Saúde e Sociedade, Volume: 24, Issue: 2, Published: 2015
  • Editorial Editorial

    Ianni, Aurea; Nakamura, Eunice
  • The debate of regionalization in turbulent times of the unified health system Editorial Especial

    Mendes, Áquilas; Louvison, Marilia
  • Territorial perspective, regionalization and networks: an approach to Federative Republic of Brazil's health policy Parte I - Dossiê

    Ribeiro, Patrícia Tavares

    Abstract in Portuguese:

    O artigo desenvolve o argumento que a regionalização do cuidado à saúde na República Federativa do Brasil requer o aprofundamento da abordagem territorial nas políticas públicas e a contextualização das intervenções governamentais setoriais nas dinâmicas locais de desenvolvimento. A partir da síntese da trajetória dessa estratégia na história recente, em seus objetivos políticos, identifica aspectos da natureza federativa da gestão pública e concepções de território e de redes como processos políticos que podem contribuir para a compreensão do cenário em que vêm se construindo respostas regionais aos problemas locais. A argumentação problematiza a configuração de redes homogêneas de serviços no território nacional em prol de um planejamento territorial, participativo e orientado pelo interesse público que tome como ponto de partida a compreensão do processo saúde-doença e da situação de saúde que se quer alcançar, no futuro de cada lugar.

    Abstract in English:

    This paper argues that the regionalization of health care in the Federative Republic of Brazil requires the deepening of territorial approach in public policies and the contextualization of sectorial interventions in local development initiatives. Analyzing the regionalization strategy in recent history, in its political objectives, the article identifies aspects of the federative nature of public management in Brazil and concepts of territory and networks as political processes, which may contribute to understanding of the scenario where regional responses to local problems are formulated. Building homogeneous networks of services all over the country is questioned as the best answer, in favor of a territorial planning - participatory and guided by public interest - oriented by the understanding of the health-disease process and the health situation to be achieved in each place.
  • Typology of health regions: structural determinants of regionalization in Brazil Parte I - Dossiê

    Viana, Ana Luiza D´Ávila; Bousquat, Aylene; Pereira, Ana Paula Chancharulo de M.; Uchimura, Liza Yurie Teruya; Albuquerque, Mariana Vercesi de; Mota, Paulo Henrique dos Santos; Demarzo, Marcelo Marcos Piva; Ferreira, Maria Paula

    Abstract in Portuguese:

    O desenvolvimento socioeconômico, a oferta e a complexidade das ações e dos serviços de saúde no contexto regional podem ser considerados condicionantes estruturais para o êxito do atual processo de regionalização da saúde no Brasil. O presente estudo tem como objetivo identificar os condicionantes estruturais do processo de regionalização por meio da construção de uma tipologia das regiões de saúde no Brasil. Foi construída tipologia das regiões de saúde brasileiras a partir de fonte de dados secundários disponível. A identificação das dimensões e dos grupos - que compõem a tipologia - foi realizada por meio de análise fatorial e de agrupamentos/clusters. Também foram identificados o tipo de prestador de ações e os serviços predominantes na região tanto para a produção ambulatorial quanto para a internação. As regiões foram classificadas em cinco grupos, de forma independente, de acordo com suas características socioeconômicas e de oferta de serviços de saúde. A caracterização das regiões de saúde brasileiras, a partir da tipologia apresentada, demonstra heterogeneidade do território nacional e a complexidade de organizar sistemas de saúde regionais. A tipologia proposta pode auxiliar na investigação e no melhor entendimento desse cenário contraditório e complexo, apoiando o urgente desenvolvimento de políticas públicas regionais integradas que envolvam, concomitantemente, desenvolvimento econômico e social; e o fortalecimento dos espaços de governança regional, a fim de promover a organização de sistemas de saúde regionais alicerçados nos princípios do SUS e numa gestão compartilhada e solidária que tenha como imagem-objetivo a garantia do direito à saúde.

    Abstract in English:

    The socioeconomic development, supply and complexity of health actions and services in a regional context may be considered structural constraints to the success of the current process of health care regionalization in Brazil. The main objective of this study is to identify the structural determinants of the regionalization process by building a typology of health regions in Brazil. A typology of Brazilian health regions was developed from available secondary data sources. The dimensions and groups that form the typology were identified through factor analysis and cluster analysis. The type of service provider both for out and inpatients was also identified. Results: the regions were classified into five independent groups according to their socioeconomic profile and characteristics of the health service supply. The characterization of Brazilian health regions through the typology demonstrates high levels of heterogeneity throughout Brazil, and the complex organization of the regional health systems. The proposed typology could contribute to future research and better understanding of this complex and contradictory scenario, supporting the urgently required development of integrated regional public policies that simultaneously involve economic and social development and the strengthening of regional spaces of governance in order to promote the organization of regional health systems grounded on the principles of the SUS (Brazilian National Health System), under a shared, joint management with the objective of ensuring the universal right to health.
  • The process of building up regional health management in the State of São Paulo: subsidies for analysis Parte I - Dossiê

    Mendes, Áquilas; Louvison, Marília C. P.; Ianni, Aurea M. Z.; Leite, Marcel Guedes; Feuerwerker, Laura C. M.; Tanaka, Oswaldo Y.; Duarte, Ligia; Weiller, José Alexandre Buso; Lara, Natália Carolina Cairo; Botelho, Lygia de Andrade Machado; Almeida, Cristiane A. L.

    Abstract in Portuguese:

    Este artigo apresenta os resultados gerais da pesquisa sobre o processo de construção da gestão regional no estado de São Paulo, durante a discussão do COAP/redes de atenção, com o intuito de fornecer subsídios para a compreensão deste processo de pactuação regional da saúde, com enfoque nas regiões de saúde de Bauru, Baixada Santista, Grande ABC e Vale do Ribeira, no estado de São Paulo. Além dos resultados apresentados sobre as regiões de saúde estudadas, a metodologia utilizada no desenvolvimento da construção dos perfis das regiões constitui em si uma proposta metodológica de análise de perfis regionais de saúde. A primeira parte do artigo apresenta a metodologia geral adotada para a análise das regiões de saúde; a segunda, abrange os resultados e a discussão da pesquisa, organizados em dois itens. O primeiro destes itens refere-se à análise dos perfis das cinco regiões de saúde pesquisadas no Estado. O segundo, analisa os principais aspectos do processo de pactuação regional da saúde em São Paulo, destacando potencialidades e limites, a partir de entrevistas realizadas com gestores municipais e apoiadores do Conselho de Secretários Municipais de Saúde de São Paulo dessas regiões.

