Accessibility / Report Error

Índices de transmissão da esquistossomose mansoni em crianças menores de 10 anos, vivendo em área endêmica

Resumos

De um total de 353 crianças menores de 10 anos, submetidas à intradermo-reação no Distrito de Capitão Andrade, município de Itanhomi, em Minas Gerais, 121 mostraram-se negativas. Repetidas as intradermo-reações com intervalo de 1 ano, verificou-se a "viragem" da reação em 10% das 121 crianças estudadas. Valorizou-se também a incidência de 10,4% baseada na positivação anual de exames de fezes na faixa etária de 0 a 10 anos.


From a total of 353 children, younger than 10 years old, submited to intradermoreaction in the district of Capitão Andrade, county of Itanhomi, in Minas Gerais, appeared negative. The intradermo reaction was repeated after a year, and it was confirmed the reaction's change in 10% from the: 121 children. It was observed, too, the incidence of 10,4% supported in the annual presence of tuberde bacilus in stools between the ages of 0 and 10 years.


Índices de transmissão da esquistossomose mansoni em crianças menores de 10 anos, vivendo em área endêmica* * Trabalho realizado no Departamento de Medicina Preventiva da Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Rio de Janeiro, com o auxílio do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico.

Maria José Conceição; J. R. Coura

RESUMO

De um total de 353 crianças menores de 10 anos, submetidas à intradermo-reação no Distrito de Capitão Andrade, município de Itanhomi, em Minas Gerais, 121 mostraram-se negativas. Repetidas as intradermo-reações com intervalo de 1 ano, verificou-se a "viragem" da reação em 10% das 121 crianças estudadas.

Valorizou-se também a incidência de 10,4% baseada na positivação anual de exames de fezes na faixa etária de 0 a 10 anos.

ABSTRACT

From a total of 353 children, younger than 10 years old, submited to intradermoreaction in the district of Capitão Andrade, county of Itanhomi, in Minas Gerais, appeared negative. The intradermo reaction was repeated after a year, and it was confirmed the reaction's change in 10% from the: 121 children. It was observed, too, the incidence of 10,4% supported in the annual presence of tuberde bacilus in stools between the ages of 0 and 10 years.

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text available only in PDF format.

Recebido para publicação em 15.1.1978.

  • 1. FAROOQ, M.; HAIRSTON, N.G.; SAMANN, S.A., MALLAH, M.B. & ALLAM, A.A.:The Epidemiology of Schistosoma haematobium and S. mansoni infections in the Egypt-49 Project área: Prevalence of Bilharziasis in relation to certain environmental factors. Bull, Wld. Hlth. Org., 35(3): 319 - 330, 1966.
  • 2. HOFFMAN, W.A.; PONS, J.A. & JANER, J.L.: The sedimentation concentration method in Schistosomiasis mansoni. Puerto Rico J. Publ. Hlth., 9(3): 283-291, 1934.
  • 3. KATO, K.; A correct application of the thick-smear technique with cellophane paper cover. A pamphlet. 9p., 1960 (In japanese). IN KOMIYA Y. & KOBAYASHI, A.: Evaluation of Kato thick-smear technique with a cellophane cover for helminth eggs in feces. Japan J. Med. Sci. Biol., 19(1): 59-64, 1966.
  • 4. KATZ, N.; CHAVES, A. & PELLEGRINO, J.: A simple device for quantitative stool thick-smear technique in Schistosomiasis mansoni. Rev. Inst. Med. Trop. S. Paulo, 14(6): 397-400, 1972.
  • 5. LUTZ, A.; Observações sobre a evolução do "Schistosomun mansoni". Brasil méd., 30(49) : 385-387,1916.
  • 6. MENEZES, A.P. & COURA, J.R.: Prevalência e morbidade da Esquistossomose mansônica em área urbana do município de Riachuelo, Sergipe. Anais do XI Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical. Rio de Janeiro, fevereiro de 1975.
  • 7. PESIGAN, T.P.; FAROOQ, M.; HAIRSTON, N.G.; JAUREGUI, J.J.; GARCIA, E.G.; SANTOS, A.T.; BESA, A.A.: Studies on Schistosoma japonicum infection in the Philippines. Bull. Wld. Hlth. Org., 18(3): 345-455, 1958.
  • 8. PESSOA, S.B. & AMO RIM, J.P.: Notas sobre a Esquistossomose mansônica em algumas lopal idades de Alagoas. Rev. bras. Med., 14(6): 420-422, 1957.
  • 9. PESSOA, S.B. & BARROS, P.R.: Notas sobre a Epidemiologia da Esquistossomose mansônica no Estado de Sergipe. Rev. Med. Cir. S. Paulo, 13 (4): 147-154, 1953.
  • *
    Trabalho realizado no Departamento de Medicina Preventiva da Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Rio de Janeiro, com o auxílio do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico.
  • Datas de Publicação

    • Publicação nesta coleção
      10 Jun 2013
    • Data do Fascículo
      Dez 1978

    Histórico

    • Recebido
      15 Jan 1978
    • Aceito
      15 Jan 1978
    Sociedade Brasileira de Medicina Tropical - SBMT Caixa Postal 118, 38001-970 Uberaba MG Brazil, Tel.: +55 34 3318-5255 / +55 34 3318-5636/ +55 34 3318-5287, http://rsbmt.org.br/ - Uberaba - MG - Brazil
    E-mail: rsbmt@uftm.edu.br