• Obituário: Dr. Mario Barreto Figueiredo 02/08/1933-02/02/2008

  • Editorial

  • Desenvolvimento de Pantoea agglomerans em diversas temperaturas, pH e concentrações de carboxi-metil-celulose e o seu impacto no controle de Rosellinia necatrix Artigos

    Camatti-Sartori, Valdirene; Valdebenito-Sanhueza, Rosa Maria; Ribeiro, Rute Terezinha da Silva

    Abstract in Portuguese:

    Rosellinia necatrix Prill induz a podridão branca da raiz da macieira, doença que causa severa perda em pomares localizados no sul do Brasil. O manejo da doença é principalmente preventivo e inclui o uso de porta-enxertos resistentes e a fumigação do solo. A proteção das mudas de macieiras antes do plantio com um isolado antagonista de Pantoea agglomerans foi recentemente proposto para reduzir a incidência da doença. Os objetivos desta pesquisa foram caracterizar o relacionamento entre o patógeno e a bactéria antagonista; a produção de metabólitos biológicamente ativos pelo isolado bacteriano e a sua ação sobre o patógeno; o efeito do pH, da temperatura e de carboxi-metil-celulose (CMC) sobre o crescimento do antagonista e do patógeno, isolados ou não e no controle da doença. Os resultados demonstraram que o crescimento de P. agglomerans foi maior em pH 5,5 e 6,0 e nas temperaturas de 20 °C e 30 °C. O crescimento micelial de R. necatrix foi inibido em meio de cultura e previamente colonizado pelo antagonista e com CMC nas concentrações de 0,25 e 0,5 %. A proteção das macieiras da infecção por R. necatrix foi observada quando utilizadas as concentrações de 10(7); 10(8) e 10(9) cel/mL e nas diferentes concentrações de CMC. Maior desenvolvimento radicular das macieiras foi constatado em todas as concentrações de CMC quando usada a concentração de 10(9) cel/mL. A formulação de P. agglomerans com CMC tornará possível a incorporação desta estratégia de controle ao manejo integrado da podridão branca das raízes da macieira no Sul do Brasil.

    Abstract in English:

    Rosellinia necatrix Prill induces the white root rot of apple, a disease that causes severe losses in orchards located in Southern Brazil. The management of the disease is mostly preventative and include usage of less susceptible rootstocks and soil fumigation. Protection of nursery apple trees before planting with an antagonistic bacterium Pantoea agglomerans was recently proposed to reduce the disease incidence. The aims of this research were to know about the pathogen-antagonic bacterium relationships and the effect of cell concentrations, pH, temperature and carboximethyl cellulose(CMC) in the culture media on the growth of the pathogen, the antagonic organism and on the disease control. Results showed that growth of P. agglomerans was improved on pH 5.5 to 6.0 , and at temperature of 20 °C and 30 °C. Mycelia of R. necatrix isolates was inhibited when grown in a media previously colonized by the antagonist and the two isolates were inhibited when in this media were added 0.25 % and 0.5 % of CMC in the culture media. Protection of apple plants from R. necatrix infection was observed with 10(7), 10(8) and 10(9) ufc/mL and different CMC concentrations. Root development was improved when cell concentration was 10(9) ufc/mL and when CMC was used. Formulation of P. agglomerans will make possible the use of biocontrol in the integrated management of the disease.
  • Variabilidade patogênica e efeito de carboidratos no crescimento micelial, esporulação e agressividade de Colletotrichum gloeosporioides da pupunheira Artigos

    Mafacioli, Rudimar; Tessmann, Dauri José; Santos, Álvaro Figueredo dos; Vida, João Batista

    Abstract in Portuguese:

    A agressividade de 17 isolados de Colletotrichum gloeosporioides associados à antracnose em folhas da pupunheira (Bactris gasipaes), oriundos de estados no Norte, Sudeste e Sul do Brasil, foi avaliada através de bioensaio com folhas de pupunheira destacadas, em três estágios de desenvolvimento: jovem, intermediária e completamente expandida. Diferenças significativas na agressividade dos isolados foram verificadas apenas em folhas completamente expandidas e intermediárias. O emprego de diferentes carboidratos, tais como glicose, maltose ou amido, em suplemento ao meio batata-ágar, influenciou o crescimento micelial e a esporulação de alguns isolados. A agressividade de dois isolados, dentre cinco isolados testados, foi significativamente maior quando os conídios foram produzidos no meio de cultura com amido, em relação aos meios com glicose e maltose.

    Abstract in English:

    The aggressiveness of 17 Colletotrichum gloeosporioides isolates associated with anthracnose on leaves of peach palm (Bactris gasiapes) from Northern, Southeastern and Southern States of Brazil was evaluated through a bioassay using detached leaves of peach palm, at three stages: young, intermediate and fully expanded leaves. Differences on aggressiveness among isolates were significant only on fully expanded and intermediate leaves. Different sources of carbohydrates such as glucose, maltose and starch, added to potato-agar medium affected mycelial growth and sporulation of some isolates. Among five isolates tested, only two had their aggressiveness increased when conidia were produced on potato-agar medium supplemented with starch.
  • Caracterização, compatibilidade e ocorrência de reprodução sexual entre isolados de Pyricularia grisea de diferentes hospedeiros Artigos

    Galbieri, Rafael; Urashima, Alfredo Seiiti

    Abstract in Portuguese:

    A brusone, causada por Pyricularia grisea (teleomorfa Magnaphorthe grisea), possui uma ampla gama de hospedeiros. No Brasil, arroz, trigo, triticale e cevada são as culturas que sofrem quedas significativas de produtividade devido ao ataque desse patógeno. Além desses cereais, outras gramíneas também têm apresentado sintomas dessa doença. Os objetivos dessa pesquisa foram: a) caracterizar sexualmente isolados de P. grisea desses hospedeiros baseado na determinação do "mating type", fertilidade, sexualidade, compatibilidade sexual, b) analisar o grau de compatibilidade sexual entre isolados de brusone de trigo e de outras gramíneas, c) estudar a ocorrência da reprodução sexual em isolados de trigo. Os resultados obtidos através de ensaios "in vitro" constataram: 1) compatibilidade sexual de P. grisea do trigo com Bromus catharticus, Phalaris canariensis e X. triticosecal; 2) desbalanço entre porcentagem de MAT1-1 e MAT1-2, com predominância de MAT1-1 na população de P. grisea do trigo; 3) existência de um campo de isolados de trigo com baixa habilidade de cruzamento; 4) baixa possibilidade de ocorrência de reprodução sexual de P. grisea em campos de trigo, mesmo com existência de ambos "mating type" num mesmo campo.

