EFEITO DE ÉSTERES DE SACAROSE NO ARMAZENAMENTO DE TOMATES `SANTA CLARA'

Tomates cultivar Santa Clara foram colhidos em 10/10/1995 e tratados com Semperfresh (ésteres de sacarose) a 0; 0,5; 1,0; 1,5 e 2,0%, imersão (1 minuto). Os frutos foram armazenados por 15 dias a 25oC e 70% UR. Os frutos tratados com Semperfresh apresentaram menor desenvolvimento de coloração e menores perdas de firmeza de polpa do que os não tratados. Não houve efeito sobre a perda de peso e os sólidos solúveis totais. Das concentrações utilizadas, o melhor resultado foi obtido com 2% de Semperfresh.

armazenamento; firmeza de polpa; ésteres de sacarose; tomates


São Paulo - Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz" USP/ESALQ - Scientia Agricola, Av. Pádua Dias, 11, 13418-900 Piracicaba SP Brazil, Tel.: +55 19 3429-4401 / 3429-4486, Fax: +55 19 3429-4401 - Piracicaba - SP - Brazil
E-mail: scientia@usp.br