PRÁTICAS DE MÃES E CUIDADORES NA IMPLEMENTAÇÃO DOS DEZ PASSOS PARA ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL

Nayara Francisca Cabral de Sousa Marly Javorski Gabriela Cunha Schechtman Sette Cleide Maria Pontes Alessandro Henrique da Silva Santos Luciana Pedrosa Leal Sobre os autores

RESUMO

Objetivo:

avaliar as práticas de mães e cuidadores na alimentação de crianças menores de um ano, de acordo com as recomendações dos dez passos para alimentação saudável.

Método:

estudo transversal e analítico. Foram entrevistadas 151 mães ou cuidadores de crianças de 12 a 23 meses e 29 dias, cadastradas nas Unidades Básicas de Saúde do Distrito Sanitário IV da cidade do Recife, Pernambuco, Brasil, entre julho e setembro de 2015. Para análise foi construído um escore de cumprimento dos dez passos para alimentação saudável. A regressão de Poisson com variância robusta foi realizada para identificar os determinantes da prática alimentar inadequada.

Resultados:

a mediana no cumprimento dos passos foi de 20%. Trabalho materno remunerado fora do lar, não residir com o companheiro e realizar menos de sete consultas em puericultura foram determinantes para a prática alimentar inadequada.

Conclusão:

as práticas maternas e de cuidadores na alimentação das crianças foram consideradas inadequadas, devido ao baixo cumprimento no número de passos.

DESCRITORES:
Comportamento alimentar; Nutrição do lactente; Cuidado da criança; Educação em saúde; Enfermagem

Universidade Federal de Santa Catarina, Programa de Pós Graduação em Enfermagem Campus Universitário Trindade, 88040-970 Florianópolis - Santa Catarina - Brasil, Tel.: (55 48) 3721-4915 / (55 48) 3721-9043 - Florianópolis - SC - Brazil
E-mail: textoecontexto@contato.ufsc.br