Construção e desaparecimento do herói: uma questão de identidade nacional

The building and deconstruction of the hero: a matter of national identity

OLGÁRIA CHAIN FÉRES MATOS Sobre o autor

Resumos

O ensaio procura compreender a emergência e a desconstrução do herói e do heroísmo no horizonte da morte, segundo o mito da invulnerabilidade e da fantasia do renascimento que vence a brevidade da vida. Fator de convergência de identidades imaginárias, sua sobrevivência torna-se problemática na modernidade, regida esta pela conversão do herói em espetáculo televisivo momentâneo, de tal forma que se configura uma alucinação negativa, a ausência da representação do direito a ter direito no processo de dessocialização no mundo contemporâneo.

herói; heroísmo; morte; invulnerabilidade; alucinação negativa


The essay tries to understand the emergence and deconstruction of both the hero and heroism in the realm of death, according to the myth of invulnerability and fantasy of rebirth that strikes life's briefness. As a point of convergence for imaginary identities, its survival becomes a problematic issue for modernity, which is ruled by the hero's conversion into a transient TV show, as to configure a negative delusion, that is, the absence of representation of rights to the process of desocialization in the contemporary world.

hero; heroism; death; invulnerability; negative delusion


Texto completo disponível em PDF.

  • 1
    Conferir a pesquisa de Eliana Maria de Melo Souza (em andamento).

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

  • AGUIAR, Flávio. (1985) Os enredos da cultura brasileira. Revista do Brasil Rio de Janeiro, Ed. Secretaria da Ciência e Cultura do Governo do Estado do Rio de Janeiro e da Prefeitura do Município do Rio de Janeiro, ano II, nº 4. Apud CARDOSO, Irene Ribeiro de Arruda.(1988) Os acontecimentos de 1968. Notas para uma interpretação. In: SANTOS, Maria Cecília Loscchiavo dos. Maria Antonia: uma rua na contramão São Paulo, Nobel.
  • CANETTI, Elias. (1966) Masse et perissance Paris, Gallimard.
  • CHAUI, Marilena. (1992) Mídia e democracia Aula inaugural. São Paulo, Departamento de Filosofia, FFLCH-USP (mimeo).
  • FREUD, Sigmund. (1980) A psicopatologia da vida cotidiana. In: ________ . Obras psicológicas completas de Sigmund Freud Edição standard brasileira, vol. VI. Rio de Janeiro, Imago.
  • GREEN, Andre. (1982) O discurso vivo, uma teoria psicanalítica do afeto Rio de Janeiro, Francisco Alves.
  • HOLANDA, Sérgio Buarque de. (1979) Raízes do Brasil Rio de Janeiro, Livraria José Olympio Editora.
  • JANKÉLÉVITCH, V. (1980) La réconnaissance Paris, Éditions du Seuil.
  • RANK, Otto. (1993) The trauma of birth New York, Dover Publications Inc.
  • SOUZA, Eliana Maria de Melo. (1992) Relatório de atividades Araraquara, Departamento de Sociologia, FCL-Unesp (mimeo).
  • ______ . (pesquisa em andamento). Itinerários de uma obra - Raízes do Brasil como fonte de investigação e interpretação Araraquara, Departamento de Sociologia, FCL-Unesp.
  • VERNANT, J. P. (1979) A bela morte e o cadáver ultrajado. Revista discurso São Paulo, nº 9, p. 31-62.

Datas de Publicação

  • Publicação nesta coleção
    Jan-Dec 1994

Histórico

  • Recebido
    Abr 1995
Departamento de Sociologia da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo Av. Prof. Luciano Gualberto, 315, 05508-010, São Paulo - SP, Brasil - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: temposoc@edu.usp.br
Accessibility / Report Error