Accessibility / Report Error

Potencial de risco da transmissão transfusional da doença de Chagas em Belo Horizonte (MG)

Com o objetivo de se isolar amostras do Trypanosoma cruzi de chagásicos crônicos, foram submetidos a xenodiagnóstico e hemocultura, 59 pacientes provenientes do ambulatório de um dos Hospitais de Belo Horizonte. Esses pacientes informaram, em entrevista prévia, serem ou terem sido doadores de sangue ou candidatos à uma primeira doação. 44 deles (74,6%) já haviam doado sangue de la mais de 20 vezes em diferentes bancos de sangue de Belo Horizonte. O resultado conferido através da realização concomitante de apenas 1 xenodiagnóstico e 1 hemocultura, revelou, no grupo de doadores, 47,7% depositividade parasitológica. Considerando todos os doadores chagásicos crônicos, parasitologicamente comprovados ou não, ocorreram mais de 112 doações. Esse é um dado altamente significativo em relação ao problema de transmissão transfusional da doença de Chagas em bancos de sangue de Belo Horizonte, MG.

Transmissão transfusional; Doença de Chagas; Xenodiagnóstico; Hemocultura


Sociedade Brasileira de Medicina Tropical - SBMT Caixa Postal 118, 38001-970 Uberaba MG Brazil, Tel.: +55 34 3318-5255 / +55 34 3318-5636/ +55 34 3318-5287, http://rsbmt.org.br/ - Uberaba - MG - Brazil
E-mail: rsbmt@uftm.edu.br