• Socioeconomic status and its influence on the prevalence of overweight and obesity among adolescent school children in the city of Fortaleza, Brazil Artigos Originais

    Campos, Lício de Albuquerque; Leite, Álvaro Jorge Madeiro; Almeida, Paulo César de

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVOS: Analisar a relação entre o nível socioeconômico e a prevalência de sobrepeso e obesidade em adolescentes escolares do ensino público e privado do Município de Fortaleza. MÉTODOS: Realizou-se um estudo de corte transversal com 1.158 adolescentes, sendo 587 das escolas privadas e 571 das escolas públicas. Foram avaliados o índice de massa corporal e o nível socioeconômico das famílias pelo Critérios de Classificação Econômica do Brasil. RESULTADOS: Foi encontrada maior prevalência de sobrepeso/obesidade nas classes de maior nível socioeconômico (24,8%) em relação às de menor nível (17,4%). Os rapazes de maior nível socioeconômico tiveram maiores taxas de prevalência de sobrepeso/obesidade do que os de menor nível, fato que não foi observado entre as adolescentes. Constatou-se que, na fase de 10 a 14 anos, o excesso de peso era mais freqüente nas classes mais altas, não acontecendo essa diferença entre 15 a 19 anos. CONCLUSÃO: Conclui-se que a prevalência de sobrepeso/obesidade em adolescentes do Município de Fortaleza é maior nos estratos sociais mais elevados, tendo os adolescentes masculinos apresentado uma relação diretamente proporcional entre o nível socioeconômico e o excesso de peso, o que não foi constatado no sexo feminino.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: The aim of this study was to analyze the relationship between socioeconomic status and prevalence of overweight and obesity among adolescents in public and private schools in the city of Fortaleza, Brazil. METHODS: This is a cross-sectional study with 1 ,158 adolescents, 587 from private schools and 571 from public schools. The body mass index and the socioeconomic status of the family using the Economic Classification Criteria of Brazil were determined. RESULTS: Overweight and obesity were found to be more prevalent among wealthier families (24.8%) than among poorer families (17.4%). Males of wealthier families were more likely to be overweight and obese than those of poorer families; the same was not observed among females. Among the adolescents aging 10 to 14 years, excess weight was more common in the wealthier families, but the same was not observed among adolescents aging from 15 to 19 years. CONCLUSION: The prevalence of overweight and obesity of adolescents in the City of Fortaleza is higher in wealthier families; male adolescents presented a direct proportional relationship between socioeconomic status and excess weight, which was not evidenced among females.
  • Development of a questionnaire to assess food intake of population groups Artigos Originais

    Sales, Regiane Lopes de; Silva, Margarida Maria Santana; Costa, Neuza Maria Brunoro; Euclydes, Marilene Pinheiro; Eckhardt, Vivian Fernandes; Rodrigues, Cláudia Márcia Antunes; Tinôco, Adelson Luiz Araújo

