Rodriguésia, Volume: 32, Issue: 53, Published: 1980
  • O PROBLEMA DE ESPECIAÇÃO NO GÉNERO ASPIDOSPERMA (APOCYNACEAE) Artigos

    DUARTE, APPARICIO PEREIRA
  • CONTRIBUIÇÃO AO CONHECIMENTO DA DISTRIBUIÇÃO GEOGRÁFICA DAS LAURACEAS VI Artigos

    VATTIMO-GIL, IDA DE

    Abstract in English:

    ABSTRACT In this paper the Author gives new localities of occurrence for 68 species of Lauraceae. All cited plant material was identified by the Author and belong, in the major part, to the Herbaria RB, R, MG and HBR.
  • MORFOLOGIA DAS SEMENTES DE 35 GÊNEROS DE SCROPHULARIACEAE DO BRASIL - SUA APLICAÇÃO À SISTEMÁTICA DESTA FAMÍLIA Artigos

    ICHASO, CARMEN LÚCIA FALCÃO

    Abstract in Portuguese:

    RESUMO O presente trabalho visa a determinação dos gêneros, através das características seminais encontradas nas 99 espécies estudadas. Verificou-se uma variação não só no formato, quanto nas esculturações da testa e número de sementes por cápsula. Com base no formato e nas esculturações, foram estabelecidos 12 tipos de sementes, (Ichaso, 1978)além dos 5 anteriormente criados por Thieret. Observou-se, então, que a tribo Gratioleae é a que possui maior número de tipos, englobando o reticulado-foveado, o reticulado, o foveado, o longitudinal-sulcado, o sulcado-ondulado-Tetraulacium e o granulado-Stemodia. Nos gêneros que a compõem, há uma predominância do tipo reticulado, que ocorre em Bacopa Aubl., (figs. 1-20), Mecardonia Ruiz et Pav. (figs. 20-25), Stemodia L. (figs. 28 e 34), Otacanthus Lindl. (figs. 35-37), Lindernia All. (fig 41), Scoparia L. (Figs. 44-46), Achetaria Cham. et Schlecht. (fig. 47), Capraria L. (fig. 48), Gratiola L. (fig. 49), Mazus Lour. (fig. 50). Segue-se o tipo longitudinal-sulcado, encontrado em dois gêneros: Stemodia L. (figs. 26,27, 30-32) e Limosella L. (Fig. 52). Dentre as Gratioleae é Stemodia L., o gênero que apresenta maior variação nos tipos: possui o granulado (figs. 25,29,33), o reticulado (figs. 28 e 34) e o longitudinal-sulcado (figs. 26,27,30-32). Seguem-se as tribos Verbasceae (reticulado-foveado), Calceolarieae (longítudinal-sulcado, fig. 56) e Hemimerideae (cristado-reticulado (figs. 57-67), todas elas com apenas um gênero. A tribo Antirrhineae, representado, no Brasil, por 4 gêneros, serviu de base à criação de 5 tipos de sementes, (Ichaso, 1978: 339) pois as 2 espécies de Antirrhinum L., variavam suficientemente e permitiram, cada uma, a criação de um tipo (figs. 68-69). Assim, tem-se os tipos: muricado-reticulado-alado (fig. 68), o densomuricado (fig. 69), o ondulado-alado-Linaria (figs. 70,70a), o corticoso-cristado-Cymbalaria (fig. 71) e o cristado-aiado-Maurandia (fig. 72). Chega-se às Digitaleae, também com apenas um gênero. Digitalis L., que possui o tipo reticulado (fig. 73). As Veroniceae, com Veronica L., serviram à criação de 2 tipos: o escavado-marginado (fig. 76) e o pseudo-laevis (figs. 74,75-75a e 77), Ichaso I.c.: 340-341. As Buchnereae, têm o tipo reticulado-inflado, como o predominante, pois ocorre em Gerardia L. (figs. 85-87), Nothochillus Radlk. (fig. 90), Castilleja L. (fig. 91), Melasma Berg. (fig. 92), Alectra Thunb. (fig. 93-94) e em Escobedia Ruiz et Pav. (fig. 95). Em Buchnera L. (figs. 78-83) e em Anisantherina Pennell, encontra-se o tipo reticulado. O tipo linear-oblongo ê encontrado em Physocalyx Pohl. (figs. 96-97). Quanto ao número de sementes por cápsulas, variam de poucas (menos de 25) em Veronica L., Tetraulacium Turcz. Antirrhinum L., Cymbalaria Hill, a numerosíssimas (acima de 300), em Physocalyx Pohl. e Escobedia Ruiz et Pav. Pode-se estabelecer uma correlação entre os diversos tipos de sementes, partindo-se do tipo foveado, chegando-se ao reticulado e daí alcançando-se os mais adaptados à anemocoria e assim, considerados os mais evoluidos, dentro da concepção de que qualquer adaptação a este tipo de dispersão, seria um grau de evolução alcançado pelas sementes. Pôde-se estabelecer um critério de diferenciação, utilizando-se, apenas, o caráter semente, para elaboração de uma "chave". Levantou-se a problemática de Anisantherina Pennell, ser um sinônimo de Rhamphicarpa Benth. emend. Engler, problema esse que só será solucionado, depois de exame de espécies africanas do gênero mencionado.

