Espaços ocupacionais e dimensões políticas da prática do assistente social

Occupational sites and political dimensions of the social worker's practice

Ana Elizabete Mota Sobre o autor

O texto discute sobre a dimensão política do trabalho do assistente social no cotidiano da sua atuação profissional, no Brasil. Trabalha a hipótese de que o Serviço Social brasileiro vive transformações que se relacionam mediata ou imediatamente com os rumos da realidade, determinando o surgimento de novos espaços ocupacionais e competências profissionais. Indica algumas mudanças nos espaços ocupacionais tradicionais e emergentes do Serviço Social e defende a necessidade de problematizar as expressões cotidianas e imediatas da realidade como meio de o profissional exercitar a sua relativa autonomia intelectual e técnico-política sob a direção do projeto ético-politico profissional.

Serviço Social; Espaços ocupacionais; Relativa autonomia


Cortez Editora Ltda Rua Monte Alegre, 1074, 05014-001 - São Paulo - SP, Tel: (55 11) 3864-0111 , Fax: (55 11) 3864-4290 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: servicosocial@cortezeditora.com.br