    Abstract in English:

    The blast disease caused by Pyricularia grisea (teleomorph Magnaporthe grisea) has a wide host range. In Brazil, significant yield loss has been reported in rice, wheat, triticale and barley crops. Besides those cereals, several other gramineous plants have been shown to develop symptoms of this disease. The objectives of this research were: a) sexually characterize isolates of P. grisea from these hosts based on the mating type, fertility, sexuality, sexual compatibility, b) to analyze the degree of sexual compatibility among isolates from wheat and other grasses, c) to verify the occurrence of sexual reproduction in isolates from wheat. Results of "in vitro" assay showed: 1) sexual compatibility of P. grisea of wheat with isolates of the fungus obtained from Bromus catharticus, Phalaris canariensis e X. triticosecale, 2) a skewed distribution of mating type, with predominance of MAT1-1,0020in blast population from wheat, 3) the existence of isolates of low crossing ability in a wheat field, 4) a low possibility of sexual recombination in wheat isolates despite the existence of both mating type in the same field.
  • Efeito da temperatura na multiplicação celular, no desenvolvimento embrionário e na eclosão de juvenis do segundo estádio de Meloidogyne javanica Artigos

    Campos, Hercules Diniz; Campos, Vicente Paulo; Pozza, Edson Ampélio

    Abstract in Portuguese:

    Fatores abióticos influenciam a multiplicação celular, o desenvolvimento embrionário, bem como a sobrevivência e eclosão de juvenis do segundo estádio (J2) de Meloidogyne spp. O efeito relativo à temperatura constante tem sido estudado com várias espécies e populações de Meloidogyne. Entretanto, tem sido pouco pesquisado a flutuação de temperatura, a qual predomina no campo entre o dia e a noite ou durante períodos de predominância de massas polares. Assim, objetivou-se estudar o efeito da flutuação de temperatura em ovos de M. javanica com estádios de desenvolvimento padronizados. Quando foram usados ovos com juvenis já formados, maior percentual de eclosão ocorreu em temperatura fixa de 28 ºC, mas a redução do tempo de exposição a esta temperatura reduziu a eclosão. A exposição dos ovos por 10 horas a 10 ºC, seguido de 14 horas a 28 ºC, proporcionou maior eclosão dos J2 em relação ao mesmo período de exposição mas a 5 ºC seguido de 14 horas a 28 ºC. Já a incubação em temperatura constante de 10 ºC proporcionou menor taxa de eclosão. Ovos no estádio de duas células incubados em temperatura constante de 28 ºC tiveram a multiplicação celular e o desenvolvimento embrionário acelerado em relação às alternadas. Em temperatura constante de 10 ºC ocorreu apenas a multiplicação celular, após a incubação dos ovos por 12 dias. Entretanto, quando incubados por períodos de 10 horas a 10 ºC seguido de 14 horas a 28 ºC ocorreram a formação de juvenis e eclosão de J2, porém significativamente inferior às observadas em temperatura constante de 28 ºC. Em temperaturas de 5 ºC por 10 horas seguida de 28 ºC por 14 horas, não proporcionou eclosão de juvenis no período de 12 dias. Nos ovos ocorreram apenas os estádios pluricelulares, gástrula e "tadpole". Portanto, a temperatura constante de 10 ºC permite apenas a multiplicação celular, e o intervalo de temperatura entre 5 ºC e 10 ºC afeta drasticamente os processos envolvidos no desenvolvimento embrionário de M. javanica.

    Abstract in English:

    Abiotic factors affect the embryonic development, survival and hatching of second-stage juvenile (J2) of Meloidogyne spp. The effect of constant temperature has been studied with various species and populations of Meloidogyne spp. However, the temperature fluctuation which predominates in the field between day and night or during periods of predominance of polar cold front, has not been well studied. Thus, this work aimed to study the effect of temperature fluctuation on egg of M. javanica with standardized embryo development. When eggs with formed juveniles inside were used, highest percentage of hatching occurred at fixed temperature of 28 ºC. The reduction of the exposure time at 28 ºC reduced hatching. The eggs exposed for 10 hours at 10 ºC and complemented by 14 hours at 28 ºC resulted in greater J2 hatching as compared to 10 hours at 5 ºC complemented by 14 hours at 28 ºC. The incubation at fixed temperature of 10 ºC rendered lowest hatching. When eggs at the two-cell stage were used and incubated at 28 ºC the cell multiplication and embryonic development were speeded up. At constant temperature of 10 ºC for egg incubation during 12 days only cell multiplication occurred. However, when the incubation temperatures varied with period of 10 hours at 10 ºC and complemented by 14 hours at 28 ºC, juveniles were formed inside the eggs and hatched but significantly lower than those at constant temperature of 28 ºC. At alternated temperatures of 10 hours at 5 ºC, complemented by 14 hours at 28 ºC, with the same incubation time, juveniles were not formed. In the eggs occurred only the pluricelular, gastrula and tadpole stages occurred. Therefore, the constant temperature of 10 ºC allows only the cellular multiplication, and the temperature interval of 5 ºC and 10 ºC affect drastically several processes involved in embryo development of M. javanica.
  • Atividade de enzimas associadas ao estado de indução em mudas de cacaueiro expostas a dois actinomicetos residentes de filoplano Artigos

    Macagnan, Dirceu; Romeiro, Reginaldo da Silva; Baracat-Pereira, Maria Cristina; Lanna-Filho, Roberto; Batista, Gisele Sales; Pomella, Alan Willian Vilela

    Abstract in Portuguese:

    Dois antagonistas selecionados para o biocontrole da vassoura-de-bruxa do cacaueiro foram avaliados quanto à capacidade em ativar mecanismos de defesa de plantas contra patógenos. Para tanto, mudas seminais de cacaueiro "comum" foram cultivadas em casa-de-vegetação por 30 dias e expostas aos antagonistas aplicados a mudas de cacaueiro por atomização, individualmente e em associação. O primeiro par de folhas das mudas dos diferentes tratamentos foi coletado aos dois, quatro, 12 e 24 dias após a exposição aos antagonistas. Foi quantificada a atividade de peroxidases, polifenoloxidases, quitinases e beta-1,3-glucanases no material coletado. Observou-se um aumento na atividade de peroxidases e polifenoloxidases nos primeiros dias após a exposição das mudas, especialmente ao isolado Ac26. Não foi observado efeito aditivo ou sinergístico nas mudas expostas aos dois isolados simultaneamente.

