Uso do leite de vaca in natura no controle de oídio na cultura da gérbera

A gérbera (Gerbera jamesonii) é uma das mais populares plantas ornamentais do mundo, tanto como flor de corte como de vaso. O objetivo deste trabalho foi avaliar o leite in natura no controle do oídio (Erysiphe cichoracearum) na cultura da gérbera. Foram utilizadas duas concentrações de leite de vaca in natura (8 e 16%), com e sem adição de adjuvante (óleo vegetal), três fungicidas (fenarimol -6 g i.a.100 L-1 H2O, chlorothalonil -150 g i.a.100 L-1 H2O e azoxystrobin + óleo mineral -10 g i.a.100 L-1 H2O) e testemunha. Com os dados de severidade foi calculada a área abaixo da curva de progresso da doença (AACPD). O leite in natura aplicado com o adjuvante controlou o oídio, não permitindo a instalação e o desenvolvimento do patógeno. O uso do adjuvante melhorou a eficiência do leite in natura, no entanto requer a lavagem posterior das plantas com H2O + detergente. O fungicida fenarimol promoveu melhor controle de oídio e aspecto visual das plantas de gérbera. O fungicida azoxystrobin + óleo mineral e o chlorothalonil foram fitotóxicos à planta de gérbera, o que prejudicou a aparência das folhas e flores.

Gerbera jamesonii; fungicides; alternative control; Erysiphe cichoracearum


Grupo Paulista de Fitopatologia FCA/UNESP - Depto. De Produção Vegetal, Caixa Postal 237, 18603-970 - Botucatu, SP Brasil, Tel.: (55 14) 3811 7262, Fax: (55 14) 3811 7206 - Botucatu - SP - Brazil
E-mail: summa.phyto@gmail.com