Scielo RSS <![CDATA[Arquivos de Neuro-Psiquiatria]]> http://www.scielo.br/rss.php?pid=0004-282X19660001&lang=en vol. 24 num. 1 lang. en <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielo.br/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielo.br <![CDATA[<b>Metabolism of fat in subacute combined degeneration of the spinal cord</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0004-282X1966000100001&lng=en&nrm=iso&tlng=en In 10 cases of subacute combined degeneration of the spinal cord the absorption, clearance and utilization of labeled fat was studied. In 4 cases disorders of the lipid metabolism were found. Although not significantly, the peripheral and dorsal funiculi syndromes were more severe in the 4 cases with impaired fat metabolism than in the normal cases, while the pyramidal syndrome was almost the same in the two groups. The whole neurological picture was also more severe in the 4 cases with disorders of fat metabolism. These results seem to indicate that the impairment of lipid metabolism evidenced in such cases bears no direct relationship with the demyelinating process in general, and would rather attend a deficiency of metabolites (probably B-complex vitamins) other than vitamin B12, which play a more significant role in the preservation of the peripheral nerves.<hr/>Em 10 casos de mielose funicular foram estudadas a absorção, a depuração e a utilização de lípides radioativos. Em 4 dêsses casos foram verificadas alterações do metabolismo lipídico. Embora não significantemente, as síndromes periférica e funicular dorsal mostraram-se mais intensas nos 4 casos com distúrbios do metabolismo lipídico que nos demais, enquanto a síndrome piramidal foi aproximadamente semelhante nos dois grupos de pacientes. A sintomatologia neurológica global também se apresentou mais intensa nos 4 casos com alterações do metabolismo lipídico. Estes resultados parecem indicar que as alterações do metabolismo das gorduras demonstradas nesses casos não se vinculam diretamente ao processo desmielinizante em geral, parecendo antes refletir uma carência de metabólitos (provavelmente vitaminas do complexo B) diversos da vitamina B12, que desempenhariam papel mais importante na preservação dos nervos periféricos. <![CDATA[<b>Effect of experimental devascularization on peripheral nerves</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0004-282X1966000100002&lng=en&nrm=iso&tlng=en In order to explore the functional importance of the vasa-nervorum and the nerve natural connective bed, fine nerve devascularizations were performed in ten adult dogs, using a dissecting microscope. 4 to 5 cm of the nerve vascularization and corresponding connective bed were injured. By this procedure it could be demonstrated, 30 days later, motor deficiencies and in the histological serial preparations a distad nerve degeneration, total in some fascicles and partial in others.<hr/>Em publicações anteriores nos referimos à importância funcional dos "vasa-nervorum" e do leito conectivo natural de nervos nos processos de degeneração e regeneração nervosa periférica. Neste trabalho são apresentados e discutidos os resultados de desvascularizações experimentais efetuadas sob anestesia e cuidados assépticos de rotina, em nervos ulnar e mediano de 10 cães, no têrço superior do braço. Utilizando microscópio cirúrgico (X10) e instrumental apropriado foram lesados, ao longo de cada nervo, 4 a 5 cm de sua fina vascularização e correspondente leito conectivo. Trinta dias após a operação pôde-se constatar em todos os cães deficiências motoras, algumas bastante evidentes e outras discretas, em grupos musculares do antebraço, subordinados à inervação do ulnar e mediano. Os cortes histológicos seriados comprovaram essas observações, visto que, demonstraram existir distalmente à região desvasculariza-da, degenerações totais ou parciais de fibras e fascículos nervosos. Em face dessas observações conclui-se que parte do bom êxito de neuror-rafias e neurolises está na dependência direta do manuseio dos segmentos dos nervos. A fina vascularização e o leito conectivo natural do nervo devem ser sempre respeitados ao máximo, dentro das possibilidades e contingências de cada caso, visto serem estas estruturas indispensáveis à manutenção e eficaz regeneração de fibras nervosas periféricas. <![CDATA[<b>The osmolality of normal cerebrospinal fluid</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0004-282X1966000100003&lng=en&nrm=iso&tlng=en Estudo da osmolalidade de 22 amostras de LCR e de 22 amostras de sôro. As amostras de LCR foram colhidas de pacientes sem afecções do sistema nervoso central e sem alterações metabólicas gerais e, as de sôro, de pessoas sadias. A osmolalidade foi determinada em osmômetro de Fiske. Os resultados são expressos em mOsm/kg d'água e estão reunidos nas tabelas 1 (LCR) e 2 (sôro); na tabela 3 são apresentadas as estimativas correspondentes. Não foram encontradas diferenças significativas entre a osmolalidade do LCR e do sôro. Êste dado confirma resultados consignados na literatura, obtidos pelo mesmo método, mas baseados na análise de menor número de casos.