    Abstract in English:

    This article presents the main results of the survey on the regional management building process in the State of São Paulo, during the discussion of the COAP / Care Networks, in order to provide a basis for understanding this process of regional health pact, focusing on the metropolitan areas of Bauru, Santos, Grande ABC and the Ribeira Valley. In addition to the results presented on the health regions studied, the methodology used in the development of the construction of profiles of the regions is itself a proposal for a methodology of analyzing regional health profiles. The first section presents the general methodology for analyzing health regions. The second part covers the results and discussion of the research, organized into two items. The first refers to the analysis of the profiles of the five São Paulo health regions surveyed. The second item analyzes the main aspects of the process of regional health pact in São Paulo, highlighting strengths and limitations, based on interviews with municipal managers and supporters of the Council of Municipal Health Secretaries of São Paulo in these regions.
  • SUS Brazil: The health region as a way forward Parte I - Dossiê

    Santos, Lenir; Campos, Gastão Wagner de Sousa

    Abstract in Portuguese:

    O presente artigo desenvolve o tema da necessidade de se regionalizar a descentralização no sentido de aglutinar o que esta supostamente poderia ter fracionado. Ao revisitar a diretriz constitucional da descentralização os autores propõem medidas que visem sua garantia ao lado de ferramentas administrativas que permitam a formação de regiões de saúde resolutivas em pelo menos 95% das necessidades de saúde do território regional, para garantir autonomia sanitária. Os autores propõem soluções que passam pela criação de pessoas jurídicas associativas regionais, resultantes da aglutinação dos entes federativos em região de saúde. Apontam ainda o que não deu certo no Sistema Único de Saúde - SUS Brasil em razão tanto de equívocos originados nas melhores intenções, quanto do oportunismo que esses equívocos geraram. Advogam os autores a necessidade de respostas jurídico-administrativas para um SUS de caráter interfederativo tanto na sua gestão, que exige compartilhamentos, quanto no seu financiamento, que se mantém interdependente também. Concluem que o único caminho para o SUS ser nacional, é regionalizá-lo e dotar a região de saúde de todo o instrumental necessário à gestão compartilhada, interfederativa e responsável.

    Abstract in English:

    The present article addresses the need to have regionalization of decentralization, in order to cluster together what this could supposedly have broken apart. On revisiting the constitutional guidelines on decentralization, the authors propose measures to provide assurance thereof, in addition to administrative tools that allow the formation of health regions to supply at least 95% of the health needs of the regional territory, to ensure sanitary independence. The authors suggest solutions that include the establishment of regional and associative corporate institutions resulting from the clustering of the federative institutes operating in the health area. The authors also state what has not worked out in the Brazilian National Health System (Sistema Único de Saúde - SUS), due to mistakes that have originated in the best of intentions, as also the opportunism that these mistakes have generated. The authors defend the need to bring judicial and administrative answers to a SUS that is interfederative in character, both in management, which requires some sharing, as also in financing which also remains interdependent. The conclusion reached is that the only way in which the SUS can be national is to regionalize it, and to give the health region all the instruments that are necessary for shared, interfederative and responsible management.
  • Concepts of region and regionalization: aspects of its evolution and possible uses to health regionalization Parte I - Dossiê

    Contel, Fabio Betioli

    Abstract in Portuguese:

    O presente artigo resgata algumas das principais definições dos conceitos de região e regionalização estabelecidos ao longo do século XX na geografia humana, no sentido de encontrar parâmetros para seu uso no atual debate da regionalização da saúde. Essa releitura permitiu que se propusessem três possíveis caminhos para entender a interface entre região/regionalização e a saúde: 1) o resgate crítico de conceitos ligados à tradição da relação homem/meio na atual fase da "transição epidemiológica"; 2) a releitura da geografia das "redes urbanas" como elemento para se pensar as atuais redes de atenção à saúde e para o uso do "complexo industrial da saúde" como mecanismo de desenvolvimento regional; e 3) por fim, a utilização dos conceitos de região e regionalização com origem no marxismo para enfatizar os aspectos materiais e imateriais que estão na base da formação de regiões no atual período da globalização. Do ponto de vista metodológico, o principal recurso utilizado para a consecução do artigo foi a revisão bibliográfica sobre os temas abordados.

    Abstract in English:

    This article aims to discuss some of the main definitions of region and regionalization established in human geography throughout the twentieth century, in order to find parameters for its use in the current debate on the regionalization of health. This reinterpretation allowed the proposition of three ways to understand the interface between region/regionalization and health: 1. A critical reconsideration of some concepts linked to the man/environment geographical tradition, to understand the current phase of "epidemiological transition"; 2. Reinterpretation of the geography of "urban networks" as an element in thinking about today's health care networks and the use of the "health industrial complex" as a mechanism to improve regional development ; 3. and lastly, the use of the concepts of region and regionalization originated from Marxist tradition to emphasize the material and immaterial aspects that underlie the formation of regions in the current period of globalization. From the methodological point of view, the main resource used in this article was a review of the literature on these issues.
  • Regionalization of public hospital care in the metropolitan area of Vitória, Espírito Santo, Brazil Parte I - Dossiê

    Barreto Junior, Irineu Francisco

    Abstract in Portuguese:

    Este artigo analisa o processo de formação da rede regional de atenção à saúde na Região Metropolitana da Grande Vitória-ES (RMGV-ES), com foco específico no atendimento hospitalar público, procurando dimensionar o estágio atual de estruturação da rede hospitalar intermunicipal no Estado do Espírito Santo, particularmente na Grande Vitória. Analisaram-se as internações realizadas nos hospitais do Sistema Único de Saúde e os deslocamentos dos usuários desses serviços entre os municípios que compõem a RMGV. O método adotado foi o processamento e análise dos dados do Sistema de Internações Hospitalares do Sistema Único de Saúde (SIH-SUS), sistematizados pelo seu Departamento de Informática, o Datasus. A Região Metropolitana da Grande Vitória assistiu a importantes fluxos populacionais para a utilização de serviços públicos de saúde, conforme indicam os dados coletados. Os maiores deslocamentos verificados foram de homens, crianças e adolescentes, e para internações cirúrgicas. Considerando-se a regionalização como novo princípio e diretriz do processo de descentralização da saúde, este artigo identificou transformações no processo, que anteriormente apontava para a municipalização e, agora, busca fortalecer uma perspectiva regional e intermunicipal para a assistência à população.

    Abstract in English:

    This article analyzes the process of formation of the regional health care network in the metropolitan area of Vitória, Espírito Santo, Brazil (RMGV-ES), with specific focus on public hospital care, trying to characterize the current stage of structuring inter-hospital network in the State of Espírito Santo (Brazil), particularly in the Grande Vitória area. Hospitalizations were analyzed performed in hospitals of the Brazilian National Health System and the displacements of the users of these services among the municipalities that make up the RMGV. The methods adopted were the processing and analysis of data from the Sistema de Internações Hospitalares do Sistema Único de Saúde (SIH-SUS), systematized by the Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde - Datasus. The RMGV recorded significant population flows in the use of public health services, as shown by the data collected. The largest shifts were observed between men, children and adolescents and for surgical admissions. Considering regionalization as a new principle and guideline of the health decentralization process, this article has identified changes in the process that previously pointed to the municipalization and now seeks to strengthen a regional and intermunicipal perspective for assistance to the population.
  • Regionalization of health in Brazil: an analytical perspective Parte I - Dossiê

    Duarte, Ligia Schiavon; Pessoto, Umberto Catarino; Guimarães, Raul Borges; Heimann, Luiza Sterman; Carvalheiro, José da Rocha; Cortizo, Carlos Tato; Ribeiro, Eduardo Augusto Werneck

    Abstract in Portuguese:

    Este artigo visa a contribuir com o debate sobre a política de regionalização do SUS e a constituição das regiões de saúde no Brasil. Compreendê-las pressupõe reconhecer a dicotomia entre saúde coletiva e saúde individual - que marca a história da saúde pública brasileira - e identificar as diferentes racionalidades que conduzem esse processo. Tais racionalidades permitem não apenas considerar o legado da municipalização no atual processo de regionalização, como também estabelecer nexos entre dois campos do conhecimento fundamentais para o debate, a epidemiologia e a geografia. A epidemiologia clínica, ao privilegiar a saúde individual, fundamenta um modelo assistencial que prioriza a otimização de recursos. O reconhecimento da saúde no seu conceito ampliado, na epidemiologia social, fundamenta um modelo de atenção voltado para os determinantes sociais. Com a geografia, podem-se formular regiões funcionais, baseadas na teoria de Christaller, ou regiões lablachianas, que reconhecem a estrutura social loco/regional, possibilitando a intervenção nos determinantes ou condicionantes da maneira de adoecer e morrer das populações.

