Anticorpos líticos detectados em líquido pericárdico de chagásicos crônicos

Resumos

A pesquisa de anticorpos líticos (AL) através do teste de lise mediada por complemento (LMCo) foi positiva em 11 líquidos pericárdicos obtidos de pacientes chagásicos falecidos subitamente ou por causas não relacionadas à doença de Chagas e que estão incluídos em um estudo da forma indeterminada dessa doença. Em todos esses pacientes a sorologia convencional para doença de Chagas apresentou resultados positivos e o quadro anátomo-patológico mostrou lesões características ou compatíveis com a cardite chagásica crônica. Em 12 líquidos pericárdicos de indivíduos que faleceram por diferentes causas e nos quais a sorologia para doença de Chagas foi negativa, a LMCo também foi negativa. A presença de AL no líquido pericárdico constitui forte evidência da presença de infecção ativa por T. cruzi nos chagásicos necropsiados e abre perspectivas para o estudo e o melhor conhecimento da patologia da doença de Chagas.

Doença de Chagas; Líquido pericárdico; Anticorpo lítico; Sorologia anti-T. cruzi


Lytic antibodies (LA) investigated by complement-mediated lysis (CoML) test were present in 11 pericardial fluids collected from chagasic patients who died suddenly or from causes not related to the disease and were included in a study of the indeterminate form of Chagas' disease. In all patients diagnostic conventional serology performed with the pericardial fluid was positive and heart lesions were characteristic or strongly suggestive of Chagas' disease myocardiopathy. In 12 pericardial fluids from non-chagasic patients who died from different reasons, the CoML test was negative. The presence of LA in the pericardial fluid is a strong evidence of active T. cruzi infection in the chagasic patients submitted to necropsy and opens perspectives for further studies and better understanding of the pathology of Chagas' disease.

Chagas' disease; Pericardial fluid; Lytic antibodies; Anti - T. cruzi serology


ARTIGOS

Anticorpos líticos detectados em líquido pericárdico de chagásicos crônicos

Edison Reis Lopes; Maria Eiizabeth Soares Pereira; César Moraes; Antoniana Ursine Krettli; Zigman Brener

Endereço para correspondência

RESUMO

A pesquisa de anticorpos líticos (AL) através do teste de lise mediada por complemento (LMCo) foi positiva em 11 líquidos pericárdicos obtidos de pacientes chagásicos falecidos subitamente ou por causas não relacionadas à doença de Chagas e que estão incluídos em um estudo da forma indeterminada dessa doença. Em todos esses pacientes a sorologia convencional para doença de Chagas apresentou resultados positivos e o quadro anátomo-patológico mostrou lesões características ou compatíveis com a cardite chagásica crônica. Em 12 líquidos pericárdicos de indivíduos que faleceram por diferentes causas e nos quais a sorologia para doença de Chagas foi negativa, a LMCo também foi negativa. A presença de AL no líquido pericárdico constitui forte evidência da presença de infecção ativa por T. cruzi nos chagásicos necropsiados e abre perspectivas para o estudo e o melhor conhecimento da patologia da doença de Chagas.

Palavras-chave: Doença de Chagas. Líquido pericárdico. Anticorpo lítico. Sorologia anti-T. cruzi.

ABSTRACT

Lytic antibodies (LA) investigated by complement-mediated lysis (CoML) test were present in 11 pericardial fluids collected from chagasic patients who died suddenly or from causes not related to the disease and were included in a study of the indeterminate form of Chagas' disease. In all patients diagnostic conventional serology performed with the pericardial fluid was positive and heart lesions were characteristic or strongly suggestive of Chagas' disease myocardiopathy. In 12 pericardial fluids from non-chagasic patients who died from different reasons, the CoML test was negative. The presence of LA in the pericardial fluid is a strong evidence of active T. cruzi infection in the chagasic patients submitted to necropsy and opens perspectives for further studies and better understanding of the pathology of Chagas' disease.

