Jesus Santiago Moure (2.XI.1912 - 10.VII.2010)

Gabriel A. R Melo Danúncia Urban Sobre os autores

OBITUARY

Jesus Santiago Moure (2.XI.1912 - 10.VII.2010)

Paulista de Ribeirão Preto, nascido a 2 de novembro de 1912, Jesus Santiago Moure, formou-se em Filosofia, incluindo Ciências Naturais, Física e Matemática, pelo Seminário Maior Claretiano, em Rio Claro (1929-1933) e a seguir, cursou Teologia no Seminário Maior Claretiano, em Curitiba (19331936). Em 1937, permaneceu na cidade de São Paulo para concluir o curso de Teologia, tendo sido ordenado Sacerdote em 23 de maio de 1937, nesta mesma cidade. Durante sua estada em São Paulo, conheceu Frederico Lane do Museu Paulista, que o introduziu na taxonomia dos insetos. Em colaboração, os dois publicaram três artigos sobre espécies de Curculionidae (Coleoptera), e Lane sugeriu ao Padre Moure que iniciasse o estudo das abelhas da coleção depositada no Museu Paulista. Esta proposta para estudar abelhas, abriu novos horizontes e foi o início de uma carreira científica extremamente produtiva.

Ao retornar para Curitiba, em 1938, Moure passa a lecionar Ciências Naturais, Física, Química e Matemática no Seminário Claretiano e prontamente envolve-se também em atividades fora dos círculos eclesiásticos. Por sua amizade com José Loureiro Fernandes, dos tempos do Círculo de Estudos Bandeirantes, participa da fundação da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras, assumindo a cátedra de Zoologia. Essa Faculdade integrou-se com as demais - Medicina, Direito e Engenharia - para reformular, em 1946, a nova Universidade do Paraná, dentro dos moldes então exigidos pelo Ministério da Educação.

Também a convite de José Loureiro, Pe. Moure passa a integrar o Museu Paranaense onde assumiu a Direção da Divisão de Zoologia, em 1939. Em 1950 participou da reestruturação da Universidade do Paraná, que foi então federalizada, e logo a seguir foi Diretor do Museu Paranaense, de 1952 a 1954, época em que comprou vasto material bibliográfico iniciando a primeira biblioteca da Zoologia, que posteriormente, foi parcialmente reintegrada ao Museu Paranaense.

Sua primeira grande viagem ao exterior foi em meados de 1956, à Universidade de Kansas, Lawrence, nos Estados Unidos, juntamente com Charles D. Michener e seus familiares, que retornavam após um ano de permanência e muito trabalho em colaboração, em Curitiba. Permaneceu em Lawrence por seis meses, estudando a coleção de abelhas, tendo também participado do curso de Estatística ministrado por Robert R. Sokal e presenciado o desenvolvimento inicial da taxonomia numérica. A seguir estudou as coleções de outras Universidades norte-americanas, até junho de 1957. Ao voltar para Kansas recebeu um auxílio da National Science Foundation, obtido por Michener, para estada de um ano na Europa, a partir de agosto de 1957, uma viagem que foi "excepcional para sua formação", segundo suas anotações. Na Europa, visitou as coleções entomológicas dos museus de diversos países e prosseguiu com as anotações.

Em viagens subseqüentes, nas décadas de 1960 a 1970, deu continuidade ao estudo dos tipos, tanto na Europa como nos Estados Unidos. Porém, faltava ainda examinar as abelhas da coleção do Museum für Naturkunde, em Berlim. Acompanhado por Olaf H.H. Mielke, em junho e agosto de 1996, realizou seu sonho. Voltou à Alemanha no ano seguinte e depois em 1999. Como resultado de suas viagens, produziu 1.700 páginas manuscritas com anotações sobre os tipos das abelhas neotropicais.

Publicou mais de 220 artigos, dando a conhecer principalmente a riqueza de espécies da região neotropical, tendo proposto um total de 484 nomes do grupo-espécie, 218 do grupo-gênero e 17 do grupo-família. Na sua produção constam três livros, dois deles em colaboração com Paul D. Hurd Jr e o mais recente, em 2007, "Catalogue of Bees in the Neotropical Region", organizado por Moure, Urban e Melo, reunindo todas as informações catalográficas desde suas primeiras notas manuscritas até os cartões que foram datilografados quando da sua primeira visita ao Michener e atualizados posteriormente. Esta obra cataloga um total de 5029 nomes válidos para espécies viventes e recebeu, em 2010, o "Prêmio Alexandre Rodrigues Ferreira", concedido pela Sociedade Brasileira de Zoologia.

Organizou o Curso de Pós-Graduação em Entomologia do Departamento de Zoologia da UFPR, a nível de Mestrado e Doutorado, tendo sido Professor orientador de 11 teses de Doutorado e 35 dissertações de Mestrado. Envolveu-se na fundação do CNPq e da Capes, principais órgãos relacionados à pesquisa e à ciência do Brasil; também da fundação da Sociedade Brasileira de Entomologia - SBE (1937), Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência-SBPC (1948) e da Sociedade Brasileira de Zoologia - SBZ (1978).

Em 1961, ingressou na Academia Brasileira de Ciências, da qual recebeu o "Prêmio Costa Lima", em 1970. Numerosos outros prêmios e homenagens foram a ele concedidos, destacando-se as mais elevadas condecorações concedidas pelo governo brasileiro a cientistas: "Comendador da Ordem Nacional do Mérito Científico" (1995) e "Grã-Cruz da Ordem Nacional do Mérito Científico" (1998). A Universidade Federal do Paraná conferiu-lhe os títulos de Doutor Honoris Causa (1982) e de Professor Emérito (1986). Desde 1982, a coleção de insetos do Departamento de Zoologia da UFPR foi denominada "Coleção de Entomologia Prof. Pe. Jesus Santiago Moure". Em 2006, recebeu o Diploma de Pesquisador Emérito como parte das comemorações dos 55 anos do CNPq.

Pe. Jesus Santiago Moure, ícone da pesquisa científica no país, faleceu no dia 10 de julho de 2010, aos 97 anos de idade, na residência dos Missionários Claretianos em Batatais, São Paulo.

Gabriel A. R. Melo & Danúncia Urban

Departamento de Zoologia, Universidade Federal do Paraná. Caixa Postal 19020, 81531-980 Curitiba, PR, Brazil.

Submitted: 10.VIII.2010; Accepted: 18.VIII.2010.

Editorial responsibility: Walter A.P. Boeger

Datas de Publicação

  • Publicação nesta coleção
    30 Set 2010
  • Data do Fascículo
    Ago 2010
Sociedade Brasileira de Zoologia Caixa Postal 19020, 81531-980 Curitiba PR Brasil, Tel./Fax: (55 41) 3266-6823 - Curitiba - PR - Brazil
E-mail: sbz@sbzoologia.org.br