Avaliação da performance vocal antes e após a vibração sonorizada de língua

Vocal performance evaluation before and after the voiced tongue vibration technique

OBJETIVO: Verificar o tempo ideal de execução da técnica de vibração sonorizada de língua necessário para interferir nas medidas de perturbação (do ciclo vibratório das pregas vocais) a curto prazo, de frequência fundamental (F0) e intensidade vocal. MÉTODOS: Foram analisadas 43 voluntárias do sexo feminino, na faixa etária de 18 a 31 anos (média de 21,2). Elas foram submetidas a uma triagem realizada por uma fonoaudióloga e por uma médica otorrinolaringologista, para eliminação de possível patologia laríngea e/ou alteração vocal. Foi realizada a gravação de um [a] prolongado, antes da realização da técnica de vibração sonorizada de língua; e depois do primeiro, terceiro e quinto minuto de realização da mesma. Após a coleta dos dados foi realizada a análise acústica, através do software Vox Metria® 1.1, na qual se analisou a F0 média e sua variabilidade, intensidade média e medidas de perturbação a curto prazo. RESULTADOS: Houve aumento na F0 a partir de três minutos da execução da técnica e na intensidade a partir de um minuto. Houve diminuição do ruído a partir de três minutos de realização da técnica. Os parâmetros de variabilidade da F0, jitter, shimmer, nível de ruído glótico e irregularidade não apresentaram diferença entre os períodos comparados. CONCLUSÃO: A técnica de vibração sonorizada de língua foi mais efetiva a partir de três minutos. Os resultados obtidos confirmaram a eficácia da técnica, a qual é vastamente empregada na prática fonoaudiológica, delimitando o tempo ideal para a realização da mesma.

Voz; Fonação; Laringe; Acústica da fala; Fonoterapia; Treinamento da voz


Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia Al. Jaú, 684 - 7º andar, 01420-001 São Paulo/SP Brasil, Tel.: (55 11) 3873-4211 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: revista@sbfa.org.br