    Abstract in English:

    Two antagonists selected for the biocontrol of cocoa witches' broom were investigated for their ability in triggering increases in the activity of enzymes associated to induced resistance. In a greenhouse, thirty days old cocoa seedlings were exposed t antagonists by spraying a propagule suspension of every antagonist or a mixture of them. At two, four 12 and 24 days exposing plants to the antagonists, the first leaf pair of every plant was excised and used for quantifying the activity of peroxidases, poly-phenol-oxidases, chitinases and beta-1,3-glucanases. There were increases in activity of peroxidases, poly-phenol-oxidases, mainly in the case of isolate Ac26. Additive or synergistic effects were not observed as a consequence of exposing plants to both antagonists together.
  • Caracterização morfofisiológica de isolados do gênero Cylindrocladium Artigos

    Aparecido, Christiane Ceriani; Furtado, Edson Luiz; Figueiredo, Mário Barreto

    Abstract in Portuguese:

    Com o objetivo de caracterizar o "complexo" gênero anamórfico Cylindrocladium, dezoito isolados foram cultivados em meios de cultura distintos, mantidos sob diferentes temperaturas, além de ter conídios e vesículas terminais analisados morfologicamente para identificação correta das culturas. Inoculações em diferentes hospedeiros foram, também, realizadas para avaliação do comportamento patogênico dos isolados estudados. Com relação aos caracteres morfológicos, pôde-se observar que ocorrem alterações nas dimensões de conídios e na morfologia da vesícula terminal devido, provavelmente, à mudança do substrato de cultivo. Porém, a variabilidade natural nas características dessas estruturas é tão elevada que dificulta a identificação correta dos isolados. Em uma mesma cultura, por exemplo, foram observadas vesículas terminais de diferentes morfologias. Pôde-se constatar que existem diferenças patogênicas e fisiológicas entre os isolados, uma vez que houve a formação de grupos distintos quando tais características foram consideradas. Estas diferenças, provavelmente, sejam devidas à constituição genética distinta existente entre os isolados.

    Abstract in English:

    In order to characterize the anamorphic genus Cylindrocladium eighteen isolates of this funguswere cultivated in different culture media, kept under different temperatures, besides having conidia and terminal vesicles morphologically analyzed for correct identification of the isolates. Inoculations on different hosts were carried out to evaluate of pathogenic behavior of the studied isolates. Concerning the morphologic characters studied, it was observed that alterations occurred in the conidial dimensions and morphology of the terminal vesicles, but was not important considering that is due to substratum changes. However, the natural variability in the general characteristics of these structures indicated that it is difficult to obtain a correct identification of the isolates. In the same culture it was observed terminal vesicles with different morphologies. Pathogenic and physiological differences among the isolates could be observed. This brings the idea of distinct population groups when such characteristics are considered in this study. These differences probably indicate a distinct genetic constitution among the isolates used in this study.
  • Progresso da cercosporiose (Cercospora coffeicola Berkeley & Cooke) em cafeeiros sob cultivos orgânico e convencional Artigos

    Santos, Florisvalda da Silva; Souza, Paulo Estevão de; Pozza, Edson Ampélio; Miranda, Júlio César; Barreto, Sarah Silva; Theodoro, Vanessa Cristina

    Abstract in Portuguese:

    Avaliou-se o progresso da cercosporiose em cafeeiros sob sistemas de produção orgânico e convencional no município de Santo Antônio do Amparo, MG, entre novembro/2003 e novembro/2005. As lavouras, que são vizinhas, encontravam-se sob condições similares de clima, solo e relevo e eram formadas por cafeeiros cv. Acaiá MG-474-19, de dez anos. A doença foi mais intensa no sistema de produção convencional, cuja média de dois anos consecutivos de avaliações demonstrou área abaixo da curva de progresso da cercosporiose maior (3,905) do que o orgânico (2,529). Isso ficou demonstrado também pela incidência máxima nas folhas, equivalente a 28% em 2004 e 29% em 2005, enquanto no sistema orgânico foi de 9% e 12%, respectivamente. Nos frutos, a incidência foi de 18,2% em 2004 e 22% em 2005, enquanto no orgânico foi de 11,5% e 15%, respectivamente. A maior suscetibilidade dos cafeeiros à cercosporiose no sistema convencional coincidiu com menores teores de cálcio e magnésio foliares nas fases de granação e maturação dos frutos comparados ao orgânico, conseqüência da maior carga pendente que resultou em uma produtividade superior em 26,8 sc/ha ao orgânico em 2004 (alta carga pendente). Em 2005 a produtividade foi estatisticamente semelhante em ambos os sistemas. Houve menor alternância entre a produtividade das duas safras consecutivas no sistema orgânico (34% menor em 2005) quando comparada à convencional (64% menor) sugerindo uma tendência de menor efeito da doença sobre a safra seguinte dos cafeeiros no sistema orgânico de produção, comparado ao convencional.

