Interação entre resistência a Septoria tritici e estádios fenológicos em trigo

Estudos destinados a entender o comportamento de patógenos em relação a seus hospedeiros são o ponto de partida para qualquer programa de melhoramento cujo objetivo é obter cultivares resistentes. O objetivo do presente trabalho foi analisar a resistência a Septoria tritici Rob em 77 progênies F11 de trigo derivadas do cruzamento Tadinia <FONT FACE=Symbol>´</FONT> (Yecora rojo <FONT FACE=Symbol>´</FONT> UC554) nos estádios fenológicos de plântula, perfilhamento e folha bandeira. Para tal, foram conduzidos três experimentos de campo, onde as plantas foram inoculadas em um dos estádios fenológicos acima mencionados através da pulverização com uma suspensão de conídios, em um delineamento em blocos casualizados, com quatro repetições, onde as parcelas experimentais foram constituídas por uma fileira de um metro de comprimento contendo oito plantas, com um espaçamento de 0,17 m entre linhas e 0,13 m entre plantas. As avaliações da severidade da doença foram feitas registrando-se a área foliar coberta por lesões necróticas e cloróticas, nos estádios de plântula e perfilhamento e área foliar coberta por picnídios no estádio de folha bandeira-floração com auxílio de escalas de notas. Foram detectadas diferenças (P < 0,0001) entre progênies para área foliar lesionada (AFL) nos estádios fenológicos estudados. Análises de variância conjuntas para AFL indicaram uma interação entre progênies e estádios fenológicos (P < 0,0001) para todas as combinações binárias analisadas (plântula-perfilhamento, plântula-folha bandeira e perfilhamento-folha bandeira) assim como para a combinação tripla envolvendo os três estádios fenológicos. É necessário avaliar resistência em mais de um estádio fenológico para garantir a correta seleção de genótipos resistentes.

Mycosphaerella graminicola; Triticum aestivum; mancha foliar; resistência a doenças


São Paulo - Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz" USP/ESALQ - Scientia Agricola, Av. Pádua Dias, 11, 13418-900 Piracicaba SP Brazil, Tel.: +55 19 3429-4401 / 3429-4486, Fax: +55 19 3429-4401 - Piracicaba - SP - Brazil
E-mail: scientia@usp.br