Infecção de corrente sanguínea por Staphylococcus aureus resistente à meticilina: fatores de risco e evolução clínica em unidades não críticas

INTRODUÇÃO: Methicillin-resistant Staphylococcus aureus (MRSA), se disseminou nos hospitais em diferentes regiões do globo, e é atualmente o principal agente de infecções hospitalares causando infecções de pele, tecidos moles, pneumonia e sepse. O objetivo deste estudo foi identificar fatores de risco para resistência à meticilina em infecções de corrente sanguínea por Staphylococcus aureus e fatores preditivos de mortalidade. MÉTODOS: Uma coorte de 51 pacientes apresentando bacteremia por S. aureus, entre setembro de 2006 a setembro de 2008 foi analisada. Amostras de S. aureus foram obtidas a partir de hemoculturas realizadas pelo laboratório de microbiologia do hospital de clínicas da Universidade Federal de Uberlândia. A resistência à meticilina foi determinada pelo crescimento no agar triagem para oxacilina e a sensibilidade aos antimicrobianos pelo método de difusão em agar. RESULTADOS: Infecções por MRSA (56,8%) e methicillin-susceptible Staphylococcus aureus (MSSA) (43,2%) foram similares e a taxa de mortalidade hospitalar foi de 47%, predominantemente no grupo infectado por MRSA (70,8% vs. 29,2%) (p=0,05). Idade (p=0,02) e a presença de cateter vascular central (p=0,02) foram significantes no grupo de infectados por MRSA. A evolução demonstrou que o uso de dois ou mais agentes antimicrobianos (p=0,03) e tempo de internação prévio à bacteremia superior a sete dias (p=0,006) foram associados à morte. Altos valores de odds ratio foram observados para cardiopatia como comorbidade. CONCLUSÕES: Embora vários fatores de risco tenham sido associados a infecções por MRSA e MSSA e mortalidade o uso de dois ou mais agentes antimicrobianos foi a única variável independente para mortalidade.

Staphylococcus aureus; MRSA; Bacteremia; Fatores de risco


Sociedade Brasileira de Medicina Tropical - SBMT Caixa Postal 118, 38001-970 Uberaba MG Brazil, Tel.: +55 34 3318-5255 / +55 34 3318-5636/ +55 34 3318-5287, http://rsbmt.org.br/ - Uberaba - MG - Brazil
E-mail: rsbmt@uftm.edu.br