    Abstract in English:

    This article aims to contribute to the debate on the SUS regionalization policy and the establishment of health regions in Brazil. Understanding them require to recognize the dichotomy between public health and individual health - which marks the history of Brazilian public health - and identify the different rationalities that lead this process. Such rationalities allow not only to consider the legacy of municipalization in the current regionalization process, as well as to establish links between the two fields of fundamental knowledge to the debate, epidemiology and geography. Clinical epidemiology, privileging individual health, gives basis to a healthcare model that prioritizes the optimization of resources. The recognition of health in its broader concept, in the social epidemiology, bases an attention model aimed at social determinants. With geography, functional regions can be formulated, based on Christaller's theory, or lablachianas regions which recognize the social loco / regional structure, allowing intervention in determining or conditioning the way of illness and death of populations.
  • Care and Empowerment: the construction of the subject responsible for his own health in the experience of diabetes Parte Ii - Artigos

    Lopes, Andréia Aparecida Ferreira

    Abstract in Portuguese:

    A partir da análise da literatura sobre a abordagem do empoderamento do paciente no campo da diabetologia, discute-se o impacto dessa perspectiva sobre os significados das transformações nas relações de cuidado, explorando as implicações para a posição ocupada por profissionais da saúde e pacientes. Consideram-se as dificuldades e os incômodos apontados pelos profissionais da saúde frente às mudanças requeridas pelo empoderamento do paciente. Esses dados são problematizados por meio de um enfoque antropológico, apoiando-se nas elaborações sobre o contraste entre a lógica da escolha e a lógica do cuidado, e considerando a diferença entre as representações dos agentes da biomedicina e dos pacientes a partir da oposição entre os modelos indivíduo/pessoa. O percurso analítico é concluído com a constatação da necessidade de relativizar a ideia de que o empoderamento do paciente representa o incremento do individualismo nas relações de assistência à saúde, o que contribui para matizar as reflexões que os cientistas sociais têm desenvolvido acerca da tendência atual de atribuir ao indivíduo a responsabilidade pela própria saúde.

    Abstract in English:

    Based on an analysis of the literature on patient empowerment in the field of diabetology, I discuss the impact of this perspective on the meanings of changes in the relations of care, and explore implications to the position occupied by health professionals and patients. The analysis considers the difficulties and embarrassments mentioned by health professionals regarding the changes that are required by patient empowerment. Through an anthropological approach, the analysis is supported by theoretical conceptions about the contrast between the logic of choice and the logic of care, and problematizes the difference among the representations of biomedicine agents and patients, based on the opposition between the individual/person models. The analytical course allows to conclude that it is necessary to relativize the idea that patient empowerment represents an increase in individualism in health care relationships. This contributes to include other nuances in the social scientists' reflections on the current tendency of attributing to individuals the responsibility for their own health.
  • The risk perspective in Portugal's National Network for Integrated Continuous Care (RNCCI): an evaluation by health experts and decision-makers Parte Ii - Artigos

    Costa, Jorge Lopes da; Mourão, Vitória

    Abstract in Portuguese:

    A avaliação da política de cuidados continuados integrados em Portugal por peritos e decisores em saúde enquadra-se no modelo sistêmico do processo político. Este obtém-se a partir de inputs organizados seguindo uma lógica de representação de interesses públicos, de negociação, na qual as partes tendem a convergir para uma solução consensual. Não se discute a substância da política, mas desenvolve-se uma apreciação normativa da mesma procurando responder à questão da sustentabilidade e da sua adequação às necessidades tendo como pano de fundo a perspectiva do risco como que agitando a eficácia e a eficiência nos resultados esperados. Este estudo permite, através de uma abordagem qualitativa apreciar o panorama do risco da rede nacional de cuidados continuados portuguesa, bem como interpretar esse fenómeno, a partir da teorização da informação recolhida. Neste sentido realizaram-se onze entrevistas aprofundadas a interlocutores de relevo na área da saúde, com experiência a nível nacional e internacional. Dados mostram que a manutenção dos cuidados de longa duração têm sido um dos principais tópicos discutidos na agenda política e que podem até assumir diversas opçoes de de financiamento. O discurso dominante expressa o desafio e custo da mudança, num momento em que esse nível de cuidados atinge um patamar proeminente no setor da saúde.

    Abstract in English:

    The evaluation of the continuing care policy in Portugal by health experts and decision-makers fits into the systemic model of the political process. This model is obtained from inputs that are organized following a logic of representation of public interests, of negotiation, where stakeholders tend to converge towards a consensual solution. The policy's substance is not discussed, but its normative assessment focuses on the question of sustainability and of its adequacy to the needs, in view of the risk perspective, which affects the efficacy and efficiency of the expected results. Using a qualitative approach, this study allows to appraise the risk panorama of Portugal's National Network for Integrated Continuous Care. In addition, it enables to interpret this phenomenon according to the theorization of the collected information. To achieve this, eleven in-depth interviews were conducted with key informants in the area of health, with national and international experience. Data shows that the sustainability of long-term care has been a prime topic on the political agenda and may be subject to diversity of funding. The dominant discourse expresses the challenge and the cost of change, at a time when this level of care assumes a prominent place in the health sector.
  • Reducing health inequalities: the use of Health Impact Assessment on Rural Areas Parte Ii - Artigos

    Tolosana, Elvira Sanz

    Abstract in Spanish:

    La salud esta condicionada en gran medida por determinantes sociales, económicos y políticos. Así, la salud no es el resultado únicamente de las políticas sanitarias sino también de otras políticas de sectores no sanitarios que actúan sobre dichos determinantes. La Evaluación del Impacto en Salud (EIS) es una metodología prospectiva que trata de predecir los impactos en la salud de las políticas con el fin de modificar su planteamiento inicial para maximizar los impactos positivos, evitar los efectos negativos inesperados en la salud y reducir las desigualdades sociales en salud. La EIS asegura que la dimensión rural es considerada sistemáticamente en el diseño e implementación de las políticas. El objetivo de este trabajo es revisar el uso de la EIS en las áreas rurales. Conclusiones: la EIS muestra su gran potencial para contribuir a una toma de decisiones basada en la evidencia para las autoridades locales. Su utilización se ha identificado en dos grandes áreas diferenciadas. Por un lado, la EIS se ha utilizado en políticas estratégicas (desarrollo sostenible, Política Agraria Común de la Unión Europea, Federal Farm Bill, planificación territorial u ordenación del territorio). Y por otro lado, se ha puesto en práctica en proyectos de menor escala (propuestas de rediseño del servicio rural de salud, el acceso a una comida saludable, transporte, desigualdades en la atención, etc.).