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVOS: Este trabalho procurou desenvolver um instrumento para obtenção de dados relativos ao consumo alimentar, de caráter qualitativo e quantitativo, para avaliar a ingestão dietética em estudos populacionais. MÉTODOS: Inicialmente foram coletados dados sobre a ingestão alimentar de uma amostra representativa de moradores da cidade de Viçosa (n=119). Para conhecer os alimentos mais consumidos e seus porcionamentos, foram utilizados os métodos recordatório de 24h e pesagem direta. A entrevista ocorreu no horário do almoço ou jantar, com pesagem de todos os alimentos constantes na refeição e de porções referidas como consumidas nas últimas 24h, usou-se também álbum fotográfico como auxiliar na estimativa do peso da porção. RESULTADOS: A partir dos 60 alimentos mais consumidos e dos porcionamentos identificados, foi desenvolvido um inquérito baseado no método Freqüência de Consumo Alimentar semi-quantitativo, com 65 itens e um álbum fotográfico de alimentos. Realizou-se um estudo piloto para avaliação desta metodologia em uma sub-amostra (n=34). Para comparação entre os dois métodos, avaliaram-se o valor energético e os macronutrientes, utilizando o coeficiente de Pearson e o teste "t" de Student, tendo-se obtido: r=0,53 para energia, r=0,43 para proteína, r=0,58 para lipídeos e r=0,21 para carboidratos. Não foi detectada diferença significante entre os dois métodos para proteína e lipídeos, pelo teste "t" (alfa=0,05). CONCLUSÃO: O inquérito desenvolvido mostrou-se um instrumento promissor para inquéritos populacionais, no entanto, são necessários maiores estudos para averiguar as limitações e os possíveis desdobramentos do inquérito para atingir toda a população.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: This study sought to develop an instrument to obtain and assess data on the qualitative and quantitative food intake of population groups. METHODS: Initially, data on food intake of a representative sample of inhabitants of Viçosa (n=119) were collected. The 24-hour recall and direct weight were used to determine the most consumed foods and their portions. Interview was done at lunch or dinner where all foods and portions mentioned in the previous 24 hours were weighed; a food picture album was used to aid in determining the weight of the portion. RESULTS: From the 60 most frequently consumed foods and the identified portions, a questionnaire based on the semi-quantitative Food Intake Frequency method, with 65 items and a food picture album were developed. A pilot study was done to assess this methodology in a subsample (n=34). To compare the two methods, the energy value and macronutrients were assessed, using the Pearson coefficient and the Student's "t" test and the values obtained were r=0.53 for energy, r=0.43 for proteins, r=0.58 for lipids and r=0.21 for carbohydrates. A significant difference was not detected by the Student's "t" test for proteins and lipids between the two methods (alpha=0.05). CONCLUSION: The questionnaire was proven to be a promising method for population surveys, yet more studies are necessary to determine its limitations and possibly expand the questionnaire in order to cover the entire population.
  • Validation of a food frequency questionnaire for the adult population Artigos Originais

    Ribeiro, Aída Calvão; Sávio, Karin Eleonora Oliveira; Rodrigues, Maria de Lourdes Carlos Ferreirinha; Costa, Teresa Helena Macedo da; Schmitz, Bethsáida de Abreu Soares

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Investigar a validade e a reprodutibilidade de um questionário de freqüência de consumo alimentar desenvolvido para a população adulta. MÉTODOS: Foram entrevistados, em três momentos, 69 indivíduos, de ambos os sexos, freqüentadores de restaurantes industriais em dois órgãos públicos de Brasília, Distrito Federal. Na primeira e terceira entrevistas foram aplicados um recordatório 24 horas e um questionário de freqüência de consumo alimentar, e na segunda entrevista, um recordatório 24 horas. A duração média do estudo foi de 181 dias. Macronutrientes, vitaminas A e C, cálcio, ferro, zinco, colesterol, fibras e energia total foram analisados utilizando-se os coeficientes de correlação intraclasse e de Pearson, este último na forma bruta e deatenuada. RESULTADOS: Quanto à reprodutibilidade, o questionário de freqüência de consumo alimentar obteve desempenho adequado, apresentando resultados acima de 0,7 para lipídeo, colesterol, energia e proteína. Para a validade, os melhores coeficientes deatenuados foram observados para vitamina C (r=0,66), ferro (r=0,58), proteína (r=0,55) e carboidrato (r=0,55) e os piores, para colesterol (r=0,32) e vitamina A (r=0,37). CONCLUSÃO: A obtenção de coeficientes de correlação expressivos para alguns nutrientes indica que este questionário de freqüência de consumo alimentar constitui-se em um bom instrumento de pesquisa para estudos epidemiológicos em população adulta, podendo fornecer informações importantes para a implementação de ações na área de saúde e nutrição.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: The aim of the present study was to investigate the validity and reproducibility of a food frequency questionnaire developed for the adult population. METHODS: Sixty-nine individuals from both genders who attended industrial restaurants from two government divisions in Brasília, Federal District, Brazil, were interviewed on three different occasions. In the first and third interviews, a 24h recall and a food frequency questionnaire were applied, and in the second interview only a 24h recall was applied. The study lasted 181 days. Macronutrients, vitamins A and C, calcium, iron, zinc, cholesterol, fibers and total energy were analyzed using the intraclass and Pearson's correlation coefficients, this last one in a crude and deattenuated manner. RESULTS: Regarding reproducibility, the food frequency questionnaire provided adequate results, presenting correlation coefficients above 0.7 for lipid, cholesterol, energy and protein. For validity, the best deattenuated coefficients were observed for vitamin C (r=0.66), iron (r=0.58), protein (r=0.55) and carbohydrate (r=0.55) and the worst for cholesterol (r=0.32) and vitamin A (r=0.37). CONCLUSION: The expressive correlation coefficients obtained for some nutrients indicates that this food frequency questionnaire constitutes a good research instrument for epidemiological studies in the adult population, as it can supply important dietary information allowing the implementation of actions in the health and nutrition areas.
  • Effect of partially hydrolyzed guar gum on lipid metabolism and atherogenesis of mice Artigos Originais