    Abstract in English:

    ABSTRACT This work aims at determining genera through seed characteristics found in ninety-nine species studied. We have discovered a variation not only in the shape but also in the structure of the testa and in the amount of seeds per capsule. On the basis of shape and structure, twelve types of seeds have been established, besides the five ones previously named by Thieret. We have then observed that the Gratioleae is the tribe that possesses the greater number of types, including the reticulate-honey-combed, the honey-combed (alveolate), the longitudinally furrowed, the furrowed-undulated-Tetraulacium and the granulate one. In the genera which makes up the Gratioleae, there is a predominance of the reticulate type, that occurs in Bacopa Aubl. (f.1-20), Mecardonia Ruiz et Pav. (f. 20-25), Stemodia L. (f. 28 and 34), Otacanthus Lindl. (f. 35-37), Lindernia (f.41), Scoparia L. (f.44-46), Achetaria Cham, et Schlecht. (f.47). Capraria L. (f.48), Gratiola L. (f.49), Mazus Lour. (f.50). Then after that there is the longitudinally furrowed one, found in two genera Stemodia L. (f. 26,28,30-32) and the Limosella (f. 52). Among the Gratioleae, the Stemodia L. is the genus that presents the greater variability of types: it prossesses the granulate (f. 25,29,33), the reticulate (f.28 and 34) and the longitudinally furrowed (f. 26,27,30-32). Then there are Verbasceae (retlculate-honey-combed), Calceolarieae (longitudinally-furrowed, f.56) and Hemimerideae (reticulate-crested, f. 57-67), all of them with only one genus. The Antirrhineae tribe, represented in Brazil by four genera, has served as the basis of five types of seeds, for the two species of Antirrhinum L. have varied suficiently and have allowed, each one, the creation of one type (f. 68-69). Thus, we have the types granulate-retlculate-winged (f.68), the dense-muricated (f.69). The undulated - winged Linaria (f. 70-70a), the thick-barked-crested-Cymbalaria (f.71) and the crested-winged Maurandia (f. 72). We then arrived at the Digitaleae, with one genus only, the Digitalis L. which possesses the reticulate type (f.73). The Veroniceae, with Veronica L., have given rise to the creation of two types: the marginated-scooped (f. 76) and the pseudo-laevis (f.74,75-75a and 77). The Buchnereae have the inflate-reticulated type as predominant, as it occurs in Gerardia L. (f.85-87), Nothochiius Radlk. (f.90), Castilleja L. (f.91). Melasma Berg. (f. 92), Alectra Thunb. (f. 93-94), and Escobedia Ruiz et Pav. (f.95). The reticulated found in Buchnera and Anisantherina (f.84) and the linear-oblong-Physocalyx type (f. 96-97) As to the number of seeds per capsule, they vary from a little (less than 20) in Veronica L. Tetraulacium Turcz. and Cymbalaria Hill, to relatively numerous in Angelonia H.B., Antirrhinum L., Linaria Mill. Digitalis L., Bacopa Aubl., Mecardonia Ruiz et Pav., Stemodia L. and to very numerous ones (over 300 seeds) in Melasma Berg., Alectra Thumb., Escobedia Ruiz et Pav. and Physocalyx Pohl. A correlation has been established among the many types of seeds, starting from the honey-combed type, and arriving at the reticulate and thence, reaching the most adapted ones under the idea that any adaptation to the anemocoria should be a degree of development reached at by seeds. We could establish a criterium of differentiation only using the seed-character for the creation of a "key”. The problem has been arisen as to the Anisantherina Pennell being a synonym for Rhamphicarpa Benth. emend. Engler, and such a problem would only be solved after the examination of species related to the genus Rhamphicarpa.
  • MORACEAE - NOTAS TAXONÔMICAS Artigos