    Abstract in English:

    Health is greatly influenced by social, economic and political determinants. Accordingly, decisions influencing people's health do not concern only health services or 'health policies', but decisions in many different policy areas have their influence on these health determinants. Health Impact assessment (HIA) is a predictive tool to support decisions in policy-making. The ultimate goal of this framework is to maximize health gains and, as far as possible, to reduce health inequalities. HIA presents a commitment to ensure that the rural dimension is routinely considered as part of the making and implementing of policy. The aim of this paper is to review the use of HIA on rural areas. Conclusions: HIA shows its great potential to contribute to local authority decision making. The use of HIA was identified in 2 key areas: strategic planning (sustainable development, EU Common Agricultural Policy, Federal Farm Bill, land-use planning work); and in specific smaller scale projects (rural health service redesign proposal, accessing healthy food, transport, health care disparities, etc.).
  • The senior condition in Southern Europe and Scandinavia Parte Ii - Artigos

    Calha, António

    Abstract in Portuguese:

    O aumento da esperança média de vida associado a uma retração significativa da natalidade tem contribuído para um rápido envelhecimento das sociedades e uma profunda alteração da estrutura demográfica de muitos dos países europeus. Neste artigo, analisamos as especificidades da condição sénior nos países do Sul da Europa e da Escandinávia. Tratando-se de países com uma configuração de modelos de proteção social distintos, procuramos perceber se existem formas diferenciadas de viver a velhice nessas sociedades. Para tal, recorremos à análise dos resultados obtidos no European Social Survey (round 5 - 2010). A análise realizada revela que a existência de diferentes modelos que configuram a condição sénior nas sociedades em análise traduz-se em formas diferenciadas de lidar com o processo de envelhecimento. Concluímos que a condição de idoso não depende exclusivamente dos fatores biológicos relacionados com a limitação física, pois o contexto social em que se enquadra a vivência desse período da vida também influencia a condição sénior e a forma como os idosos a perspetivam.

    Abstract in English:

    The extended increasing of life expectancy associated with a significant decline in the birth rate have contributed to a rapid aging of societies and a profound change in the demographic structure of many European countries. We analyze in this article the specific condition of the senior in the countries of Southern Europe and Scandinavia. In the case of countries with a configuration of different models of social protection, we realize that there are different ways of living old age in these societies. For this reason, our analysis uses the results obtained in the European Social Survey (round 5-2010). The analysis reveals the existence of different models that set the senior condition in the referred societies, which means different ways of dealing with the aging process. To conclude, the condition of the elderly does not depend solely on biological factors related to physical limitation, it is also influenced by social configuration that fits the experience of this period of individual life, as well as the way old people face it.
  • Management of family health and poverty during the economic downturn in Portugal Parte Ii - Artigos

    Oliveira, Ivo; Nogueira, Fernanda; Marôco, João; Diniz, Francisco

    Abstract in Portuguese:

    Este artigo assumiu como objetivo principal investigar sobre gestão e saúde, verificando a contribuição da saúde familiar e o seu papel no desenvolvimento local em contexto de recessão económica e agravamento da pobreza em Portugal. Na metodologia inquiriram-se 1021 indivíduos em Portugal Continental, com tratamento estatístico através de análise inferencial, fatorial e também de regressão. Salientam-se como resultados que o facto de um indivíduo se considerar uma pessoa saudável não é independente da atividade profissional, condições de habitação, ou outros determinantes relacionados com as condições de vida. Através de uma análise fatorial consistente foram identificados um conjunto de fatores com importância sobre a gestão de saúde familiar. Como conclusão resulta que as condições de trabalho e em que vivem os cidadãos estão relacionadas com o seu nível de saúde. Identificámos os determinantes mais importantes para explicar a esperança média de vida e que se refletem em período de recessão económica.

    Abstract in English:

    The objective of the present study is to discuss management and health. It investigates the contribution of family health and its role in local development in the context of economic recession and poverty increase in Portugal. Overall, 1,021 individuals were inquired, and the statistical treatment consisted of inferential, factor and regression analyses. The main result shows that the fact that an individual considers himself a healthy person depends on occupation, housing and on other determinants related to living conditions. A consistent factor analysis identified a set of important factors for the management of family health. The conclusion is that citizens' living and working conditions are related to their level of health. We identified the most important determinants to explain average life expectancy. They are reflected in economic downturn periods.
  • Decision-making and its impact on Public Policy Management: challenges of a Municipal Health Council Parte Ii - Artigos

    Kleba, Maria Elisabeth; Zampirom, Keila; Comerlatto, Dunia

    Abstract in Portuguese:

    Os conselhos gestores de políticas públicas são espaços de democratização, que viabilizam a inclusão de demandas da sociedade na agenda política. Este estudo buscou analisar a incorporação de deliberações do Conselho Municipal da Saúde em Chapecó/SC. Os dados foram coletados a partir da leitura das atas do Conselho, do período de janeiro de 2005 a dezembro de 2010, e das entrevistas com informantes-chave. A implementação das decisões depende de diferentes órgãos ou de outras esferas de governo, não apenas da competência dos conselheiros para formular ou defender suas propostas, ou ainda do interesse, compromisso ou engajamento do gestor municipal. O pouco tempo disponível para o debate nas reuniões do Conselho resulta muitas vezes em decisões que desconsideram fatores importantes, como a capacidade instalada, recursos disponíveis e previsões para a manutenção das atividades incorporadas. O impacto da participação social sobre as políticas públicas na área da saúde requer qualificação do processo decisório, prevendo os múltiplos fatores, de caráter técnico e também político, envolvidos em sua implementação.

    Abstract in English:

    Councils for public policy management are democratization spaces that enable the inclusion of society's demands in the political agenda. This study examined the incorporation of the Municipal Health Council's deliberations in the city of Chapecó, State of Santa Catarina, Southern Brazil. Data were collected from the Council's minutes in the period January 2005 to December 2010 and from interviews with key informants. The implementation of the decisions depends on different organs or on other government levels, not only on the council representatives' competence to formulate or defend their proposals, or the municipal manager's interest, commitment and engagement. The limited time available for discussion in the Council's meetings often results in decisions that do not consider important factors such as installed capacity, available resources and forecasts for the maintenance of the incorporated activities. The impact of social participation on public policies in the area of health requires qualifying the decision-making process, forecasting the multiple factors, both technical and political, involved in its implementation.
  • Evaluation of results of cardiovascular care as a tracer of the comprehensiveness principle1 Parte Ii - Artigos

    Chaves, Lucieli Dias Pedreschi; Jesus, Braz José de; Ferreira, Janise Braga Barros; Balderrama, Priscila; Tanaka, Oswaldo Yoshimi

    Abstract in Portuguese:

    Avaliar a articulação dos níveis de atenção aos agravos cardiovasculares na região de Ribeirão Preto-SP-BR. Pesquisa avaliativa utilizando dados secundários do Ministério da Saúde-BR. Foram analisados todos os procedimentos ambulatoriais e hospitalares relativos aos agravos cardiovasculares, atendidos da atenção básica até hospitalar, em 26 municípios, no período de 2000-2010. Para análise foram utilizadas séries temporais tendo como pressuposto organização regional de sistemas de saúde. A produção varia no período, com incremento na atenção ambulatorial e internações cirúrgicas, diminuição de internações clínicas. Há oferta desigual de serviços nos municípios, os menores concentram eletrocardiogramas e internações clínicas. Exames diagnósticos de maior complexidade e internações cirúrgicas são realizados predominantemente no município-polo. A avaliação de serviços de saúde utilizando agravos cardiovasculares como condição traçadora mostrou-se adequada, evidenciou articulação entre os níveis de atenção no sistema regional de saúde, que permite inferir nesse cenário a regionalização e favorece a integralidade da atenção em sua dimensão horizontal.