    Abstract in English:

    The progress of brown eye spot in coffee trees in both organic and conventional crop systems was evaluated in two neighboring fields, in Santo Antônio do Amparo city, MG, between nov./2003 and nov./2005. The fields are under similar weather, soil and relief conditions and made up of ten-year-old coffee trees cv. Acaiá MG-474-19. The incidence of brown eye spot was significantly higher in conventional system, whose average from two years demonstrated the area under the disease progress curve (3.905) higher than organic system (2.529). That was also demonstrated by the higher incidence on leaves (maximum 28% in 2004 and 29% in 2005) on conventional than on organic system (9% and 12%, respectively). The incidence on fruits was 18.2% in 2004 and 22% in 2005, while on organic system it was 11.5% and 15%, respectively. This higher susceptibility to disease on coffee trees in conventional system coincided with lower foliar content of calcium and magnesium for the fruit filling and fruit ripening stages compared with to the organic system. That was a consequence of higher production of the conventional system that resulted in yield 47.8% higher than organic one in 2004 (high number of berries). In 2005, the yield was similar in both crop systems but it was verified that the conventional production in 2005 was 64% lower than in 2004 whereas in the organic system from the difference in yield was 34%. This suggested for a tendency of lower effect of the disease in the following coffee harvest of the organic system compared to the conventional one.
  • Development and characterisation of microsatellite markers for the fungus Lasiodiplodia theobromae Scientifics Notes

    Cardoso, José Emilson; Wilkinson, Michael James

    Abstract in Portuguese:

    Lasiodiplodia theobromae é um importante patógeno de vegetais superiores nas regiões tropicais e sub-tropicais, sendo capaz de infectar diferentes hospedeiros sob as mais variadas condições ambientais, o que sugere uma grande variabilidade genética. O objetivo deste estudo foi o de desenvolver marcadores moleculares microsatélites polimórficos de um isolado brasileiro que possa ser usado na caracterização da população de L. theobromae e fungos correlatos. Nove microsatélites foram identificados no genoma deste isolado, o que permitiu o desenvolvimento de seis marcadores polimórficos em uma população de nove isolados patogênicos de plantas tropicais do Brasil. Testes preliminares revelaram uma acentuada variabilidade genética entre os isolados testados, confirmando a grande variabilidade da população brasileira deste fungo. Estes marcadores poderão ser usados em estudos evolutivos em epidemiológicos desta espécie.

    Abstract in English:

    Lasiodiplodia theobromae is an important fungal pathogen of higher plants from tropical and sub-tropical regions. The fungus infects divergent hosts in a wide range of environmental conditions, suggesting that it is highly variable. The aim of this study was to develop new polymorphic microsatellite markers from a Brazilian isolate of L. theobromae that can be used in population studies of this and related fungi. The nine microsatellite markers developed included six that revealed allelic polymorphisms among nine isolates of the disease collected from infected plants in Brazil. Preliminary evaluation of the markers suggested substantial genetic variability among Brazilian L. theobromae populations. These markers have potential utility for evolutionary and epidemiologic studies of this fungus.
  • Uso de polímeros em formulações para preservação de Pectobacterium atrosepticum e Ralstonia solanacearum Notas Científicas

    Tumelero, Andréia Iraci; Denardin, Norimar D´Ávila

    Abstract in Portuguese:

    A sobrevivência de Pectobacterium atrosepticum e de Ralstonia solanacearum foi avaliada em veículo à base de goma xantana (GX), um polímero biológico, e de goma xantana acrescida de polivinilpirrolidona (PVP), um polímero sintético. As culturas, após crescimento até 10(11) ufc mL-1 foram injetadas junto a essas formulações e a sobrevivência avaliada em diferentes condições de armazenamento: em temperatura ambiente, em refrigerador (4ºC) e em freezer (-20ºC), por 36 meses. A concentração de células viáveis foi realizada através de diluições seriadas. A patogenicidade foi avaliada em plantas hospedeiras e em iscas. Os resultados permitem observar que a concentração de células viáveis decresceu ao longo do tempo, mantendo-se entre 10³ e 10(4) ufc mL-1 ao final de três anos, exceto para a formulação à base de GX e armazenamento à -20°C, que se mostrou ineficiente para ambas as bactérias. Conclui-se, que os polímeros avaliados mostraram-se eficientes em preservar e manter as características bioquímicas e fisiológicas das bactérias Pectobacterium atrosepticum e de Ralstonia solanacearum.

    Abstract in English:

    The survival of Pectobacterium atrosepticum and Ralstonia solanacearum was evaluated in biopolymer carrier xanthan gum (GX) and xanthan gum together with polymer synthetic polyvinylpyrrolidone (PVP). The cultures after growing up to 10(11) ufc mL-1 were injected into the plolymers carriers. The survival of the bacteria was evaluated at room temperature, refrigerator (4ºC) and freezer (-20ºC) for 36 months. The evaluation of viability of the preserved bacteria was carried through seriate dilutions using drop method. The pathogenicity was observed in plant hosts and through baits. The results allow observing that the concentration of viable cells decreased along the time mainting to 10³ and 10(4) ufc mL-1 for three years with exception, of the formulation to the base of GX and storage the -20°C, that was inefficient for preservation of both the tested bacteria. The polymers applied persevering and mainting the characteristic biochemical and physiological of the bacteria showing efficient to preservation.
  • Atividade antimicrobiana de extratos peptídicos de folhas de berinjela na inibição do crescimento de Ralstonia solanacearum e Clavibacter michiganensis subsp. michiganensis Notas Científicas

    Almeida, Hebréia Oliveira; Teixeira, Felipe Roberti; Romeiro, Reginaldo da Silva; Silva, Derly José Henriques da; Pereira, Paulo Roberto Gomes; Fontes, Elizabeth Pacheco Batista; Baracat-Pereira, Maria Cristina

    Abstract in Portuguese:

    Compostos naturais, incluindo-se peptídios antimicrobianos, vêm se destacando como fontes de agentes de defesa contra fitopatógenos de importância comercial. Esse trabalho visou obter frações peptídicas a partir de extratos de folhas de berinjela e avaliar as atividades antimicrobianas contra duas bactérias fitopatogênicas. Os pools peptídicos catiônicos, PC1 e PC2 e o aniônico PA obtidos de extratos solúvel (ES) e de parede celular (EP) foram analisados em duas concentrações. Para ES e EP, obteve-se inibição do crescimento da Ralstonia solanacearum e da Clavibacter michiganensis subsp. michiganensis superior a 60%, sendo PC2-2X (maior concentração avaliada) a mais efetiva. Os resultados sugerem que extratos de folhas de berinjela apresentam peptídios com potencial aplicação como agentes de defesa de plantas.