    Fernandes, Luciana Rodrigues; Xisto, Marilene Diniz; Penna, Michele Groenner; Matosinhos, Izabela Mascarenhas; Leal, Matheus Calab; Portugal, Luciane Rodrigues; Leite, Jacqueline Isaura Alvarez

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Observar os efeitos da goma guar parcialmente hidrolisada no metabolismo de colesterol e na formação de placa aterosclerótica em aorta de camundongos deficientes no receptor LDL, euglicêmicos ou com hiperglicemia induzida por estreptozotocina. MÉTODOS: Trinta e seis camundongos deficientes para o receptor de LDL foram divididos em quatro grupos de nove animais: grupos euglicêmicos, alimentados com dieta aterogênica padrão (controle euglicêmico) ou suplementada com 7,5% de goma guar parcialmente hidrolisada (goma guar parcialmente hidrolisada euglicêmico) e grupos hiperglicêmicos alimentados com dieta aterogênica padrão (controle hiperglicêmico) ou suplementada com 7,5% de goma guar parcialmente hidrolisada (goma guar parcialmente hidrolisada hiperglicêmico). Após quatro semanas de experimento foram medidos: ingestão alimentar, ganho de peso, glicemia, colesterol plasmático e hepático, assim como lesão aterosclerótica na aorta torácica e abdominal. RESULTADOS: Os resultados mostram que a suplementação de goma guar parcialmente hidrolisada levou ao aumento do colesterol hepático e plasmático em animais euglicêmicos, mas sem aumento na área de lesão aterosclerótica na aorta. Em animais hiperglicêmicos, a redução no colesterol plasmático não foi estatisticamente significante, mas no que se refere à lesão da aorta, observou-se redução significante. CONCLUSÃO: Os resultados sugerem que a goma guar parcialmente hidrolisada pode reduzir a aterosclerose associada ao Diabetes Mellitus tipo 1.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: The objective of this study was to observe the effects of partially hydrolyzed guar gum on cholesterol metabolism and atherosclerosis in the aorta of euglycemic and streptozotocin-induced hyperglycemic LDL receptor deficient mice. METHODS: Thirty six LDL receptor deficient mice were divided into 4 groups of 9 animals: euglycemic groups fed on hypercholesterolemic diet without or supplemented with 7.5% of partially hydrolyzed guar gum and streptozotocin-induced hyperglycemic groups also fed an atherogenic diet without or supplemented with 7.5% of partially hydrolyzed guar gum. After 4 weeks of experiment, food intake, body weight, glycemia, blood and liver cholesterol and atherosclerotic lesion in the aorta were determined. RESULTS: The results showed that partially hydrolyzed guar gum induced an increase in blood and liver cholesterol in euglycemic mice when compared with euglycemic control groups at the end of the experiment. On the other hand, although not affecting plasma cholesterol, hyperglycemic mice supplemented with partially hydrolyzed guar gum had the lesion area in the aorta significantly reduced. In hyperglycemic animals, plasma cholesterol did not decrease significantly but the lesion area in the aorta did. CONCLUSION: The present study suggests that partially hydrolyzed guar gum can reduce the development of atherosclerosis associated with type 1 diabetes mellitus.
  • Assessment of serum biochemistry, nutritional status and adverse effects of children with refractory epilepsy using the ketogenic diet Artigos Originais

    Rizzutti, Sueli; Ramos, Ana Maria Figueiredo; Cintra, Isa de Pádua; Muszkat, Mauro; Gabbai, Alberto Alain

