Condicionamento fisiológico de sementes da árvore pioneira Guazuma ulmifolia (Malvaceae) avaliado por análise computadorizada de imagens

A semeadura direta é um dos métodos mais promissores para a restauração ecológica, mas a baixa emergência de plântulas em campo a partir de sementes de árvores pioneiras ainda limita sua aplicabilidade em larga escala. Avaliou-se a resposta de sementes da espécie florestal pioneira Guazuma ulmifolia ao condicionamento fisiológico. Os tratamentos foram selecionados com base em curvas de hidratação em água e em solução osmótica de Polietilenoglicol - PEG 8000. As sementes foram condicionadas em água por 16 h e em PEG 8000 (-0,8 MPa por 56 e 88 h) a 20ºC, atingindo teor de água de, aproximadamente, 30%. Metade das amostras de cada tratamento foi secada até atingir teor de água próximo ao inicial (7,2%); em seguida, avaliou-se o desempenho das sementes condicionadas submetidas ao não à secagem, além de sementes não condicionadas (testemunha), quanto à germinação (porcentagem e velocidade) e o vigor (condutividade elétrica dos exudatos das sementes). A porcentagem e a velocidade de emergência de plântulas foram avaliadas em condições de casa de vegetação, enquanto que o comprimento de plântulas e a uniformidade de desenvolvimento das plântulas foram estimados usando o software de análise computadorizada de imagens de plântulas SVIS®. As sementes condicionadas fisiologicamente apresentaram potencial fisiológico superior, demonstrado principalmente pelos resultados da análise de imagens. Assim, as sementes condicionadas em água durante 16 h ou em PEG durante 88 h, ambas não submetidas à secagem subsequente, e as condicionadas em PEG durante 56 h e submetidas a secagem, beneficiaram o desempenho germinativo de G. ulmifolia. Sugere-se que esses tratamentos são promissores para aumentar a eficiência de estabelecimento de estande dessa espécie via semeadura direta em programas de restauração ecológica.

SVIS®; sementes florestais; vigor de sementes; restauração ecológica; semeadura direta


São Paulo - Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz" USP/ESALQ - Scientia Agricola, Av. Pádua Dias, 11, 13418-900 Piracicaba SP Brazil, Tel.: +55 19 3429-4401 / 3429-4486, Fax: +55 19 3429-4401 - Piracicaba - SP - Brazil
E-mail: scientia@usp.br