    CARAUTA, JORGE PEDRO PEREIRA

    Abstract in Portuguese:

    RESUMO Comenta-se a posição das Moraceae dentro das Urticales e assinalam-se os géneros desta Ordem existentes no Brasil, de acordo com as modernas revisões. Em acréscimo é apresentada uma chave para a identificação dos gêneros de Moraceae do Brasil.

    Abstract in English:

    SUMMARY The position of the Moraceae in the Urticales is discussed and the genera of this Order which occur in Brazil, according to modern revisions, are listed. An identification key to the Brazilian genera of Moraceae is presented.
  • CONTRIBUIÇÃO AO CONHECIMENTO DA ECOLOGIA DA FLORESTA PLUVIAL TROPICAL E SUA CONSERVAÇÃO - 2 Artigos

    LAROCHE, ROSE CLAIRE MARIA

    Abstract in Portuguese:

    RESUMO neste trabalho apresentamos informações dos diversos fatores naturais que atuam sobre as plantas, os grupamentos vegetais (sinúsias), generalidades e as formas de degradação das nossas florestas.

    Abstract in French:

    RÉSUMÉ nous présentons dans ce travail des renseignements concernant les différents facteurs natureis qui jouent un rôle fondamental dans le comportament des plantes, les groupements végétaux (synusies), généralités et les formes de dégradation de la forét tropicale.
  • MANUAL ILUSTRADO DE ALGUMAS PLANTAS ESPONTÂNEAS NO RIO DE JANEIRO Artigos

    STRANG, H.E.; CARAUTA, J.P.P.; VIANNA, M.C.; AIDA, VANIA
  • LEVANTAMENTO DOS TIPOS DO HERBÁRIO DO JARDIM BOTÂNICO DO RIO DE JANEIRO: MELIACEAE I Artigos

    GUIMARÃES, ELSIE FRANKLIN; MAUTONE, LUCIANA; FERREIRA, VALERIO FLECHTMANN; MARTINELLI, GUSTAVO

    Abstract in Portuguese:

    SINOPSE Com este trabalho damos continuidade à série de outros que se vem realizando neste Jardim sobre Tipos do Herbácio do Jardim Botânico do Rio de Janeiro (RB), e sua classificação. É ilustrado com fotografias das espécies cujo material foi citado pelo autor.