    Abstract in English:

    Natural compounds, such as antimicrobial peptides, have been potentially considered as sources of defense agents against commercially relevant phytopathogens. This work aimed to obtain peptide-enriched fractions from eggplant leaf protein extracts in order to evaluate their antimicrobial activities against two phytopathogenic bacteria. The resulting cationic pools, PC1 and PC2, and the anionic PA pool from leaf soluble (ES) and cell wall (EP) extracts were analyzed in two concentrations. For ES and EP, growth inhibition of Ralstonia solanacearum and Clavibacter michiganensis subsp. michiganensis was higher than 60%, being PC2-2X (higher evaluated concentration) fraction the most effective. These results suggest that eggplant leaf extracts contain peptides with potential use as plant defense agents.
  • Effect of Potato virus X on total phenol and alkaloid contents in Datura stramonium leaves Scientifics Notes

    Duarte, Lígia Maria Lembo; Salatino, Maria Luiza Faria; Salatino, Antonio; Negri, Giuseppina; Barradas, Maria Mércia

    Abstract in Portuguese:

    O presente trabalho relata resultados sobre a ação do Potato virus X (PVX) no conteúdo de fenóis totais e alcalóides em folhas de Datura stramonium. Uma diminuição significativa no conteúdo dessas substâncias foi observada nas folhas inoculadas com o PVX (X-I). Entretanto, houve um aumento na porcentagem de fenóis nas folhas friccionadas com tampão fosfato (C1-I) e nas acima das friccionadas, possivelmente induzido por injúria mecânica. Cromatografia gasosa/espectroscopia de massas revelou quantidades de escopolamina nas amostras submetidas a todos os tratamentos, exceto em X-I, no qual a quantidade deste alcalóide foi baixa. Altas quantidades de uma substância não identificada (íon molecular m/z 302 e um proeminente pico a m/z 129) foram notadas em extratos a partir de folhas dos tratamentos X-I, C1-I e nas acima das inoculadas com o PVX. Sugere-se que a síntese e acúmulo da substância não identificada é um resultado do estresse causado pela injúria mecânica e pelo vírus.

    Abstract in English:

    The present paper reports results of the effect of Potato virus X (PVX) on the contents of total phenols and alkaloids in leaves of Datura stramonium. A significant decrease in the contents of phenols and alkaloids was observed in leaves inoculated with PVX (X-I). However, there was an increase in the percentage of phenols in leaves rubbed with phosphate buffer (C1-I) and in leaves from the nodes immediately above, possibly induced by mechanical injury. Gas chromatography/mass spectroscopy revealed amounts of scopolamine in samples submitted to all treatments, except X-I, in which the amount of this alkaloid was low. High amounts of an unidentified compound (molecular ion m/z 302 and a prominent peak at m/z 129) were noted in extracts from leaves X-I, C1-I and leaves from the nodes immediately above the leaves inoculated with PVX. It is suggested that the synthesis and accumulation of the unidentified compound is a result of stress from mechanical injury and virus inoculation.
  • Efeito do silicato de potássio isoladamente ou em mistura com fungicida no controle da requeima da batateira Notas Científicas

    Duarte, Henrique da Silva Silveira; Zambolim, Laércio; Rodrigues, Fabrício Ávila; Rios, Jonas Alberto

    Abstract in Portuguese:

    Este trabalho teve como objetivo avaliar o efeito da aplicação foliar de silicato de potássio, isoladamente ou em mistura com diferentes doses do fungicida, no controle da requeima, causada por Phytophthora infestans, da batateira. O experimento foi conduzido em condições de campo utilizando-se o delineamento em blocos casualizados com 8 tratamentos e 4 repetições. A cultivar de batata usada foi a Asterix. Foi utilizado o fungicida Cimoxanil + Mancozeb (60 + 700 g/Kg i.a.) e silicato de potássio na dose de 60 g/L (pH = 5,5). Os tratamentos (T) utilizados foram: T1 - Testemunha; T2 - Cimoxanil + Mancozeb (2,0 Kg/ha); T3 - Cimoxanil + Mancozeb (2,5 Kg/ha); T4 - Cimoxanil + Mancozeb (2,0 Kg/ha) + silicato de potássio; T5 - Cimoxanil + Mancozeb (2,5 Kg/ha) + silicato de potássio; T6 - Cimoxanil + Mancozeb (3,0 Kg/ha) + silicato de potássio; T7 - silicato de potássio e T8 - Cimoxanil + Mancozeb (3,0 Kg/ha). As pulverizações foram realizadas semanalmente. A severidade da requeima foi avaliada utilizando-se uma escala descritiva com notas de 0 a 100%. Os resultados da severidade foram utilizados para calcular a área abaixo da curva do progresso da requeima (AACPR). A AACPR foi de 72,5; 23,8; 18,3; 29,5; 19,7; 17,9; 68,3 e 16,3, respectivamente, nos tratamentos T1, T2, T3, T4, T5, T6, T7 e T8. Os tratamentos 3, 5, 6 e 8 foram os mais eficientes (menores AACPRs e maiores rendimentos) no controle da requeima. O silicato de potássio não foi eficiente e não apresentou nenhum efeito aditivo quando misturado ao fungicida no controle da requeima.

    Abstract in English:

    This study aimed to investigate the effect of foliar application of potassium silicate, alone or mixed with different rates of fungicides, on the control of late blight, caused by Phytophthora infestans, on potato. The experiment was carried out under field conditions using the completely randomized block design with 8 treatments and 4 replications. The potato cultivar used was Asterix. The fungicide Cimoxanil + Mancozeb (60 + 700 g/Kg i.a.) and potassium silicate at the rate of 60 g/L (pH = 5.5) were used. The treatments (T) were the: T1 - Control; T2 - Cimoxanil + Mancozeb (2.0 Kg/ha); T3 - Cimoxanil + Mancozeb (2.5 Kg/ha); T4 - Cimoxanil + Mancozeb (2.0 Kg/ha) + potassium silicate; T5 - Cimoxanil + Mancozeb (2.5 Kg/ha) + potassium silicate; T6 - Cimoxanil + Mancozeb (3.0 Kg/ha) + potassium silicate; T7 - potassium silicate and T8 - Cimoxanil + Mancozeb (3.0 Kg/ha). Sprays were done weekly. Evaluations of late blight severity were done using a descritive scale ranging from 0 to 100%. Results from late blight severity were used to calculate the area under disease progress curve (AUDPC). The AUDPC was 72.5, 23.8, 18.3, 29.5, 19.7, 17.9, 68.3 and 16.3, respectively, for the treatments T1, T2, T3, T4, T5, T6, T7 and T8. The treatments 3, 5, 6 and 8 were the most efficient (lower values for AUDPC and highest values for yield) on the control of late blight. The potassium silicate was not efficient on disease control and did not show any additional effect when mixed with fungicide.
  • Inoculação e sobrevivência de Xanthomonas vesicatoria em sementes de tomateiro Notas Científicas

