Smart Cities no Brasil e em Portugal: o estado da arte

Smart Cities in Brazil and Portugal: the state of the art

Maria Abadia Alves Ricardo Cunha Dias Paulo Castro Seixas Sobre os autores

Resumo

Este texto analisa o estado da arte das Smart Cities no Brasil e em Portugal, procurando mapear e caracterizar os projetos existentes, identificar os serviços/setores objeto de inovação e os principais constrangimentos e desafios nos dois países. Recorrendo a uma revisão da literatura sobre o tema, os resultados mostram que, apesar de as Smart Cities configurarem já uma política de modelação urbana, evidenciada por índices e rankings, ambos os países parecem não ter ultrapassado uma primeira fase (Smart Cities 1.0), ou seja, de infraestruturação tecnológica. Os exemplos de tecnologia integrada como suporte de planejamento estratégico urbano (Smart Cities 2.0) é incipiente e a cocriação urbana pelos habitantes e city-users (Smart Cities 3.0) reduz-se a casos.

Palavras-chave:
Smart Cities; Portugal; Brasil; Políticas de Cidade

Pontifícia Universidade Católica do Paraná Rua Imaculada Conceição, 1155. Prédio da Administração - 6°andar, 80215-901 - Curitiba - PR, 55 41 3271-1701 - Curitiba - PR - Brazil
E-mail: urbe@pucpr.br