Accessibility / Report Error

Salicylic acid mitigating damage to the photosynthetic apparatus and quality of Eugenia myrcianthes seedlings under water deficit

Resumo

Este trabalho teve como objetivo avaliar o efeito da aplicação exógena de ácido salicílico sobre o metabolismo fotossintético e a qualidade de mudas de Eugenia myrcianthes sob deficiência hídrica e seu potencial de recuperação após reidratação. Foram avaliados dois regimes hídricos: controle - plantas irrigadas diariamente (I) e déficit hídrico (S), com e sem a aplicação de 400 mg L–1 de ácido salicílico (AS), totalizando quatro tratamentos. As mudas foram avaliadas em três momentos: no início do experimento (T0) quando a irrigação foi interrompida; quando a taxa fotossintética atingiu valores próximos a zero (F0 - 15 dias após a suspensão hídrica), quando a irrigação foi reiniciada; e quando a taxa fotossintética foi recuperada (REC). Mudas de E. myrcianthes foram afetadas negativamente quando submetidas à restrição hídrica; o ácido salicílico atenuou os danos ao aparato fotossintético por agir positivamente sobre o conteúdo relativo de água nas folhas, índice SPAD, metabolismo fotossintético, atividade das enzimas superóxido dismutase e peroxidase e crescimento das mudas na F0. Eugenia myrchiantes apresentou potencial de recuperação após a retomada da irrigação. A aplicação de AS contribuiu na manutenção das trocas gasosas, processos fotoquímicas e qualidade de mudas de E. myrcianthes durante e após o deficit hídrico, sugerindo a promoção da indução de resistência de plantas.

Palavras-chave
enzimas antioxidantes; fluorescência da clorofila a; ecofisiologia; trocas gasosas; fitohormônio

Instituto de Pesquisas Jardim Botânico do Rio de Janeiro Rua Pacheco Leão, 915 - Jardim Botânico, 22460-030 Rio de Janeiro, RJ, Brasil, Tel.: (55 21)3204-2148, Fax: (55 21) 3204-2071 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: rodriguesia@jbrj.gov.br