    Corrêa, Fábio Mathias; Carvalho, Aldir de Oliveira de; Carmo, Margarida Goréte Ferreira do

    Abstract in Portuguese:

    Para avaliar o efeito de métodos de inocuação de Xanthomonas vesicatoria (Doidge) (9) em sementes de tomate sobre a qualidade da semente e transmissão da fitobactéria compararam-se os tratamentos: 1) inoculação a vácuo com suspensão de células de X. vesicatoria em STP (0,005M, pH 7,4 e NaCl 0,85%); 2) imersão por 24 horas em suspensão de células de X. vesicatoria em STP; 3) vácuo em solução STP; 4) imersão por 24 horas em STP; 5) imersão por 5 min. em álcool etílico e 6) semente original. As avaliações foram realizadas por testes de germinação e isolamentos em meio Nutriente Agar Modificado (NAM) aos 1, 15, 30 e 45 dias após aplicação dos tratamentos. Em seguida, avaliou-se o efeito da umidade (4% e 8%) e o armazenamento das sementes inoculadas e variações de umidade antes da realização dos testes sobre a sobrevivência e recuperação de X. vesicatoria. Os métodos de inoculação testados podem ser utilizados em trabalhos de rotina, porém, as sementes devem ser utilizadas até 30 dias após a inoculação a partir de quando ocorre uma redução acentuada na taxa de recuperação da fitobactéria. A umidade das sementes interfere na sobrevivência e na transmissão de X. vesicatoria pelas sementes de tomate.

    Abstract in English:

    The efficiency of six methods of Xanthomonas vesicatoria (Doidge) (9) inoculation on tomato seeds, and their effects on seed quality were tested : 1) vacuum inoculation with X. vesicatoria cell suspension in PB (0.005M, pH 7.4 e NaCl 0.85%); 2) immersion for 24 hours in with X. vesicatoria cell suspension and PB. 3) vacuum and saline solution in phosphate buffer; 4) immersion in PB for 24 hours; 5) seeds + ethanol; 6) control. Evaluations were performed for germination test and isolation in Modified Agar Nutrient (NAM)) at 1, 15, 30 and 45 days after treatments imposition. The moisture effect on the transmission of X. vesicatoria seeds inoculated under vacuum, followed or not by air drying at 30±1 ºC, until 4% and 8% moisture were tested. Evaluations were performed as described above, after 24 hours and 30 days after the treatments. The methods of X. vesicatoria inoculation in tomato seeds can be used on routine analyses, however, inoculated seeds should be used until 30 days after inoculation. After this period, a large reduction on the recovery of viable cells occurs. The seed water content interferes with X. vesicatoria survival and transmission and explains the low percentages of X. vesicatoria recovery.
  • Reação de híbridos de brócolis 'tipo cabeça única' à podridão negra Notas Científicas

    Seabra Júnior, Santino; Paixão, Guilherme de Souza; Maringoni, Antonio Carlos; Goto, Rumy; Camara, Renata de Cássia

    Abstract in Portuguese:

    Conduziu-se simultaneamente dois experimentos, em casa de vegetação, com o objetivo de avaliar a resistência de híbridos de brócolis 'tipo cabeça única' (AF 649, Titleist, Centenário, Green Power, BR068, Magestic Crown, Marathon, Laguna, Legacy, Green Parasol, Packman e Mônaco) à podridão negra, causada por Xanthomonas campestris pv. campestris. Foram utilizados os métodos de inoculação no ápice das folhas por cortes com tesoura embebida na suspensão bacteriana e por ferimento provocado no caule com palito de dente umedecido na suspensão bacteriana. A inoculação foi realizada aos 25 dias após transplante (6 a 8 folhas definitivas). Avaliou-se no experimento de inoculação com tesoura, as áreas abaixo da curva de progresso da doença nas folhas inoculadas. No experimento de inoculação por palito de dente, avaliou-se a proporção de altura necrosada do caule, aos 26 dias após inoculação. Verificou-se que, em ambos os experimentos, o híbrido BRO68 apresentou-se mais suscetível à podridão negra e os híbridos Marathon, Legacy e Green Power foram os que apresentaram os maiores níveis de resistência à podridão negra.

    Abstract in English:

    Two experiments were carried out under greenhouse conditions, with the objetive to evaluate the reaction of head single broccoli hybrids (AF 649, Titleist, Centenarian, Green Power, BR 068, Magestic Crown, Marathon, Laguna, Legacy, Green Parasol, Packman and Mônaco) to the black rot, caused by Xanthomonas campestris pv. campestris. For that, plants were inoculated either by cutting the leaf apex with contaminated scissors or by wounding toothpick dipped in an inoculum suspension. The inoculation occurred of 25 days after transplanting (i.e. 6 or 8 definitive leaves). Disease on leaves inoculated by scissor method was evaluated and the area under disease progress curve calculated. In the experiment using contamined toothpick, the percentage of necrosed height of stem was evaluated 26 days after inoculation. It was verified that in both experiments, 'BRO68'was more susceptible, whereas 'Marathon', 'Legacy' and 'Green Power' were more resistant to black rot.
  • Bioprospecção de macroalgas marinhas e plantas aquáticas para o controle da antracnose do feijoeiro Notas Científicas

    Abreu, Guilherme Fernandes de; Talamini, Viviane; Stadnik, Marciel João

    Abstract in Portuguese:

