Líquen plano oral: relato de dois casos em pacientes masculinos

Maiara de Moraes Felipe Rodrigues de Matos Joabe dos Santos Pereira Ana Myriam Costa de Medeiros Éricka Janine Dantas da Silveira Sobre os autores

OBJETIVO: O líquen plano é uma doença crônica sistêmica comum que envolve a mucosa oral, na maioria das vezes na ausência de lesões em pele. Embora relativamente comum, o líquen plano oral é alvo de muita controvérsia, especialmente em relação à sua patogênese e possibilidade de uma eventual transformação maligna. Assim, o objetivo deste trabalho é relatar dois casos de líquen plano em pacientes do sexo masculino e discutir os principais aspectos dessa lesão em relação a etiopatogênese e tratamento. DESCRIÇÃO DO CASO: Exames físicos e histopatológicos foram realizados para confirmar o diagnóstico de líquen plano oral. Foi prescrito elixir de dexametasona no primeiro caso e no segundo caso, foi prescrito o uso tópico de propionato de clobetasol 0,05%. Após quinze dias, os pacientes retornaram com regressão da lesão. CONCLUSÃO: Embora a ocorrência de líquen plano oral é comum, o diagnóstico preciso é necessário para que o correto tratamento possa ser realizado.

Líquen plano; mucosa oral; patogênese; diagnóstico; tratamento


Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul Av. Ipiranga, 6681 - Prédio 6, 90619-900 - Porto Alegre /RS, Tel (55 51) 3320-3562 - Porto Alegre - RS - Brazil
E-mail: odontociencia@pucrs.br