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Avaliar os efeitos adversos, o perfil metabólico e o crescimento pôndero-estatural de crianças com crises epilépticas de difícil controle, as quais foram submetidas a dieta cetogênica. MÉTODOS: Selecionaram-se 23 pacientes na faixa etária de 2 até 17 anos com epilepsia de difícil controle medicamentoso, sendo 43,5% (n=10) do sexo masculino e 56,5% (n=13) do sexo feminino, provenientes do Setor de Neuropediatria da Disciplina de Neurologia da Universidade Federal de São Paulo. Foram submetidos a dieta cetogênica e acompanhados por um período mínimo de um ano. Dois pacientes não conseguiram manter a cetose por falta de adesão dos pais à dieta. RESULTADOS: Os efeitos adversos encontrados foram reversíveis, incluindo hiperlipidemia, obstipação (17,4%), náuseas e vômitos (43,4%), sonolência (47,8%), infecções intercorrentes (3,0%), recusa da dieta (13,0%) e epistaxe (4,3%). O crescimento pôndero-estatural não foi afetado, tendo o peso e a estatura seguido o percentil adequado. CONCLUSÃO: A dieta cetogênica pode constituir-se em uma alternativa segura e efetiva para o tratamento de crianças com epilepsia refratária.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: The purpose of this research was to evaluate adverse events, serum biochemistry, growth and nutritional status of children with difficult-to-control seizures who were submitted to ketogenic diet. METHODS: Twenty-three patients aging from 2 to 17 years with refractory epilepsies, where 43.5% (n=10) were males and 56.5% (n=13) females from the Sector of Neuropediatrics, Discipline of Neurology of the Universidade Federal de São Paulo, were treated with the ketogenic diet and followed up for at least 1 year. Two patients were not able to achieve persistent ketosis either because they rejected the diets or their parents did not comply. RESULTS: Adverse events were all reversible and included hyperlipidemia, constipation (17.4%), nausea and vomiting (43.4%), drowsiness (47.8%), intercurrent infections (3.0%), diet refusal (13.0%) and epistaxis (4.3%). Growth was not affected in the short term and most heights remained within the normal centile lines. CONCLUSION: The ketogenic diet can be considered a safe and effective treatment for children with intractable seizures.
  • Plasma and erythrocyte zinc in Brazilian professional female volleyball players Artigos Originais

    Saliba, Louise Farah; Tramonte, Vera Lúcia Cardoso Garcia; Faccin, Gerson Luis

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Avaliar o estado nutricional relativo ao zinco de 12 atletas profissionais do voleibol feminino. MÉTODOS: Determinou-se a concentração de zinco plasmático e eritrocitário por espectrofotometria de absorção atômica, e avaliou-se a ingestão dietética por meio de registro alimentar de três dias, de 12 atletas profissionais do sexo feminino, integrantes de uma equipe de voleibol de Curitiba, PR, na faixa etária de 18 a 24 anos, no ano de 2003. RESULTADOS: Todas as atletas apresentaram valores normais de zinco plasmático. Quanto ao zinco eritrocitário, 100,00% apresentaram valores abaixo da normalidade. Em relação à ingestão dietética de zinco, 83,33% apresentaram adequação. Decréscimos no conteúdo de zinco eritrocitário podem representar o efeito agudo de exercícios prolongados pela utilização enzimática da superóxido dismutase ou anidrase carbônica. CONCLUSÃO: O estado nutricional das atletas relativo ao zinco parece estar inadequado, pois, apesar dos valores normais para a concentração de zinco plasmático, a concentração eritrocitária esteve abaixo da faixa de normalidade para todas as atletas.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: This study aimed to evaluate the nutritional status of zinc in 12 female volleyball players. METHODS: Zinc levels in plasma and erythrocytes were assessed by atomic absorption spectrophotometry. Zinc intake of 12 professional female athletes of a volleyball team from Curitiba, PR, aging from 18 to 24 years in 2003, was determined by a 3-day food record. RESULTS: All athletes presented normal plasma zinc values. Erythrocyte zinc was lower than normal in 100% of the athletes. Dietary intake of zinc was adequate in 83.33%. The significant decreases in erythrocyte content could represent the acute effects of prolonged exercises which increases superoxide dismutase or carbonic anhydrase utilization. CONCLUSION: The athletes' zinc nutritional status seemed to be inadequate. They had normal plasma zinc levels but the erythrocyte zinc was below the normal values for all of them.
  • Volume of light yogurt and subjective appetite sensations in normal-weight and overweight men Artigos Originais

    Nobre, Luciana Neri; Bressan, Josefina; Costa Sobrinho, Paulo de Souza; Costa, Neuza Maria Brunoro; Minin, Valéria Paula Rodrigues; Cecon, Paulo Roberto

