Herança da reação ao oídio em pimenta (Capsicum chinense, Jacq.)

A espécie de pimenta C. chinense tem sido considerada uma das mais importantes fontes de resistência ao oídio, porém a herança dessa resistência ainda é desconhecida. O objetivo deste trabalho foi obter informações sobre a herança dessa reação. Dois progenitores resistentes, Pimenta Cheiro 1 e PI 152225 e dois moderadamente suscetíveis, Pimenta Doce IH-1761 e Pimenta Índio, foram utilizados na obtenção de três híbridos e respectivas gerações F2: Pimenta Doce IH-1761 × Pimenta Cheiro 1, Pimenta Índio ´ PI 152225 e Pimenta Doce IH-1761 × PI 152225. A epidemia de oídio ocorreu de maneira natural a partir de inóculo mantido em plantas de pimentão suscetíveis. As avaliações das reações ao oídio foram feitas na fase de frutificação, através de uma escala de notas de 1 (resistente) a 5 (altamente suscetível). O delineamento experimental utilizado foi inteiramente casualizado. Foram estimados: tipo de ação gênica, coeficiente de herdabilidade e ganho de seleção esperado em F3.. A segregação transgressiva em F2 indicou que a herança é oligogênica e o tipo de ação gênica envolveu os componentes aditivos, dominantes e epistáticos. Os efeitos de dominância e epistasia detectadas nos cruzamentos se mostraram negativos para a suscetibilidade. Os valores de herdabilidade e ganho de seleção foram moderados, sendo de 35,5% e 1,7% para o cruzamento Pimenta Doce IH-1761 <FONT FACE=Symbol>´</FONT> Pimenta Cheiro 1, de 50,4% e 3,5% para Pimenta Índio <FONT FACE=Symbol>´</FONT> PI 152225 e de 49,0% e 2,7% para Pimenta Doce IH 1761 <FONT FACE=Symbol>´</FONT> PI 152225. Os resultados sobre ação gênica favorecem programas de melhoramento visando variedades híbridas.

Leveillula taurica (LEV.) Arn.; Capsicum chinense; resistência genética; ação gênica


São Paulo - Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz" USP/ESALQ - Scientia Agricola, Av. Pádua Dias, 11, 13418-900 Piracicaba SP Brazil, Tel.: +55 19 3429-4401 / 3429-4486, Fax: +55 19 3429-4401 - Piracicaba - SP - Brazil
E-mail: scientia@usp.br