Satisfação dos estudantes com as experiências clínicas simuladas: validação de escala de avaliação

Rui Carlos Negrão Baptista José Carlos Amado Martins Maria Fátima Carneiro Ribeiro Pereira Alessandra Mazzo Sobre os autores

OBJETIVO:

validar um instrumento de avaliação da satisfação dos estudantes de Enfermagem com as experiências clínicas simuladas.

MÉTODO:

uma escala de 17 itens foi aplicada a estudantes do Curso de Licenciatura em Enfermagem, depois de um conjunto de experiências clínicas simuladas. Realizada análise fatorial com rotação ortogonal Varimax, assim como a estimativa da consistência interna para determinar a validade da escala.

RESULTADOS:

com uma amostra de 181 estudantes, obteve-se elevada correlação de praticamente todos os itens com o total da escala, com um valor de alpha de 0,914. Os itens da escala foram divididos em três fatores: dimensão prática, dimensão realismo e dimensão cognitiva, com uma boa consistência interna de 0,89, 0,88 e 0,73, respetivamente.

CONCLUSÃO:

a escala cumpre os requisitos de validade, revelando elevado potencial para utilização em investigação.

Satisfação Pessoal; Estudantes de Enfermagem; Simulação


Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto / Universidade de São Paulo Av. Bandeirantes, 3900, 14040-902 Ribeirão Preto SP Brazil, Tel.: +55 (16) 3315-3451 / 3315-4407 - Ribeirão Preto - SP - Brazil
E-mail: rlae@eerp.usp.br