; Marina Pires do Rio CaldeiraII; Débora Fernandes CalheirosII; Maria Alice GouveiaII; Carmen Diva SaldivaIII

IFaculdade de Ciencias da Saúde UNB

IILaboratório de Poluição Atmosférica Experimental FMUSP — Av. Dr. Arnaldo. 455, 01246 S. Paulo, SP., Brasil (Address tor reprints)

IIIDepartamento de Estatística USP

SUMMARY

In order to study the role of bronchial denervation in Chagas' disease, the mechanical properties and the hronchomotricity o£ 6 chronic chagasic and 4 control rabbits were investigated. The whole-body plethysmograph method was used and the measurements were performed before and after intravenous administration of histamine chlorhydrate (0.11 mg/kg body weight). A smaller increase of the functional residual capacity, an almost unchanged peak passive expiratory flow after the histamine administration and a shift to the right of the static transpulmonary pressure/volume curve observed in the chagasic animals indicate an alteration of the bronchial tree, mainly consisting of a decreased bronehoreactivity.

Key words: Experimental trypanosomiasis — Rabbit — Changes in pulmonary — Elastic properties.

RESUMO

Com o intuito de estudar a denervação brônquiea na fase crônica da doença de Chagas investigaram-se as propriedades mecânicas e a motricidade brônquiea de 6 coelhos chagásicos crônicos e 4 controles. Utilizou-se o método da pletismografia de corpo inteiro e todas as medidas foram feitas antes e depois da administração endovenosa de cloridrato de histamina (0,11 mg/kg).

No grupo chagásico crônico obteve-se um menor acréscimo da capacidade residual funcional e uma quase inalteração do pico de fluxo na expiração passiva após a administração de histamina. Este grupo apresentou também um desvio para a direita na curva estática de pressão transpulmonar/volume. Estes resultados sugerem uma alteração na árvore brônquiea, que consiste principalmente numa broncoreatividade diminuída.

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text available only in PDF format.

ACKNOWLEDGEMENTS

The Authors are grateful to Ruberval da Silva and Luis Morato for their technical help.

Recebido para publicação em 2/5/1985

  • 1. BRENEB, Z. & ANDRADE, Z. A. Trypanosoma cruzi e doença de Chagas. Rio de Janeiro, Guanabara Koogan, 1979.
  • 2. BROWNLEE, K. A. Statistical theory and methodology in science and engineering. New York, Wiley & Sons, 1965.
  • 3. CANNON, W. B. A law lor denervation. Amer. J. med. Sci., 198: 737-750, 1939.
  • 4. GODOY, R. A. Hipersensibilidade da musculatura brônquiea à metacolina na forma crônica da moléstia de Chagas. Rev. Goiana Med., 10: 91-119, 1964.
  • 5. KÖBERLE, P. Chagas-Bronchiektasie (Quantitative Untersuchungen am vegetativen Nervensystem des Respirationstraktes Vorläufige Metteilung). Z. Tropenmed. Parasit., 10: 304-308. 1959.
  • 6. KÖBERLE, F. Patologia da moléstia de Chagas. Medicina (Ribeirão Preto), 1: 73-98, 1962.
  • 7. KÖBERLE, F.; COSTA, R. B.; OLIVEIRA. J. A. M. & OLIVEIRA, J. S. M. Patologia da moléstia de Chagas. Medicina (Ribeirão Preto), 5: 5-45, 1972.
  • 8. KÖBERLE, F.; OLIVEIRA, J. S. M. & ROSSI, M. A. Pneumopatia chagásica (relato anátomo-patológico de 250 casos). Rev. Goiana Med., 15: 135-148, 1969.
  • 9. LARANJA, F. S.; DIAS, E.; NÓBREGA, G. & MIRANDA, A. Chagas' disease. A clinical epidemiologic and pathologic study. Circulation, 14: 1035-1060, 1956.
  • 10. MANÇO, J. C. & TERRA FILHO, J. Comprometimento das vias aéreas na forma crônica da doença do Chagas. J. Pneumol., 10: 243-247, 1984.
  • 11. MANCO. J. C; GODOY, R. A.; GALLO Jr., L. & AMORIM, D. S. Resposta ventilatória à metacolina na forma crônica da doença de Chagas. Resultados preliminares de estudo espirográfico. Arch. bras. Cardiol., 20: 175-178, 1967.
  • 12. SIMÃO, C. Estudo da broncopatia chagásica através da broncografia associada à prova da metacolina Ribeirão Preto, 1970. (Tese de doutoramento Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo).
  • 13. SIQUEIRA, L. A. & AYALA, M. A. R. O problema da hemossiderose pulmonar na doença de Chagas. Rev. Soc. bras. Med. trop., 7: 251-255, 1972.
  • 14. SOUZA FILHO, C. A. Estudo radiológico de broncopatia chagásica (nota prévia). Rev. paul. Med., 68: 183-184, 1966.
  • 15. TAVARES. P.; LAURIA, L.; RIBEIRO, J. D.; ALMEIDA, J. & TANUS, R. Resposta vascular e brônquica a acetilcolina, adrenalina e histamina do lobo isolado de pulmões de cães chagásicos. J. Pneumol., 4 (Supl.) 71, 1978.
  • 16. TERRA FILHO, J.; MANÇO. J. C; GALLO Jr., L.; MARIN NETO, J. A.: MACIEL, B. C. & AMORIM, D. S. - Estudo funcional das vias aéreas em pacientes portadores da forma crônica da moléstia de Chagas. J. Pneumol., 8 (supl.): 19, 1982.
  • 17. TERRA FILHO, J.; MANÇO, J. C; GALLO Jr., L.; MARIN NETO, J. A.: MACIEL, B. C.; AMORIM, D. S. Reatividade brônquica à metacolina em pacientes chagásicos crônicos. J. Pneumol., 8 (supl.): 19-20, 1982
  • 18. VIANNA, L. G.; VIANNA, A. L. Bronquiectasia e pneumopatia chagásica. Rev. Inst. Med. trop. S. Paulo. 20: 64-66, 1978.

Datas de Publicação

  • Publicação nesta coleção
    16 Out 2012
  • Data do Fascículo
    Out 1986
Instituto de Medicina Tropical de São Paulo Av. Dr. Enéas de Carvalho Aguiar, 470, 05403-000 - São Paulo - SP - Brazil, Tel. +55 11 3061-7005 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: revimtsp@usp.br