Keywords: Chagas' disease. Pericardial fluid. Lytic antibodies. Anti - T. cruzi serology.

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text available only in PDF format.

  • Endereço para correspondência:
    Edison Reis Lopes
    Faculdade de Medicina do Triângulo Mineiro
    Uberaba - MG.
  • Recebido para publicação em 4/5/84.

    Trabalho do Departamento de Patologia, Medicina Legal e Deontologia Médica da Facuidade de Medicina do Triângulo Mineiro, Uberaba; do Centro de Pesquisas René Rachou, FIOCRUZ, Belo Horizonte e do Departamento de Parasitologia da Universidade Federal de Minas Gerais.

    Realizado com auxílio financeiro do CNPq (PIDE), FINEP e WHO Special Programme for Research and Training in Tropical Diseases.

    • 1. Almeida HO, Teixeira VPA, Oliveira ACF. Flebite com parasitismo em supra-renais de chagásicos crônicos. Arquivo Brasileiro de Cardiologia 36: 341-344, 1981.
    • 2. Andrade Z, Ramalho LMO. Miocardite chagásica (estudo morfológico de 38 casos comprovados pelo encontro de parasitas nas reaçőes histológicas). Gazeta Médica da Bahia 66: 55-67, 1966.
    • 3. Bogliolo L. Miocárdio, endocárdio, pericárdio. In: Bogliolo L (ed). Patologia. Guanabara Koogan, Rio de Janeiro, 1981.
    • 4. Krettli AU, Brener Z. Resistance against Trypanosoma cruzi associated to anti-living trypomastigote antibodies. The Journal of Immunology 128: 2009- 2012, 1982.
    • 5. Krettli AU, Cançado JR, Brener Z. Effect of specific chemotherapy on the levels of lytic antibodies in Chagas' disease. Transactions of the Royal Society of Tropical Medicine and Hygiene 76: 334-340, 1982.
    • 6. Krettli AU, Weiss-Carrington P, Nussenzweig RS. Membrane-bound antibodies of bloodstream Trypanosoma cruzi in mice: strain differences in susceptibility to complement-mediated lysis. Clinical and Experimental Immunology 37: 416-423, 1979.
    • 7. Lopes ER, Chapadeiro E, Andrade ZA, Almeida HO, Rocha A. Anatomia patológica dos coraçőes de chagásicos assintomáticos falecidos de modo violento. Memórias do Instituto Oswaldo Cruz 76: 189-197, 1981.
    • 8. Lopes ER, Chapadeiro E, Batista SM, Cunha Jr. JG, Rocha A, Miziara L, Ribeiro JU, Patto RJ. Post-mortem diagnosis of chronic Chagas' disease: comparative evaluation of three serological tests on pericardial fluid. Transactions of the Royal Society of Tropical Medicine and Hygiene 72: 244-246, 1978.
    • 9. Mignone C. Alguns aspectos da anatomia patológica da cardite chagásica crônica. Tese de Docęncia. Facuidade de Medicina da Universidade de São Paulo, São Paulo, 1958.
    • 10. Voller A, Bidwell D, Huldt G, Bartlett A. Microplate enzyme-linked immunoabsorbent assay for Chagas' disease. Lancet 1: 426-428, 1975.

    Endereço para correspondência: Edison Reis Lopes Faculdade de Medicina do Triângulo Mineiro Uberaba - MG.

    Datas de Publicação

    • Publicação nesta coleção
      07 Jun 2013
    • Data do Fascículo
      Set 1984

    Histórico

    • Aceito
      04 Maio 1984
    • Recebido
      04 Maio 1984
    Sociedade Brasileira de Medicina Tropical - SBMT Caixa Postal 118, 38001-970 Uberaba MG Brazil, Tel.: +55 34 3318-5255 / +55 34 3318-5636/ +55 34 3318-5287, http://rsbmt.org.br/ - Uberaba - MG - Brazil
    E-mail: rsbmt@uftm.edu.br