    O objetivo deste trabalho foi testar o efeito local, residual e sistêmico, de extratos de 17 espécies de macroalgas marinhas e de duas plantas aquáticas, sobre a antracnose do feijoeiro. Para tanto, os espécimes foram coletados, identificados, secos em estufa (50ºC/ 48 h), moídos e seus compostos extraídos com etanol. Plantas de feijoeiro (Phaseolus vulgaris cv. Uirapuru) foram cultivadas em vasos, em casa-de-vegetação. Os 19 extratos foram subdivididos e testados em duas etapas de seleção e comparação independentes, utilizando-se o delineamento inteiramente ao acaso, com cinco repetições (vasos com três plantas). As plantas foram pulverizadas com extratos na concentração de 50 mg de peso seco/mL quando apresentavam o primeiro trifólio expandido. Para verificar o efeito local, as plantas foram inoculadas com uma suspensão de 1,2 x 10(6) conídios/mL 4 horas após o tratamento, enquanto que para o estudo do efeito residual e sistêmico, as plantas foram inoculadas 7 dias após o tratamento. A severidade da antracnose foi avaliada 7 dias após a inoculação (dai) na planta inteira e no trifólio não tratado (efeito sistêmico), utilizando-se uma escala de 1 a 9. As algas e plantas que reduziram significativamente a severidade da doença foram comparadas em experimento avaliado aos 7 e aos 12 dai. O extrato de Bryothamnion seaforthii apresentou efeito local, reduzindo em 35% a severidade da antracnose, enquanto o extrato de Ulva fasciata demonstrou efeito residual com redução de 22% na doença aos 12 dai. Somente os extratos de Lemna sp. e U. fasciata reduziram sistemicamente a severidade de doença aos 7 dai na ordem de 55 e 44%, respectivamente, em relação à testemunha. O possível modo de ação desses extratos é discutido.

    Abstract in English:

    The goal of this work was to test the local, residual as well as systemic effect of extracts from 17 marine seaweeds and two aquatic plant species against the bean anthracnose. For that, specimens were collected, identified, dried into an oven at 50ºC for 48 h, ground to powder and their compounds extracted with ethanol. Bean plants (Phaseolus vulgaris cv. Uirapuru) were grown in pots under greenhouse conditions. The 19 extracts were shared into two independent groups for screening and comparison in a completely randomized design, with five replications (pot with 3 plants). Plants at the first trifoliolate leaf stage were sprayed with extracts at concentration of 50 mg dry weight/mL. To assess the local effect, plants were inoculated with a suspension of 1.2 x 10(6) conidia/mL 4 h after the treatment, whereas to study the residual and systemic effects, inoculation was performed after 7 days. Disease severity was evaluated 7 days after inoculation (dai) on either whole plants or the non-treated leaf (systemic effect), using a scale from 1 to 9. Seaweeds and plants which significantly reduced anthracnose were compared in a follow-up experiment evaluated at both 7 and 12 dai. The extract of Bryothamnion seaforthii revealed local effect reducing the anthracnose severity by 35%. Ulva fasciata extract showed residual effect reducing the anthracnose at 12 dai by 22%. Compared to control, only extracts of Lemna sp. and U. fasciata systemically reduced the disease severity at 7 dai by 55 e 44%, respectively. The possible mode of action of these extracts is discussed.
  • Efeito de sanificantes no controle pós-colheita da podridão parda (Monilinia fructicola) e da podridão mole (Rhizopus stolonifer) em pêssegos Notas Científicas

    Abreu, Fabiana Marchi de; Lourenço, Silvia Afonseca; Bassetto, Eliane; Gonçalves, Fabrício Packer; Martins, Marise Cagnim; Amorim, Lilian

    Abstract in Portuguese:

    O objetivo desse trabalho foi avaliar o efeito in vitro e in vivo dos sanificantes cloreto de benzalcônio (Fegatex®), biomassa cítrica (Ecolife40®) e ozônio no controle da podridão parda (Monilinia fructicola) e da podridão mole (Rhizopus stolonifer) em pêssegos das cultivares Aurora, Dourado e Flor da Prince. Cloreto de benzalcônio e biomassa cítrica, aplicados in vitro, ambos na concentração de 1000 mL L-1, inibiram totalmente o crescimento radial (micelial) de M. fructicola, porém nenhum deles foi eficiente no controle de R. stolonifer. Cloreto de benzalcônio aplicado de forma preventiva, na concentração de 3000 mL L-1, reduziu a podridão parda em frutos inoculados sem ferimentos. Quando aplicado de forma curativa em frutos não feridos esse produto foi eficiente em todas as concentrações testadas. Nenhum produto aplicado nos frutos de forma curativa foi eficiente no controle da podridão parda, quando a inoculação do fungo foi realizada através de ferimentos. Nenhum dos produtos foi eficiente no controle da podridão mole. O ozônio (0,1 mL L-1) não foi eficiente no controle das podridões parda e mole.

    Abstract in English:

    The purpose of this work was to study the in vitro and in vivo effects of the sanitizing products benzalkonium chloride (Fegatex®), citric biomass (Ecolife40®) and ozone gas on the control of brown rot (Monilinia fructicola) and soft rot (Rhizopus stolonifer) in peaches cultivars "Aurora", "Dourado" and "Flor da Prince". Benzalkonium chloride and citric biomass, both at 1000 mL L-1, completely inhibited the radial (mycelial) growth of M. fructicola, although none of them controlled R. stolonifer in vitro. The preventive use of benzalkonium chloride at 3000 mL L-1 reduced brown rot in non-injured peaches. Benzalkonium chloride applied as curative in non-injured peaches was effective against M. fructicola at all concentrations. None of the products tested curatively was effective in preventing the development of brown rot when the fungus was inoculated over fruit injuries. None of the products was effective in controlling soft rot. Ozone gas at 0,1 mL L-1 was not effective in controlling brown or soft rots in peaches.
  • Efficiency of phylloplane bacteria in controlling aerial tomato diseases under field conditions Scientifics Notes

    Halfeld-Vieira, Bernardo A.; Romeiro, Reginaldo S.; Mounteer, Ann; Mizubuti, Eduardo S.G.

    Abstract in Portuguese:

    A capacidade de dois isolados bacterianos obtidos do filoplano de tomateiro, em controlar a requeima (Phytophthora infestans) em condições de campo, foi comparada com o fungicida chlorothalonil (1,5 g l-1) e água (controle). Foi observada uma redução de 55% na intensidade da doença em folhas da do terço mediano da planta e de 62% nas folhas superiores, quando pulverizadas com o antagonista UFV-STB 6 (Novosphingobium capsulatum) em relação ao tratamento controle. O isolado UFV-IEA 6 (Bacillus cereus) foi capaz de reduzir a intensidade da doença em 55%, somente nas folhas do terço superior das plantas. As plantas pulverizadas com o isolado UFV-STB 6 também apresentaram redução significativa no percentual de frutos sintomáticos. Os resultados demonstram que os dois isolados bacterianos têm potencial no controle da doença.

