Métodos CTAB de extração de DNA para a análise de microssatélites em batata-doce

Aline Borges Mariana Silva Rosa Gustavo Henrique Recchia Jurema Rosa de Queiroz-Silva Eduardo de Andrade Bressan Elizabeth Ann Veasey Sobre os autores

Os marcadores microssatélites são úteis para a análise da diversidade genética de variedades tradicionais de batata-doce (Ipomoea batatas). Para estes estudos, métodos práticos de extração de DNA precisam ser estabelecidos para assegurar uma boa qualidade e quantidade de DNA extraído. Assim, foi comparada a eficiência de três metodologias para extração de DNA usando o tampão de extração CTAB, todas com modificações. Para verificar a quantidade e pureza na quantificação de DNA, bem como o padrão de bandas de microssatélites para as três metodologias utilizaram-se seis etnovariedades de batata-doce. Os testes mostraram que as três metodologias apresentaram resultados satisfatórios. Uma das metodologias baseada em tecido foliar macerado em nitrogênio líquido mostrou-se a mais adequada devido à simplicidade e menor custo. Entretanto, o método baseado em tecido foliar seco foi o mais vantajoso devido à praticidade na aquisição da planta e no processo de secagem, principalmente quando a coleção encontra-se em condições in situ, e pela possibilidade do armazenamento refrigerado das amostras secas e maceradas para futuras extrações de DNA.

Ipomoea batatas; SSR; isolamento de DNA; etnovariedades; protocolo


Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz" USP/ESALQ - Scientia Agricola, Av. Pádua Dias, 11, 13418-900 Piracicaba SP Brazil, Phone: +55 19 3429-4401 / 3429-4486 - Piracicaba - SP - Brazil
E-mail: scientia@usp.br