Caracterização de frutos de variedades de abacate com alto teor de óleo

Vicente Manuel Gómez-López Sobre o autor

O teor de óleo de abacates (Persea americana Mill.)é uma característica importante para seu consumo in natura e para a indústria. Treze variedades de abacate de alto teor de óleo (11,23-18,80%) de um pomar venezuelano: Fuerte, Peruano, Lula Ortega, Red Collison, Alcemio, Araira 1, Pope, Ettinger, Gripiña 5, Barker, Duke e Ryan, foram caracterizados pelo teor de óleo da polpa e umidade; peso (fruto inteiro, semente, polpa e casca); comprimento, largura e forma; características da casca (rugosidade, cor e soltura); e tempo de maturação. A variedade Ryan mostrou os maiores teor de óleo (18,80%) e valor calórico (191 kcal/100 g de peso fresco). As variedades venezuelanas têm, em geral, teor mais baixo de gordura e proporção de polpa, e são em geral mais leves que aquelas de outros países. A maioria das variedades é periforme, com casca verde áspera e difíceis de serem descascadas manualmente. A variedade Red Collison tem uma cor avermelhada incomum. A maturação esteve entre 4 e 10 dias após a colheita.

abacate; caracterização de fruto


Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz" USP/ESALQ - Scientia Agricola, Av. Pádua Dias, 11, 13418-900 Piracicaba SP Brazil, Phone: +55 19 3429-4401 / 3429-4486 - Piracicaba - SP - Brazil
E-mail: scientia@usp.br
Accessibility / Report Error