    Abstract in English:

    The capacity of two bacteria isolated from the tomato phylloplane to control late blight (Phytophthora infestans) was investigated in the field, and compared against the effectiveness of spraying with the fungicide chlorothalonil (1.5 g a.i. L-1) or water (control). A 55% reduction in late blight intensity was observed in the leaves of the middle of the plant and 62% in those of the upper leaves when using the antagonist UFV-STB 6 (Novosphingobium capsulatum) as compared to the control. Isolate UFV-IEA 6 (Bacillus cereus) was able to reduce disease intensity by 55%, but only in the upper leaves of the tomato plants. Treatment with isolate UFV-STB 6 also led to a significant reduction in the percentage of fruits with late blight symptoms. The results demonstrate the potential of these two bacteria in controlling this disease.
  • Ocorrência generalizada do Lettuce mottle virus em três regiões produtoras de alface comercial do Estado de São Paulo Notas Científicas

    Krause-Sakate, Renate; Firmino, Ana Carolina; Jadão, Adriana Salomão; Pavan, Marcelo A.; Silva, Norberto da; Hanai, Sérgio Minoru; Anbo, Roberto Hiroto; Nietzsche, Thomas

    Abstract in Portuguese:

    Os sequivírus são vírus isométricos transmitidos por afídeos. Lettuce mottle virus (LeMoV), um provável sequivirus foi descrito no Brasil em 1982 e causa sintomas de mosaico semelhantes aos observados pelo Lettuce mosaic virus (LMV). Um levantamento para ocorrência do LeMoV nos campos de produção de alface de três diferentes regiões do Estado de São Paulo (Mogi das Cruzes, Campinas e Bauru) foi realizado durante 2002 a 2005. RNA total foi extraído e utilizado na detecção, em RT-PCR, com oligonucleotídeos específicos para o LeMoV. Do total de 1362 amostras, 137 (10,05%) foram positivas para o LeMoV. Infecção mista com o LMV foi verificada em 43 amostras (31,4%). Foi verificada a ocorrência do LeMoV nas três diferentes regiões analisadas, porém sua ocorrência foi baixa nas diferentes épocas do ano.

    Abstract in English:

    Sequiviruses are isometric aphid-borne plant viruses. Lettuce mottle virus (LeMoV), a putative sequivirus was first described in Brazil on 1982 causing similar mosaic symptoms as Lettuce mosaic virus (LMV). A survey for the occurrence of LeMoV on open field conditions was carried out during 2002 to 2005 on Mogi das Cruzes, Campinas and Bauru in São Paulo state. Total RNA was extracted and used on RT-PCR with specific LeMoV primers. On 1362 samples tested, 137 (10,05%) were positive for LeMoV. Mixed infections with LMV was observed on 43 samples (31,4%). The presence of LeMoV was observed in the three different regions, but with low incidence during the year.
  • Tamanho de amostras para quantificação da podridão-mole da alface e da couve-chinesa Notas Científicas

    Silva, Adriano Márcio Freire; Michereff, Sami Jorge; Mariano, Rosa de Lima Ramos; Silva, Alessandro José da

    Abstract in Portuguese:

    Os cultivos de alface e couve-chinesa podem ter a produção reduzida devido à ocorrência da podridão-mole, causada por Pectobacterium carotovorum subsp. carotovorum. O objetivo deste estudo foi determinar os tamanhos ideais das amostras para quantificação da incidência dessa doença em levantamentos no campo. Foram realizadas amostragens da incidência da podridão-mole em oito áreas de plantio de alface e cinco de couve-chinesa, situadas nos principais municípios produtores do Estado de Pernambuco. Considerando os resultados obtidos e um erro aceitável de 20%, em futuros levantamentos da incidência da podridão-mole em alface recomenda-se a amostragem de 32 parcelas de 4,5 m²/ha e 20 plantas/parcela, enquanto em couve-chinesa a amostragem de 22 parcelas de 10,5 m²/ha e 20 plantas/parcela. Para ambas as culturas não houve correlação significativa (P=0,05) entre os níveis de incidência da doença e os tamanhos das amostras.

    Abstract in English:

    Lettuce and Chinese cabbage may present yield reduction due to the occurrence of soft rot caused by Pectobacterium carotovorum subsp. carotovorum. This study aimed to determine the ideal sample size for assessing disease incidence in field surveys. Samples of soft rot incidence were conducted in eight lettuce growing areas and five Chinese cabbage growing areas, located in the main production cities around Pernambuco State. Considering 20% of acceptable error, the results pointed out that future surveys of the soft rot incidence on lettuce should analyze 32 plots with 4.5 m²/ha and 20 plants/plot, while for Chinese cabbage the sample should include 32 plots with 10.5 m²/ha and 20 plants/plot. No significant correlation (P=0.05) was found between disease incidence levels and sample sizes for both crops.
  • Wheat fusarium head blight 2001 epidemic in the southern Argentinian pampas Communications

    Carranza, Marcelo; Lori, Gladys; Sisterna, Marina
  • Ocorrência de Pestalotiopsis palmarum em Caryota mitis Comunicações

    Pessoa, Wagner Rogério Leocárdio Soares; Barguil, Beatriz Meireles; Oliveira, Sônia Maria Alves de; Coelho, Rildo Sartori Barbosa
  • Ocorrência de Pestalotiopsis neglecta em Ananas lucidus Comunicações

    Barguil, Beatriz Meireles; Pessoa, Wagner Rogério Leocárdio Soares; Oliveira, Sônia Maria Alves de; Coelho, Rildo Sartori Barbosa
  • Novos hospedeiros de Fuligo septica no Estado do Maranhão Comunicações

    Silva, Gilson Soares da; Ferreira, Isabel Cristina Madeira; Bitencourt, Natália Véras
Grupo Paulista de Fitopatologia FCA/UNESP - Depto. De Produção Vegetal, Caixa Postal 237, 18603-970 - Botucatu, SP Brasil, Tel.: (55 14) 3811 7262, Fax: (55 14) 3811 7206 - Botucatu - SP - Brazil
E-mail: summa.phyto@gmail.com