    Abstract in English:

    This study aims to evaluate the articulation among levels of cardiovascular care in the region of Ribeirão Preto, State of São Paulo, Brazil. It is an evaluative research using secondary data from the Brazilian Ministry of Health. We analyzed all outpatient and hospital procedures related to cardiovascular diseases that were treated in primary and hospital care in 26 municipalities in the period 2000-2010. Time series were used in the analysis and the assumption was regional organization of health systems. The production varies during the period, with an increase in outpatient care and surgical hospitalizations, and a decrease in clinical admissions. There is an uneven supply of services in the municipalities, and the smallest ones concentrate electrocardiograms and clinical admissions. More complex diagnostic tests and surgical admissions are conducted predominantly in the largest city. The evaluation of health services using cardiovascular problems as the tracer condition proved to be adequate, as it showed articulations among levels of care in the regional health system. This allows us to infer that regionalization, in this scenario, favors comprehensive care in its horizontal dimension.
  • Recent contributions about the Brazilian population's knowledge, attitudes and practices regarding dengue Parte Ii - Artigos

    Gonçalves, Ronaldo Pinheiro; Lima, Edilmar Carvalho de; Lima, José Wellington de Oliveira; Silva, Marcelo Gurgel Carlos da; Caprara, Andrea

    Abstract in Portuguese:

    O modelo tradicional de controle da dengue no Brasil elegeu como um dos seus principais eixos estratégicos a participação popular. Na prática, essa estratégia tem se mostrado incapaz de promover o envolvimento e a mudança de comportamento da população, considerados essenciais para o controle dessa endemia. No presente estudo, realizou-se uma revisão integrativa de artigos publicados na literatura científica sobre conhecimentos, atitudes e práticas da população acerca da doença. Esse método foi escolhido porque permite reunir e sintetizar resultados de pesquisas sobre o tema selecionado, contribuindo para o aprofundamento do conhecimento em relação ao assunto investigado. Conclui-se que há um distanciamento entre as ações governamentais e a realidade da população, a sugerir a necessidade de implantação de uma política de prevenção e controle menos verticalizada, na qual os conhecimentos sociais possam nortear as estratégias de controle da doença de acordo com os interesses, necessidades, desejos e visões de mundo da comunidade. Nesta perspectiva, a população deixa de ser mera espectadora e dependente de ações previamente definidas para ocupar posição privilegiada nesse processo, assegurando a efetividade e a sustentabilidade das ações do programa.

    Abstract in English:

    The traditional model for dengue control in Brazil has established that community participation is one of its main strategic pillars. In practice, this strategy has been unable to promote the involvement and behaviour change of the population, which are considered essential to control this endemic disease. In the present study, we carried out an integrative review of articles published in the scientific literature on knowledge, attitudes and practices of the population about the disease. This method was chosen because it allows gathering and synthesizing research findings on the selected theme, thus contributing to enhance knowledge on the investigated subject. We conclude that there is a gap between the government's actions and the population's reality, which suggests the need to implement a less vertical prevention and control policy, in which social knowledge can guide strategies for disease control in accordance with the community's interests, needs, desires and worldviews. In this perspective, the population ceases to be a mere spectator, dependent on previously defined actions, and occupies a prominent position in the process, ensuring the effectiveness and sustainability of the program's activities.
  • Limits and constraints of the instruments that control the work of community health agents in the Family Health Strategy Parte Ii - Artigos

    Justo, Célia Maria Patriani; Gomes, Mara Helena de Andréa; Silveira, Cássio

    Abstract in Portuguese:

    Ser considerado elemento de união entre moradores e serviço não revela de imediato a abrangência das funções, nem oferece visibilidade das exigências a que os agentes comunitários de saúde estão expostos no cotidiano de trabalho diante das atribuições previstas pela Estratégia Saúde da Família. O objetivo desse estudo é analisar os instrumentos de controle da ação social dos agentes comunitários e suas possibilidades de emancipação, a partir da noção de agir comunicativo de Jürgen Habermas. Trata-se de pesquisa qualitativa, realizada numa Unidade Básica de Saúde da cidade de São Paulo (SP), por meio de entrevista semiestruturada com 14 agentes comunitários com experiência mínima de dois anos. Como resultado, destacamos o domínio da razão instrumental sobre a razão comunicativa nas atividades de planejamento, nos critérios técnicos de decisão e avaliação, bem como nos instrumentos de registro do trabalho. Verificamos oportunidades de emancipação nas ações comunicativas em que os agentes comunitários, por meio do diálogo, desenvolvem ações de entendimento mútuo com os pacientes que complementam as ações técnicas. É também por meio do diálogo orientado à construção de consensos que processos cooperativos de trabalho em equipe são elaborados em torno de objetivos comuns. Consideramos que os agentes comunitários resistem aos ditames das ações instrumentais através do entendimento intersubjetivo promovido pela racionalidade comunicativa que permeia o mundo da vida, efetivando situações de emancipação das tensões e conflitos inerentes ao trabalho de mediação.

    Abstract in English:

    To be considered a link between inhabitants and the service does not reveal, in a straightforward way, the scope of the community health agents' duties, nor does it offer visibility to the demands to which these professionals are exposed in their daily work within the Family Health Strategy. The aim of this study is to analyze the tools used to control the community health agents' social action and these professionals' possibilities of emancipation based on the notion of communicative action proposed by Jürgen Habermas. This is a qualitative study carried out at a Primary Care Unit in the city of São Paulo. Semi-structured interviews were carried out with 14 community agents who have at least 2 years of experience. The results show the dominance of instrumental reason over communicative reason in planning activities, in technical criteria for decision-making and evaluation, and in instruments for labor recording. We verified that there are opportunities of emancipation in communicative actions in which community agents, through dialogue, develop mutual understanding actions with patients that complement technical actions. It is also through dialogue oriented towards the construction of consensuses that teamwork cooperative processes are developed around common goals. We found that community agents resist the dictates of instrumental actions through intersubjective understanding, promoted by the communicative rationality that permeates the world of life, thus enabling emancipation situations regarding tensions and conflicts that are inherent in the mediation work.
  • Sexual risk and preventive behaviors of men: results from a Portuguese online survey Parte Ii - Artigos

    Nodin, Nuno; Carballo-Diéguez, Alex; Leal, Isabel Pereira

    Abstract in Portuguese:

    Pretendeu-se com a pesquisa realizada estudar e comparar padrões de testagem em relação ao VIH; resultados do teste para o VIH; e comportamentos sexuais preventivos de homens homo, hetero e bissexuais. Os dados foram recolhidos através de um questionário on-line. A amostra foi constituída por 732 participantes com idade média de 32,2 anos, dos quais 53,7% identificaram-se como homossexual/gay; 27,4%, como heterossexual; e 18,3%, como bissexual, refletindo a divulgação privilegiada do estudo junto a organizações de lésbicas, gays, bissexuais e transgênero (LGBT). Nunca tinham realizado o teste para o VIH 26,6% dos participantes; 7,2% indicaram ser portadores do HIV. Homens gays apresentaram níveis significativamente mais elevados de testagem para o VIH e de soropositividade, quando comparados com os restantes. No geral, verificou-se ainda que homens gays indicaram ter mais comportamentos preventivos. Todos os grupos estudados apresentaram padrões comportamentais específicos e diferenciados em relação ao VIH. Conclui-se que são de grande importância intervenções comportamentais desenhadas à medida das necessidades dos diferentes grupos estudados, em particular junto aos homens heterossexuais e gays.