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Avaliar, independentemente de outras variáveis, o efeito do volume de iogurte light sobre os parâmetros de ingestão alimentar de homens saudáveis. MÉTODOS: Foi feita incorporação de ar ao iogurte por adição de um produto comercialmente disponível -Emustab® - (6g/300ml) com posterior homogeneização em liqüidificador semi-industrial. Utilizaram-se três volumes de iogurte: 300, 450 e 600ml. Trabalhou-se com 20 participantes saudáveis, sendo 10 eutróficos, com índice de massa corporal entre 19 e 24,9kg/m² e 10 com excesso de peso, índice de massa corporal >25kg/m². Cada um deles recebeu um volume de iogurte em três diferentes dias, pela manhã, em jejum de 12 horas. Uma escala de analogia visual foi utilizada, num período de 4 horas e 30 minutos após ingestão de cada volume do iogurte, para avaliar sensações subjetivas de saciedade, fome e desejo por alimentos específicos. RESULTADOS: Os volumes do iogurte light afetaram a saciedade dos dois grupos estudados, sendo que o maior volume exerceu melhor essa ação (p<0,01). O maior escore para fome foi observado após ingestão do volume de 300ml, seguido de 450 e 600ml (p<0,01). O desejo por alimentos doces, salgados, gordurosos e lanches não foi influenciado pelo tempo e volume do iogurte em ambos os grupos estudados. A ingestão energética subseqüente ao experimento não diferiu estatisticamente entre os dias do estudo e o dia sem iogurte (p<0,05). CONCLUSÃO: Os resultados deste estudo sugerem que o volume de iogurte light, independentemente de outras variáveis, pode afetar a fome e a saciedade.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: This study aimed to evaluate the effect of light yogurt volume on the food intake of healthy men regardless of other variables. METHODS: Air was added to the yogurt by mixing it with a commercially available product, Emustab®, (6g/300ml) and homogenized in a semi-industrial blender. Three volumes of yogurt were used: 300, 450 and 600ml. Twenty healthy volunteers participated in the study, 10 with normal weight, Body Mass Index from 19 to 24.9kg/m² and 10 with excess weight, Body Mass Index >25kg/m². Each one of them was given a yogurt volume in three different days in the morning, after a 12 hour fast. After the intake of each yogurt volume, a visual analog scale was used to assess the subjective sensations of satiety, hunger and desire for specific foods. RESULTS: Light yogurt volumes affected the satiety of both studied groups and the greater volume was more effective (p<0.01). The highest hunger score was obtained after the 300ml intake, followed by 450 and 600ml (p<0.01). The desire for sweet, salty and fatty foods and snacks was not influenced by time and yogurt volume in either studied group. Energy intake between the days which yogurt was consumed and yogurt was not consumed was not statistically different (p<0.05). CONCLUSION: The results of this study suggest that the volume of light yogurt, regardless of other factors, may influence appetite and satiety.
  • Vitamin A metabolic aspects and alcoholic liver disease Review Article

    Paula, Tatiana Pereira de; Peres, Wilza Arantes Ferreira; Ramalho, Rejane Andréa; Coelho, Henrique Sérgio Moraes

    Abstract in Portuguese:

    O fígado é um órgão estratégico no metabolismo de macro e de micronutrientes e, portanto, é de esperar que o comprometimento de sua função seja acompanhado de alterações no estado nutricional de vitamina A. O objetivo deste artigo é revisar na literatura evidências científicas sobre o metabolismo hepático da vitamina A, o efeito das interações entre a vitamina A e o etanol sobre a morfologia hepática, além das alterações do metabolismo dessa vitamina na doença hepática alcoólica. Os dados foram selecionados na base de dados Medline no período de 1979 a 2005. O fígado é o principal órgão responsável pelo armazenamento, metabolismo e distribuição da vitamina A para os tecidos periféricos. Esse órgão utiliza retinol para seu funcionamento normal como proliferação e diferenciação celular. Dessa forma, a deficiência dessa vitamina parece alterar a morfologia hepática. Baixos níveis de retinol hepático têm sido encontrados em todos os estágios da doença hepática alcoólica. A deficiência de vitamina A na doença hepática alcoólica pode resultar da diminuição da sua ingestão ou absorção, na redução da síntese de ácido retinóico ou na diminuição da sua degradação. A ingestão crônica de álcool resulta em níveis reduzidos de ácido retinóico, o que favorece a formação de tumor hepático. Logo, em etilistas crônicos o estado nutricional de vitamina A deve ser monitorado, para evitar sua deficiência e seus sintomas clínicos, embora a suplementação deva ser feita com cautela, pois doses comumente usadas podem ser tóxicas para aqueles que consomem etanol.