<hr/>The osmolality of the cerebrospinal fluid (CSF) in normal conditions was evaluated through the results in 22 CSF samples obtained from patients with any evidence of central nervous system diseases as well with any disease that might interfer with general metabolic conditions. For comparative purposes it was studied the serum osmolality in a series of 22 healthy people. The osmolality was evaluated by the Fiske's osmometer. Results are presented in table 1 (CSF), table 2 (blood sera) and their estimatives are grouped in table 3. The results reported confirm that there are any significative differences between the values of CSF and of blood serum osmolality in normal conditions. <![CDATA[<b>Hypsarhythmia: report of 20 cases</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0004-282X1966000100004&lng=en&nrm=iso&tlng=en Resumindo as principais contribuições que resultaram na conceituação atual da hipsarritmia, destacam os autores a noção de que não constitui ela uma entidade clínica determinada, mas uma sindrome eletroclínica especial, própria da primeira infância, e cujo diagnóstico só pode ser firmado à luz do traçado eletrencefalográfico característico. Analisam a variedade de fatôres etiológicos à maneira do que ocorre com as encefalopatias infantis em geral, chamando a atenção para a importância do fator etário, das condições traumáticas e do problema da anóxia cerebral neonatorum. Necessária ênfase é conferida ao fenômeno da maturação encefálica que explica, segundo o consenso dos autores modernos, as características peculiares da síndrome. A hipsarritmia pode instalar-se em indivíduo previamente são ou em encefalopata, tendo evolução variável, pois tanto pode evolver favoràvelmente, o que é mais raro, como modificar-se, seja no sentido da epilepsia focal ou outra forma de epilepsia, o que é mais comum, ou, então, permanecer inalterada. Essa evolução - a história natural da hipsarritmia - é apreciada especialmente sob o aspecto eletrencefalográfico, o qual pode, ou não, ser acompanhado de correspondente evolução clínica. A sintomatologia é variável, sendo de notar a grande dominância das crises de espasmos em flexão. Sendo pobre o subsídio anátomo-patológico da condição, os autores, a êsse propósito, apenas acrescentam os dados referentes à necropsia de um dos seus casos, com achados inespecíficos. O prognóstico, na maioria das vêzes mau, pode variar, especialmente após o uso do ACTH. O tratamento é difícil, freqüentemente desapontador. As melhores respostas são obtidas com o ACTH e, algumas vêzes, com os antibióticos e medicação sintomática, porém, quase sempre reaparece a sintomatologia, se suprimida a medicação que, por outro lado, nem sempre pode ser continuada.<hr/>Summarizing the main contributions which resulted in modern conception the authors point out that hypsarhythmia does not constitute a clinical entity but an electro-clinical syndrome, usually occurring in early childhood, whose diagnosis can only be made on the basis of characteristic electro-encephalographic records. The authors analyse the etiological factors as they generally occur in the infantile encephalopaties and call attention to the etary factor, traumatic conditions, as well as the problem of neonatorum cerebral anoxia. Emphasis is given to the phenomenon of cerebral maturation which explains the peculiar characteristics of the syndrome. Hypsarhythmia may develop in a previously healthy individual or in an encephalopath. Its evolution is variable since it may evolve favorably, a rare occurrence, or may change either to a focal or some other type of epilepsy which is more common, or it may remain unaltered. This evolution - the natural history of hypsarhythmia - is considered specially from the electroencephalographic standpoint, being or not accompanied by the corresponding clinical evolution. The symptomatology is variable, and it should be noted that the spasms in flexion are predominant. The anatomo-pathological data are scarce; the authors only add some details referring to the autopsy of one of their cases, without any specific data. The prognosis, mostly unfavorable, may change specially after the use of ACTH. The treatment is a difficult and frequently disappointing one. The best results are obtained with