    Abstract in English:

    The purpose of this study was to analyse and compare gay, heterosexual and bisexual men's HIV testing patterns, HIV test results, and sexual preventive behaviours. Data were collected through an online survey. The study's sample included 732 participants who met the selection criteria. Average age of participants was 32.2 years; 53.7% self-identified as gay, 27.4% as heterosexual, and 18.3% as bisexual. This distribution reflects the fact that the study was mostly publicized using LGBT networks. A total of 26.6% had never tested for HIV; 7.2% said they were HIV-positive. Gay men had significantly higher levels of HIV testing as well as rates of HIV infection when compared with the other groups. Overall, gay men displayed a larger variety of prevention strategies. All the groups under study showed specific and differentiated behavioural profiles with regard to HIV. We conclude that more efficient and tailored campaigns need to be developed to address each group's specific HIV prevention needs, in particular heterosexual and gay men's.
  • Sexual education for teenagers and young people: mapping official prepositions Parte Ii - Artigos

    Sfair, Sara Caram; Bittar, Marisa; Lopes, Roseli Esquerdo

    Abstract in Portuguese:

    Trata-se do mapeamento e da discussão de propostas oficiais de educação sexual para adolescentes e jovens, previstas em documentos federais e estaduais, no estado de São Paulo. Trabalhou-se com a busca e a análise documental de material publicado pelas esferas federal e estadual, entre os anos de 1990 e 2010. Definidos os critérios de especificidade, foram reunidos 25 documentos. Destes, 76% não empregam os termos educação sexual ou orientação sexual, utilizando principalmente o termo prevenção. Em 60%, a expressão "orientação sexual" é utilizada com o significado de diversidade sexual. O maior número de propostas (56%) vem do Ministério da Saúde, indicando, entretanto, ações intersetoriais com a educação em grande parte delas. Conclui-se que existe um predomínio de propostas advindas de órgãos da área da saúde, ainda que a escola seja citada como local privilegiado para as ações. Apesar de alguns documentos avançarem em suas formulações, no sentido de promover o conhecimento e a reflexão autônomos sobre essa temática, outros deixam espaços para a permanência de práticas repressoras.

    Abstract in English:

    This work is about the mapping and the proposed official discussions concerning sexual education for teenagers and young people, provided by documents from federal and São Paulo state governments. The published documents between 1990 and 2010 were searched and analyzed. After specific criteria were defined, 25 documents were gathered; 76% of them did not use sexual education or sexual orientation, but used mainly the word prevention. 60% of the official documents used the term sexual orientation as synonym of sexual diversity. Most of the proposals (56%) came from Ministry of Health, indicating, nevertheless, inter sectorial actions with education in most of them. It is concluded that there is a predominance of proposals coming from the organs of health area, even if the school is cited as prime location for actions. Although some documents move forward in their formulations, in order to promote the knowledge and the autonomous reflection on this theme, others leave space for the permanence of repressive practices.
  • What is this desire? Reproductive decisions among women living with HIV/Aids from a psychoanalysis perspective Parte Ii - Artigos

    Zihlmann, Karina Franco; Alvarenga, Augusta Thereza de

    Abstract in Portuguese:

    Realizou-se um estudo qualitativo para conhecer como mulheres vivendo com HIV/Aids atribuem sentido às suas decisões reprodutivas, bem como caracterizar seu desejo inconsciente. Foram realizadas entrevistas em profundidade com 15 mulheres adultas, atendidas em um hospital especializado em doenças infecciosas e em uma organização não-governamental. Foi construído um relato sobre a trajetória de vida das entrevistadas com base na técnica da história oral do tipo temática e na perspectiva teórica psicanalítica. Referiu-se aos conceitos de identificação imaginária e identificação simbólica para explicitar aspectos do desejo inconsciente. As falas das entrevistadas mostraram contradições e suas decisões reprodutivas são pautadas por uma lógica inconsciente, sendo que a gravidez, nesse contexto, tem a função de restauração narcísica cujo objetivo é gerar um rebento soronegativo. Outra contradição é que as entrevistadas avaliam as decisões reprodutivas de outras mulheres soropositivas como uma "loucura" ou "irresponsabilidade", enquanto justificam suas próprias decisões procurando se desresponsabilizar por seu desejo inconsciente. Assim, uma contribuição da Psicanálise para o campo da saúde pública é a inclusão das idiossincrasias na relação do sujeito com o outro e, deste modo, viabilizar o resgate da singularidade do desejo inconsciente dos sujeitos, além de permitir uma reflexão sobre a interferência dessas questões no cuidado integral, o que, afinal, pode interferir no acolhimento das necessidades complexas de mulheres vivendo com HIV/Aids.

    Abstract in English:

    We conducted a qualitative study to understand how women living with HIV/Aids realize their reproductive decisions and characterize their unconscious desire. In-depth interviews were conducted with 15 adult women, in an infectious diseases hospital and in a non-governmental organization. We constructed the interviewees' life trajectories following thematic type oral history. Moreover, in the psychoanalytic theoretical framework, we refer to the concepts of imaginary identification and symbolic identification to reveal aspects of unconscious desire. The interviewees' discourse showed contradictions and unconscious logic underlying their reproductive decisions, and pregnancy, in this context, is intended to restore narcissistic injuries, as their goal is to generate seronegative offspring. Another contradiction is that they evaluate the reproductive decisions of other HIV-positive women as "madness" or "irresponsibility" as they seek to justify their own desire and run away from responsibilities concerning reproductive decisions. Thus, a contribution of psychoanalysis to the public health field is the inclusion of the subject's idiosyncrasies and enabling the recovery of the singularity of the unconscious desire, besides allowing a reflection of these issues in comprehensive care, which, after all, can affect the complex needs of women living with HIV/Aids.
  • CHECK!NG: The last frontier for Harm Reduction in party settings Parte Ii - Artigos

    Martins, Daniel; Valente, Helena; Pires, Cristiana

    Abstract in Portuguese:

    No contexto atual de proliferação de novas substâncias psicoativas (NSP) e de adulteração de substâncias psicoativas que circulam no mercado negro o Drug Checking é aqui encarado como uma estratégia major de redução de riscos e minimização de danos (RRMD). É um serviço que se tem vindo a afirmar como uma necessidade em termos de saúde pública, através da monitorização informal de mercados informais de substâncias psicoativas e emitindo alertas sempre que se identificam substâncias potencialmente tóxicas. É também uma boa prática na mediação da comunicação entre o técnico de RRMD e o utilizador de substâncias psicoativas, fornecendo informação objetiva sobre a substância que o utilizador disponibilizou para análise e produzindo e disseminando informação sobre os padrões de adulteração locais. Através da apresentação de práticas e resultados referentes à intervenção do projeto CHECK!NG, pretende-se neste artigo levantar pistas para uma reflexão sobre a pertinência e as particularidades de um serviço de Drug Checking em contexto festivos.

    Abstract in English:

    In the current context of proliferation of new psychoactive substances, and of adulteration of substances that circulate in the black market, Drug Checking is viewed here as a major Harm Reduction strategy. It is a service that has become a need in terms of public health, as it monitors informal drug markets and disseminates alerts whenever potentially toxic substances are identified. It also mediates communication between the harm reduction technician and the drug user, providing objective information about the drug that the user supplied for analysis, and also producing and disseminating information about local adulteration patterns. By presenting the main processes and outcomes of the intervention of the CHECK!NG project, the authors intend to reflect on the relevance, characteristics and constraints of a Drug Checking service in party settings.
  • The management's view about the implementation of the form for the notification of domestic, sexual and other types of violence in a Brazilian metropolis Parte Ii - Artigos

    Lima, Jeanne de Souza; Deslandes, Suely Ferreira

    Abstract in Portuguese:

    O artigo apresenta um estudo exploratório sobre o processo de implantação da ficha de notificação da violência doméstica, sexual e/ou outras violências contra crianças e adolescentes. O campo de estudo foi o município do Rio de Janeiro. Trata-se de uma pesquisa de natureza qualitativa que utilizou as técnicas de entrevista com gestores/técnicos do nível central e de grupo focal com representantes das coordenações de áreas de planejamento. Verificou-se que apesar de a Secretaria Municipal de Saúde do Rio Janeiro ser pioneira na institucionalização da notificação de maus-tratos, a descontinuidade das ações para o enfrentamento da violência ainda é uma realidade. No que tange à notificação, a gestão em saúde nos diferentes níveis hierárquicos ainda enfrenta vários obstáculos relacionados à incorporação permanente do tema da violência na agenda da política pública de saúde, ainda que demarcando o esforço das ações voltadas para a capacitação dos profissionais de saúde e a interlocução e a articulação com a rede intra e intersetorial.

