Resultados do estudo do Doppler transcraniano em crianças e adolescentes portadores de doença falciforme e correlação entre a velocidade média máxima e características hematológicas: um estudo transversal analítico

Mary Hokazono Gisele Sampaio Silva Edina Mariko Koga Silva Josefina Aparecida Pellegrini Braga Sobre os autores

CONTEXTO E OBJETIVO: Doppler transcraniano (DTC) detecta risco de acidente vascular cerebral (AVC) em crianças com anemia falciforme (AF). O objetivo foi avaliar os resultados ao DTC nos diferentes genótipos da doença falciforme (DF) e correlacionar a velocidade média-máxima (VMMáx) às características hematológicas. TIPO DE ESTUDO E LOCAL: Estudo transversal analítico realizado no setor de Hematopediatria da Universidade Federal de São Paulo. MÉTODOS: 85 pacientes com DF, 2-18 anos, ambos os sexos, foram avaliados e divididos em: grupo I (62 com AF ou Sß0 talassemia); e grupo II (23 com hemoglobinopatia SC ou Sß+ talassemia). DTC foi realizado e revisado por um único investigador usando um aparelho de ultrassonografia Doppler com transdutor de 2MHz, conforme critérios do protocolo STOP (Stroke Prevention Trial in Sickle Cell Anemia). As variáveis hematológicas avaliadas foram: hematócrito, hemoglobina, reticulócitos, leucócitos, plaquetas, hemoglobina fetal. Análise univariada e coeficiente de Pearson calculados para parâmetros hematológicos e VMMáx, P < 0,05. RESULTADOS: As média das VMMáx foram de 137 ± 28 cm/s e 103 ± 19 cm/s nos grupos I e II, respectivamente. Houve correlação negativa da VMMáx com hematócrito e hemoglobina no grupo I. Houve um (1,6%) resultado anormal e 5 (8,1%) condicionais no grupo I; no grupo II, todos estavam normais. Artérias cerebrais médias foram as únicas acometidas. CONCLUSÃO: Houve baixa prevalência de resultados anormais ao DTC em pacientes com DF. A VMMáx foi significativamente diferente entre os genótipos da DF e apresentou correlação com variáveis hematológicas.

Ultrassonografia Doppler transcraniana; Anemia falciforme; Doença da hemoglobina SC; Acidente cerebral vascular; Criança; Adolescente


Associação Paulista de Medicina - APM APM / Publicações Científicas, Av. Brigadeiro Luís Antonio, 278 - 7º and., 01318-901 São Paulo SP - Brazil, Tel.: +55 11 3188-4310 / 3188-4311, Fax: +55 11 3188-4255 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: revistas@apm.org.br