Accessibility / Report Error

Estudo de validação e invariância de gênero da Escala de Crenças Acerca da Aparência Corporal numa amostra da comunidade de adultos heterossexuais num relacionamento comprometido

Resumo

Objetivo

Avaliar as propriedades psicométricas da Beliefs About Appearance Scale (BAAS), nomeadamente sua estrutura fatorial e invariância, fidelidade e validade quando aplicada a adultos de uma amostra comunitária.

Métodos

Participaram 810 heterossexuais portugueses envolvidos numa relação de compromisso. Uma vez que a análise fatorial confirmatória não apoiou a estrutura original da escala, conduziu-se uma análise exploratória.

Resultados

Extraiu-se uma versão da escala com 12 itens, que integra duas dimensões: uma pessoal e outra social. O modelo fatorial composto por esta estrutura bidimensional revelou um ajustamento adequado aos dados, após a análise fatorial confirmatória. A análise confirmatória multigrupos indicou invariância entre os gêneros. A validade concorrente e discriminante e a consistência interna foram estimadas e apresentaram valores adequados.

Conclusões

A versão final, com 12 itens, da BAAS avalia com acuidade as crenças acerca da aparência corporal e pode ser utilizada em diferentes contextos de investigação.

Descritores:
Aparência corporal; crenças; validação; análise fatorial; análise multigrupos

Associação de Psiquiatria do Rio Grande do Sul Av. Ipiranga, 5311/202, 90610-001 Porto Alegre RS/ Brasil, Tel./Fax: (55 51) 3024 4846 - Porto Alegre - RS - Brazil
E-mail: trends@aprs.org.br