    Abstract in English:

    The article presents an exploratory study about the process of implementation of the notification form of domestic, sexual and/or other types of violence against children and adolescents. The field of study was the city of Rio de Janeiro. This qualitative research used the techniques of interview with central level managers/technicians and focus group with representatives of the coordination of programmatic areas. It was found that, although the Municipal Health Department of Rio Janeiro is a pioneer in the institutionalization of the notification of maltreatment, the discontinuity of actions for addressing violence is still a reality. Concerning notification, the health management at different hierarchical levels still faces several obstacles related to the permanent incorporation of the theme of violence in the agenda of the public health policy, even if we take into account the effort of actions targeted at the qualification of health professionals and the dialogue and articulation with the intra- and inter-sector network.
  • Medical diagnosis and corporate use of Brazilian territory: an analysis of the spatial productive circuit of diagnostic reagents Parte Ii - Artigos

    Antas Jr., Ricardo Mendes; Almeida, Rafael da Silva

    Abstract in Portuguese:

    A formação daquilo que o geógrafo Milton Santos denominou meio técnico-científico-informacional é marcada pela profunda interação entre ciência e técnica, ambas sob a égide do mercado. Nesse meio, vemos surgirem novos objetos técnicos, cujo conteúdo é dado pela ciência. Quando tratamos especificamente da medicina, essa característica é ainda mais marcante, o que fica manifesto, por exemplo, quando analisamos os atuais sistemas técnicos de diagnóstico, que acabam configurando segmentos econômicos especializados com produção de alto valor agregado. Neste artigo, buscou-se tratar da economia da saúde e do complexo industrial que a envolve discutindo como um conjunto significativo de empresas voltadas ao diagnóstico concorre para um novo tipo de urbanização no território brasileiro. Marcada pelo uso corporativo do território, essa urbanização se conforma pelo estabelecimento de circuitos espaciais produtivos, dos quais focaremos aqui os da saúde e seus respectivos círculos de cooperação no espaço. Veremos, então, que entre suas principais características estão a concentração e a centralização do capital.

    Abstract in English:

    The formation of what Milton Santos called the technical-scientific and informational milieu is marked by the profound interaction between science and technique, both under shelter of the market. In this milieu, we see new technical objects arising, whose content is given by science. When dealing specifically with medicine, this trait is still more remarkable, which is evident, for instance, when we analyze technical diagnosis systems in the current period, for they come to configure specialized economic segments with high added value production. In this article, we discuss how a significant set of companies focused on diagnosis concurs to a new type of urbanization in Brazilian territory, considering the Health Economy and the health-industry complex. Marked by the corporate use of territory, this urbanization is shaped by the establishment of spatial productive circuits and their respective circles of space cooperation, and one of its main characteristics has been the concentration and centralization of capital.
  • Space occupation and its relationship to the progression of leprosy in the Northeast of Minas Gerais, Brazil - 19th century Parte Ii - Artigos

    Tavares, Amanda Pereira Nunes; Marques, Rita De Cássia; Lana, Francisco Carlos Félix

    Abstract in Portuguese:

    A hanseníase é prevalente em países subdesenvolvidos, uma vez que as precárias condições de vida da população favorecem seu aparecimento. Tem grande importância para a saúde pública devido a sua magnitude e a seu alto poder incapacitante, atingindo, sobretudo, os indivíduos na faixa etária economicamente ativa. No Nordeste de Minas Gerais, há um padrão de alta endemicidade para essa doença; por isso, há muito tempo a região é alvo de políticas públicas de controle. Entretanto, tais medidas não causaram o impacto desejado para reduzir sua expressão na região, tornando imprescindível compreender melhor o fenômeno em suas várias dimensões, inclusive a histórica. Este artigo tem como objetivo analisar a ocupação do espaço e a progressão da hanseníase no Nordeste de Minas Gerais, no século XIX. Para tanto, optou-se pelo estudo documental de natureza histórica que possibilitou a interpretação dos fenômenos sociais ligados à hanseníase. A análise histórica permitiu concluir que a chegada e a progressão da hanseníase no nordeste mineiro estiveram ligadas aos movimentos econômicos e sociais de descoberta e desenvolvimento da região, ocasionando o ciclo de transmissão da doença.

    Abstract in English:

    Leprosy is prevalent in underdeveloped countries, as the precarious living conditions of the population favor its emergence. It is of great importance to public health due to its magnitude and high disabling power, affecting mainly the economically active age group. In the Northeast of the State of Minas Gerais, this disease has a pattern of high endemicity; due to this, the region has long been the target of public control policies. However, such measures have not had the desired impact to reduce its expression in the region, which makes it imperative to better understand the phenomenon in its various dimensions, including the historical one. This article aims to analyze space occupation and the disease's progression in the Northeast of Minas Gerais in the 19th century. We decided to conduct a historical documental study, which allowed us to interpret social phenomena connected with leprosy. The historical analysis showed that the emergence and progression of the disease in the Northeast of Minas Gerais were linked to the economic and social movements of discovery and development of the region, which caused the disease transmission cycle.
  • Conceptual convergences and divergences in health education Parte Ii - Artigos

    Feio, Ana; Oliveira, Clara Costa

    Abstract in Portuguese:

    A educação em saúde conheceu, no último século, profundas mudanças, tanto no plano conceitual como no das práticas dele decorrentes, fruto das transformações por que passou a humanidade em termos políticos, económicos e sociais. O conceito de educação desviou-se da perspectiva instruidora e escolarizadora de crianças e jovens, centrada na transmissão-assimilação de conhecimentos, para uma perspectiva mais abrangente e integradora, centrada na criação de condições que permitem aos indivíduos desenvolverem-se holisticamente na sua multidimensionalidade, em permanente interação com os outros. Por sua vez, o conceito de saúde perdeu o seu pendor negativo de ausência de doença, passando a ser entendido positivamente como um estado de completo bem-estar físico, mental, social e espiritual, em constante mutação ao longo da vida. Nesse sentido, a educação em saúde deixou também de ser vista como a transmissão de informação de caráter higienista-sanitário, orientada para a prevenção ou o tratamento da doença, efetuada em contextos formais, para passar a ser entendida como a capacitação dos indivíduos para controlarem os seus próprios determinantes de saúde, através da criação ou do desenvolvimento de competências de ação. A educação e a saúde passam, pois, a apresentar-se como duas faces de um mesmo processo. Neste trabalho pretendemos, pois, analisar a evolução conceptual em torno da saúde e da educação no século XX, tentando perceber até que ponto essas mudanças conceptuais se têm refletido ao nível das práticas.