    Abstract in English:

    ABSTRACT This paper continues the survey of the types from the Rio de Janeiro Botanical Garden Herbarium, (RB), Meliaceae I, following the same criterion as the former. Photographs illustrate each species cited by the author.
  • TIPOS DE SOLANACEAE DO HERBÁRIO DO MUSEU NACIONAL DO RIO DE JANEIRO Artigos

    CARVALHO, LÚCIA d'ÁVILA FREIRE DE
  • EXCURSÃO BOTÂNICA AO PARQUE NACIONAL DE SETE CIDADES, PIAUÍ Artigos

    BARROSO, GRAZIELA MACIEL; GUIMARAES, ELSIE FRANKLIN
  • PLANTAS DA CAATINGA-III. RHAMNACEAE ANOMALIA FLORAL EM ZIZYPHUS JOAZEIRO MARTIUS Artigos

    VALENTE, M. da C.; CARVALHO, L d'A. FREIRE DE

    Abstract in Portuguese:

    RESUMO As autoras apresentam uma análise das anomalias encontradas na flor de Zizyphus joazeiro Mart., no que concerne a existência de uma variação celular enumérica e ao aumento do número de feixes vasculares que irão suprir as peças florais.

    Abstract in English:

    SUMMARY The authors present an analysis of the anomalies observed in the flower of Zizyphus joazeiro Mart., in what concerns the existence of a numerical celular variation and of the increase in the member of vascular bundles that apply to floral pieces.
  • TIPOS D0 HERBÁRIO D0 JARDIM BOTÂNICO D0 RIO DE JANEIRO MELASTOMACEAE - III Artigos

    CARVALHO, L d'A. FREIRE DE; PROFICE, S. R.
  • ESTUDO SOBRE OS TRICOMAS - I Artigos

    VATTIMO, ITALO DE

    Abstract in Portuguese:

    Estudando os tricomas, pêlos e escamas de qualquer estrutura ou forma, que ocorrem nos vegetais, o Autor teve a oportunidade de observar que os mesmos surgem no tecido epidérmico, só na área sobre o Sistema Vascular. Tal constatação vem suscitar a necessidade de que se façam estudos mais profundos quanto à fisiologia e à ontogenia vegetais, no que se refere aos tricomas e seu relacionamento com o Sistema Vascular. O fato observado parece ocorrer devido à necessidade de excreção de substâncias, que são subprodutos ou produtos finais do metabolismo, desnecessárias à vida da planta, que transitam no Sistema Vascular e que, ao serem eliminadas por ele, acabam atuando nas células epidérmicas em formação ou recém-formadas, alterando suas estruturas e funções, ocasionando então a transformação em tricomas. Os tricomas, pêlos e escamas de qualquer estrutura ou forma, só teriam como função excretar substâncias, que são subprodutos ou produtos finais do metabolismo.

    Abstract in English:

    ABSTRACT The Author observed that plant trichomes occur in the epidermic tissue, on the area above the vascular system. This fact appears to be related with the physiology of trichomes, that seem to have the only function of excreting substances, that are final subproducts or products of plant metabolism.
  • CONSIDERAÇÕES SOBRE A PESQUISA BOTÂNICA FACE À POLITICA FLORESTAL NO BRASIL Artigos

    MONTEIRO, HONÓRIO; GUIMARÃES, ELSIE FRANKLIN

    Abstract in Portuguese:

    Este ensaio resultou do exame de temas propostos a um seminário que deveria ter sido realizado em Brasília, onde sofreria a competente crítica e que pela atualidade da problemática a ser abordada julgou-se conveniente divulgar, pedindo aos leitores que enviem sugestões.
  • A IMPORTÂNCIA DA ANATOMIA DO LENHO PARA A COMERCIALIZAÇÃO DA MADEIRA* Artigos

    ARAÚJO, PAULO AGOSTINHO DE MATOS; MATTOS, ARMANDO DE
  • EXCURSÃO A VILA MURIQUI Artigos

    BARREIROS, HUMBERTO DE SOUZA
Instituto de Pesquisas Jardim Botânico do Rio de Janeiro Rua Pacheco Leão, 915 - Jardim Botânico, 22460-030 Rio de Janeiro, RJ, Brasil, Tel.: (55 21)3204-2148, Fax: (55 21) 3204-2071 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: rodriguesia@jbrj.gov.br