A experiência das hortas urbanas comunitárias: organização social e segurança alimentar

Joeli Silva de SOUZA Ryzia de Cassia Vieira CARDOSO Lídice Almeida Arlego PARAGUASSÚ Sidione Ferreira dos SANTOS Sobre os autores

RESUMO

Objetivo

Caracterizar as hortas urbanas comunitárias de Salvador-Bahia, quanto à organização social, ao trabalho, à oferta e o acesso aos alimentos, em alinhamento ao conceito de Segurança Alimentar.

Métodos

Realizou-se estudo transversal, exploratório, envolvendo levantamento de informações, identificação e seleção das hortas comunitárias. Sete hortas comunitárias foram localizadas, das quais cinco participaram, com coleta de dados por meio da aplicação de questionários semiestruturados, junto a 13 horticultores.

Resultados

A maioria das hortas (80,0%) localizava-se em bairros populares, tinha menos de cinco anos de existência, funcionava sem legalização da terra (80,0%), em áreas cedidas (80,0%) e sem apoio técnico (100,0%). Observou--se ausência de organização social, na maioria das iniciativas (60,0%). As maiores dificuldades incluíram: falta de financiamento (80,0%), de voluntários para o trabalho (80,0%) e limitações no uso da água (80,0%). Os cultivos compreenderam variedades de frutas e hortaliças, destinadas ao autoconsumo (80,0%), à doação (60,0%), e/ou à comercialização (40,0%). Os horticultores incluíram mulheres (50,0%) e homens (50,0%), média de idade de 44,8 anos, escolaridade entre analfabetos (25,0%) e nível superior (37,5%), migrantes rurais (50,0%) e com experiência na agricultura (62,5%). Como aspectos positivos do trabalho, constaram a produção e o acesso a alimentos naturais e o prazer pelo trabalho com a terra.

Conclusão

Verificou-se insuficiência de políticas para o segmento, reduzido apoio técnico e financiamento, conquanto houvesse contribuições para a geração de trabalho, a oferta e o acesso aos alimentos. O estudo revelou forte vinculação entre hortas comunitárias e estratégias de promoção da Segurança Alimentar e Nutricional.

Palavras-chave
Segurança Alimentar e Nutricional; Oferta de Alimentos; Abastecimento de Alimentos; Pobreza; Agricultura Urbana

Pontifícia Universidade Católica de Campinas Núcleo de Editoração SBI - Campus II , Av. John Boyd Dunlop, s/n. - Prédio de Odontologia, 13059-900 Campinas - SP Brasil, Tel./Fax: +55 19 3343-6875 - Campinas - SP - Brazil
E-mail: sbi.submissionm@puc-campinas.edu.br