    Abstract in English:

    Health education underwent, in the last century, profound changes both in its concepts and in the practices that derived from them. These changes are a result of the political, economic and social transformations that have been affecting humanity. The concept of education has shifted from a merely instructive perspective, which focused on the transmission-assimilation of information, to a more comprehensive and integrative perspective, centered on the creation of conditions that enable individuals to develop themselves holistically in their multidimensionality, in constant interaction with others. In turn, the concept of health has lost its negative connotation of absence of disease to be positively understood as a state of complete physical, mental, social and spiritual well-being, constantly changing throughout life. In this sense, health education has also ceased to be seen as the transmission of hygiene-sanitation information oriented to the prevention or treatment of diseases, conducted in formal contexts, and has started to be understood as the qualification of individuals to control their own health determinants through the creation or development of action skills. Therefore, education and health now present themselves as two sides of the same process. In this study, we intend to examine the conceptual evolution concerning health and education in the 20th century in order to understand to what extent these conceptual changes have had a reflection on the practices.
  • Articulating theory and practice and producing innovation in the professional master's degree program in Health Sciences Teaching Parte Ii - Artigos

    Liberman, Flavia; Frutuoso, Maria Fernanda Petroli; Lima, Laura Camara; Mendes, Rosilda; Acosta, Ana Rojas

    Abstract in Portuguese:

    Este artigo tem como objetivo analisar a experiência da disciplina de pós-graduação Grupo de Estudos e Pesquisas sobre as Práticas (GEPPRA) do Programa de Mestrado Profissional em Ensino em Ciências da Saúde, da Universidade Federal de São Paulo UNIFESP, campus Baixada Santista, com foco na metodologia dos escribas, sua potência como método de ensino-aprendizagem e como fonte de reflexão. O corpus analisado foi de 14 registros elaborados por estudantes e docentes, e as etapas de análise foram: análise pragmática automática dos textos com auxílio do programa Alceste; análise de conteúdo dos trechos que continham as palavras-chave: Geppra (Geppra I, Geppra II), Escriba (escrito, escrever) e Trabalho (fazer, prática e reflexão) para identificar alguns sentidos atribuídos ao GEPPRA; a metodologia dos escribas; e efeitos da disciplina na prática profissional. Os resultados apontam que foi possível construir coletivamente uma nova textualidade em rede, a partir de uma experiência reflexiva, com troca, discussão e questionamento sobre as maneiras de lidar com situações desafiadoras no trabalho. Afirma-se a potência da ferramenta dos escribas e o seu uso em outros contextos de formação ou nos processos grupais, sejam acadêmicos e/ou clínicos.

    Abstract in English:

    This paper aims to analyze the experience of the discipline "Grupo de Estudos e Pesquisas sobre as Práticas" (GEPPRA - Study and Research Group on Practices) of the Professional Master's Degree Program in Health Sciences Teaching of the Federal University of São Paulo (UNIFESP), Baixada Santista Campus. The focus was on the scribe method and its strong points as a teaching-learning method and as a source of reflection. The analyzed corpus was composed of fourteen texts written by students and professors. The analysis stages were: automatic pragmatic analysis of the texts with the aid of the Alceste software; content analysis of passages that contained the following keywords: Geppra (Geppra I, Geppra II), Scribe (written, write) and Work (action, practice and reflection), in order to identify some of the meanings attributed to GEPPRA; the scribe method; and effects of this discipline in the professional practice. Results show that it was possible to build a new network textuality collectively, based on a reflective experience, with exchanges, discussions and questionings concerning ways to deal with challenging work scenarios. This study shows that the scribe methodology is a powerful tool that can be used in other professional education contexts or group processes, both academic and/or clinical.
  • Agroecological urban agriculture from the perspective of health promotion Parte Ii - Artigos

    Ribeiro, Silvana Maria; Bógus, Cláudia Maria; Watanabe, Helena Akemi Wada

    Abstract in Portuguese:

    A agricultura urbana tem sido tema de diversas pesquisas no contexto brasileiro e no mundo, principalmente no que diz respeito à geração de trabalho e renda. O presente artigo tem por objetivo sistematizar a experiência do projeto Colhendo Sustentabilidade: práticas comunitárias de segurança alimentar e agricultura urbana (PCS), realizado em Embu das Artes, região metropolitana de São Paulo, durante o período compreendido entre 2008 e 2011, analisando-o sob a ótica da Promoção da Saúde (PS). Foram sujeitos da pesquisa os participantes, os técnicos dos serviços públicos envolvidos e integrantes da equipe técnica do projeto. Os dados foram obtidos através da realização de três oficinas de sistematização, seguidas de outra em que os resultados foram apresentados aos participantes, e também por meio de entrevistas com informantes-chave. Os mesmos foram analisados à luz dos princípios e campos de ação da PS. As conclusões revelaram a agricultura urbana agroecológica (AUA) como ferramenta promotora de saúde por contribuir com o fortalecimento do protagonismo individual e comunitário, empoderamento, criação de ambientes favoráveis à saúde, bem como seu potencial para a multiplicação de "saberes", pelos envolvidos, sobre temas relacionados à geração de renda, saúde e meio ambiente.

    Abstract in Spanish:

    La agricultura urbana ha sido tema de diversas investigaciones en el contexto brasileño y en el mundo, principalmente en lo referente a generación de trabajo y renta. El presente artículo tiene por objetivo sistematizar la experiencia del proyecto Colhendo Sustentabilidade: práticas comunitárias de segurança alimentar e agricultura urbana (PCS) (Cosechando Sostenibilidad: prácticas comunitarias de seguridad alimentaria y agricultura urbana), realizado en Embu das Artes, región metropolitana de São Paulo, durante el período comprendido entre 2008 y 2011, analizándolo bajo la óptica de la Promoción de la Salud (PS). Los sujetos de la investigación fueron los participantes, técnicos de los servicios públicos involucrados e integrantes del equipo técnico del proyecto. Los datos fueron obtenidos mediante la realización de tres talleres de sistematización, seguidos por un taller en que los resultados fueron presentados a los participantes, y también a través de entrevistas con informadores clave. Los mismos fueron analizados a la luz de los principios y campos de acción de la PS. Las conclusiones revelaron la agricultura urbana agroecológica (AUA) como herramienta promotora de salud por contribuir para el fortalecimiento del protagonismo individual y comunitario, su empoderamiento y la creación de ambientes favorables a la salud, así como por su potencial para la multiplicación de "saberes" por los involucrados sobre temas relacionados a la generación de renta, salud y medio ambiente.

    Abstract in English:

    Urban agriculture has been the subject of many research in Brazil and worldwide, mainly concerning the employment and income generation. This article aims to systematize the experience of the project "Colhendo Sustentabilidade: práticas comunitárias de segurança alimentar e agricultura urbana" [Achieving Sustainability: community practices of food security and urban agriculture] (PCS), held in Embu das Artes, São Paulo metropolitan region, between 2008 and 2011, analyzing it from the perspective of Health Promotion (HP). The participants of the research were the public services technicians and technical team members involved in the project. The data were obtained by conducting three workshops of systematization, followed by another in which the results were presented to the participants, and also by interviews with key informants. The same data were analyzed based on the action principles and fields of HP. The findings presented agroecological urban agriculture (AUA) as a tool for health promotion due to its contribution to the strengthening of individual and community leadership, empowerment, creation of conducive environments for health, as well as its potential for "knowledge" multiplication, by those involved in topics related to income generation, health and environment.
Faculdade de Saúde Pública, Universidade de São Paulo. Associação Paulista de Saúde Pública. Av. dr. Arnaldo, 715, Prédio da Biblioteca, 2º andar sala 2, 01246-904 São Paulo - SP - Brasil, Tel./Fax: +55 11 3061-7880 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: saudesoc@usp.br