SELEÇÃO E INGRESSO DE ESTUDANTES REFUGIADOS NO ENSINO SUPERIOR BRASILEIRO: A INSERÇÃO LINGUÍSTICA COMO CONDIÇÃO DE HOSPITALIDADE

BRAZILIAN HIGHER EDUCATION ADMISSIONS PROCESS FOR REFUGEE STUDENTS: THE LINGUISTIC INSERTION AS A CONDITION OF HOSPITALITY

Marluza da Rosa Sobre o autor

RESUMO

Este estudo problematiza as relações de saber-poder em que se inscrevem as políticas de hospitalidade direcionadas ao acesso de estudantes refugiados às universidades públicas brasileiras nos últimos anos. A análise dedica-se à abordagem da materialidade linguística de documentos institucionais que regulamentam esse ingresso, buscando compreender, pelo diálogo entre os estudos da psicanálise, da desconstrução e do discurso, os efeitos de sentido decorrentes do discurso institucional. Os recortes discutidos apontam para o caráter normativo e prescritivo desse discurso e permitem a reflexão sobre o papel exercido pela língua portuguesa como principal condicionante que, ao mesmo tempo, possibilita e impossibilita o acesso de pessoas em situação de refúgio à universidade brasileira.

Palavras-chave:
refugiados; universidade; hospitalidade

UNICAMP. Programa de Pós-Graduação em Linguística Aplicada do Instituto de Estudos da Linguagem (IEL) Unicamp/IEL/Setor de Publicações, Caixa Postal 6045, 13083-970 Campinas SP Brasil, Tel./Fax: (55 19) 3521-1527 - Campinas - SP - Brazil
E-mail: spublic@iel.unicamp.br