Neoliberalism in Argentina and Chile: common antecedents, divergent paths

Tomás Undurraga Sobre o autor

Resumo

O artigo contrasta as experiências do neoliberalismo na Argentina e no Chile e explora por que dois países que implementaram reformas para o mercado aparentemente semelhantes atingiram posições distintas quanto à mercantilização: uma política pós-neoliberal na Argentina e um neoliberalismo temperado no Chile que só recentemente vem sendo questionado. O artigo traça os antecedentes comuns que inspiraram essas reformas e os diferentes resultados e reações que eles produziram. Em contraste com a literatura recente que enfatiza um ou outro fator explicativo,o artigo oferece uma comparação sintética dos fatores históricos, políticos, econômicos e ideológicos em jogo, ajudando a entender como os capitalistas conseguiram uma posição de classe hegemônica no Chile mas não na Argentina.

PALAVRAS-CHAVE:
neoliberalismo; Argentina; Chile; pós-neoliberalismo; formação da classe capitalista

Universidade Federal do Paraná Rua General Carneiro, 460 - sala 904, 80060-150 Curitiba PR - Brasil, Tel./Fax: (55 41) 3360-5320 - Curitiba - PR - Brazil
E-mail: editoriarsp@gmail.com