    Abstract in English:

    The liver is a strategic organ in the metabolism of macro and micronutrients; when its functioning is compromised, it may cause some change in the nutritional status of vitamin A. The purpose of this article is to review scientific evidence in literature on the liver metabolism of vitamin A, the role of ethanol and retinol interactions on hepatic morphology, besides the alterations in the metabolism of this vitamin in alcoholic liver disease. Data were collected from Medline database. The liver is the main organ responsible for the storage, metabolism and distribution of vitamin A to peripheral tissues. This organ uses retinol for its normal functioning such as cell proliferation and differentiation. This way, vitamin A deficiency seems to alter liver morphology. Patients with alcoholic liver disease have been found to have low hepatic levels of retinol in all stages of their disease. In alcoholic liver disease, vitamin A deficiency may result from decreased ingestion or absorption, reduction in retinoic acid synthesis or increased degradation. Long-term alcohol intake results in reduced levels of retinoic acid, which may promote the development of liver tumor. So, in chronic alcoholic subjects, vitamin A status needs to be closely monitored to avoid its deficiency and clinical effects, however its supplementation must be done with caution since the usual dose may be toxic for those who consume ethanol.
  • Omega-3 and 6 fatty acids balance in inflammatory response in patients with cancer and cachexia Comunicações

    Garófolo, Adriana; Petrilli, Antônio Sérgio

    Abstract in Portuguese:

    O emagrecimento, associado à perda de massa magra, é um fenômeno observado com freqüência em pacientes com câncer. Tal condição predispõe o paciente ao maior risco de infecções, pior resposta aos tratamentos implantados e, como conseqüência, desfavorece o prognóstico de cura. Além disso, a desnutrição também está associada à pior qualidade de vida. Dessa forma, algumas terapias têm sido propostas na tentativa de reverter o catabolismo, por meio da atenuação da resposta inflamatória, observado em grande porcentagem de pacientes com câncer e caquexia. Entre elas, a suplementação com ácidos graxos da família ômega-3 pode representar uma estratégia na redução da formação de citocinas pró-inflamatórias, favorecendo a tolerância metabólica dos substratos energéticos e atenuando o catabolismo protéico, com o intuito de melhorar o prognóstico de cura de pacientes com câncer. Entretanto, os estudos mostram alguns resultados conflitantes da suplementação com ômega-3 na resposta imunológica. Por outro lado, em pacientes com câncer, os ensaios clínicos mostraram atenuar a resposta inflamatória e melhorar o estado nutricional. O objetivo deste artigo é realizar uma revisão criteriosa do assunto.

    Abstract in English:

    Emaciation and loss of lean body mass is a frequent phenomenon observed in cancer patients. This condition leads to infection risk and a poor response to treatment, thus reducing the chances of cure. Furthermore, malnutrition is also associated with a poor quality of life. Therefore, therapies have been proposed in attempt to revert the catabolism observed in most of these patients by attenuating the inflammatory response. Among them, omega-3 fatty acid supplementation may be a strategy to reduce the production of pro-inflammatory cytokines and improve metabolic substrate tolerance, decreasing protein catabolism in order to ameliorate the prognosis of cure in cancer patients. However, studies demonstrate some conflicting results of ômega-3 supplementation on immune response. On the other hand, clinical trials in cancer patients demonstrate that the inflammatory response decreases and the nutritional status improves. The aim of this paper is to elaborate a strict review of the subject.
  • Factors influencing breastfeeding decision and duration Comunicações

    Faleiros, Francisca Teresa Veneziano; Trezza, Ercília Maria Carone; Carandina, Luana

    Abstract in Portuguese:

    Os autores analisaram diferentes fatores que podem influenciar na decisão das mães de amamentar, na duração da amamentação e as principais razões do desmame. Foram selecionados artigos publicados entre 1990 e 2004 das bases de dados Lilacs, Medline, Scielo, Bireme, utilizando as palavras-chave: desmame e fatores de risco, bem como suas versões em inglês. Alguns fatores, como maternidade precoce, baixo nível educacional e socioeconômico maternos, paridade, atenção do profissional de saúde nas consultas de pré-natal, necessidade de trabalhar fora do lar, são freqüentemente considerados como determinantes do desmame precoce. Contudo, outros, como o apoio familiar, condições adequadas no local de trabalho e uma experiência prévia positiva, parecem ser parâmetros favoráveis à decisão materna pela amamentação. Apesar da relevância dos fatores mencionados acima, os aspectos culturais e a história de vida da mãe foram os mais importantes na decisão materna pelo aleitamento e pelo momento do desmame.

    Abstract in English:

    The authors analyzed different factors than can influence the mother's decision to breastfeed, the duration of breastfeeding and the main weaning reasons. Articles published from 1990 to 2004 in the databases Lilacs, Medline, Scielo and Bireme were selected, using the key-words weaning and risk factors. Some factors, such as early maternity, low maternal education and socioeconomic class, parity, attention of health professionals in prenatal care and the need to work are frequently considered determinants of early weaning. However, other factors such as family support, favorable workplace conditions and a positive previous breastfeeding experience seem to favor the mother's decision to breastfeed. Despite the relevance of the factors mentioned above, cultural aspects and the mother's life history are the most important factors determining the decision to breastfeed and the time to wean.
  • Food frequency questionnaire and 24-hour recall: methodological aspects in the assessment of lipid intake Comunicações

    Costa, André Gustavo Vasconcelos; Priore, Sílvia Eloíza; Sabarense, Céphora Maria; Franceschini, Sylvia do Carmo Castro

    Abstract in Portuguese:

    A adequada avaliação da ingestão lipídica, por meio de inquéritos alimentares, é de interesse em estudos populacionais, visto que os lipídeos estão envolvidos tanto no desenvolvimento quanto na prevenção de doenças arteriais coronarianas. Os inquéritos de consumo alimentar consistem em métodos indiretos de avaliação do estado nutricional, que estão sujeitos a erros inerentes ao indivíduo e à metodologia do estudo. É fundamental que tais métodos, particularmente o questionário de freqüência de consumo alimentar sejam validados para a população em estudo. Entre os principais erros que envolvem a avaliação de consumo de lipídeos, incluem-se a variabilidade intrapessoal, que pode ser minimizada com o aumento do número de recordatórios analisados e por técnicas estatísticas. O uso de biomarcadores para estimar o consumo alimentar a longo prazo é cada vez mais utilizado e apresenta um importante papel na correta avaliação do consumo real de lipídeos. Nesse contexto, pretende-se com este trabalho discutir aspectos metodológicos para estimar a ingestão de lipídeos pela população. Discutem-se aspectos relacionados aos erros de avaliação da ingestão alimentar, aspectos relacionados à utilização do questionário de freqüência de consumo alimentar e do recordatório de 24 horas, a importância de estudos utilizando biomarcadores e a utilização de inquéritos alimentares para estimar o consumo de lipídeos.

    Abstract in English:

    The correct assessment of lipid intake through dietary questionnaires is interesting in population studies since lipids are involved in the development and prevention of coronary artery diseases. Food intake questionnaires consist of indirect methods of assessing the nutritional status and are subject to errors inherent to the individual and the study methodology. It is essential that such methods, especially the food frequency be validated for the studied population. Among the main mistakes that involve the assessment of lipid intake are intrapersonal variability which can be minimized by increasing the number of analyzed recalls and by statistical techniques. Biomarkers are used increasingly to estimate long term food intake and play an important role in the correct assessment of the real lipid intake. In this context, this study aims to discuss methodological aspects in estimating lipid intake by the population. The aspects associated with assessment errors of food intake and the use of food frequency questionnaire and 24-hour recall, the importance of studies using biomarkers and the use of dietary questionnaires to estimate lipid intake are discussed.
Pontifícia Universidade Católica de Campinas Núcleo de Editoração SBI - Campus II , Av. John Boyd Dunlop, s/n. - Prédio de Odontologia, 13059-900 Campinas - SP Brasil, Tel./Fax: +55 19 3343-6875 - Campinas - SP - Brazil
E-mail: sbi.submissionm@puc-campinas.edu.br