ACTH and, sometimes, with antibiotics and symptomatic medication but, almost always, when medication is discontinued, the symptomatology recurs. On the other hand, it is not always possible to continue with the medication. <![CDATA[<b>Cerebral embolism secundary to chronic chagasic cardiopathy</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0004-282X1966000100005&lng=en&nrm=iso&tlng=en Depois de breve análise sôbre a cardiopatia crônica chagásica e os fenômenos tromboembólicos dela decorrentes, o autor apresenta um exemplar da espécie com manifestações cerebrais, caracterizadas por afasia motora e hemiplegia sensitivo-motora, de predominância cefalobraquial. Foi o caso estudado sob os aspectos clínico, laboratorial e radiológico, os quais conduziram de modo inequívoco ao diagnóstico.<hr/>After brief considerations about the chronic chagasic cardiopathy and consequent thromboembolic phenomena, the author reports a case presenting cerebral manifestations such as right motor-sensitive hemiplegia with cephalic and brachial prevalency and motor aphasia. The case was studied under clinical, laboratorial and radiological aspects. <![CDATA[<b>Temporal arachnoidal cysts</b>: <b>report of two cases submitted to surgery</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0004-282X1966000100006&lng=en&nrm=iso&tlng=en Os autores apresentam dois casos de cistos aracnóideos temporais, vistos com apenas um mês de intervalo. Os dois doentes apresentavam, além do abaulamento temporal, quadro de hipertensão intracraniana que desapareceu com a operação. A etiologia do processo, nestes dois casos como na maioria dos referidos na literatura, parece estar ligada a alterações congênitas caracterizadas por canalização incompleta do espaço subaracnóideo.<hr/>Two cases of patients with frontotemporal bulging caused by temporal arachnoidal cysts are reported. The cases were seen with a interval of only one month. The signs and symptoms of intracranial hypertension subsided after the surgical procedure in the two patients. In those cases the etiology of the process lies probably in congenital malformations caused by incomplete canalization of the subarachnoidal space. <![CDATA[<b>Migration of a bullet from the skull to the spinal canal</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0004-282X1966000100007&lng=en&nrm=iso&tlng=en Os autores apresentam dois casos de cistos aracnóideos temporais, vistos com apenas um mês de intervalo. Os dois doentes apresentavam, além do abaulamento temporal, quadro de hipertensão intracraniana que desapareceu com a operação. A etiologia do processo, nestes dois casos como na maioria dos referidos na literatura, parece estar ligada a alterações congênitas caracterizadas por canalização incompleta do espaço subaracnóideo.<hr/>Two cases of patients with frontotemporal bulging caused by temporal arachnoidal cysts are reported. The cases were seen with a interval of only one month. The signs and symptoms of intracranial hypertension subsided after the surgical procedure in the two patients. In those cases the etiology of the process lies probably in congenital malformations caused by incomplete canalization of the subarachnoidal space. <![CDATA[<b>Uveo-meningo-encephalitis treated by pyretotherapy</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0004-282X1966000100008&lng=en&nrm=iso&tlng=en Os autores relatam um caso de úveo-meningo-encefalite, com os característicos da síndrome de Harada. A terapêutica instituída à base de corticos-teróides e antibióticos de largo espectro, tripsina, gama-globulina, transfusão de sangue total, vitamina C, mostrou-se parcialmente eficiente. Como persistissem alguns sintomas e alterações no líquido cefalorraqueano, foi empregada piretoterapia, depois da qual foi assinalada pronta melhora e normalização do líquido cefalorraqueano. Os autores admitem que a piretoterapia, além de estimular as reações de defesa do organismo, teria agido como na tindalização de microrganismos sensíveis à intermitência térmica. A enfêrma vem sendo controlada há mais de um ano, não tendo apresentado qualquer manifestação indicadora da persistência ou de reativação do processo.<hr/>A case of uveo-meningo-encephalitis diagnosed as Harada's disease is reported. After treatment with corticosteroids, antibiotics of large spectrum, tripsine, gama-globulin, total blood transfusion and vitamin C, the persistence of some clinical signs and cerebrospinal fluid's alterations indicating that the virus was still active gave the authors the opportunity of trying the pi-retotherapy. The clinic results were satisfactory and the laboratory tests became negative. The idea is that the cure was done by the stimulation of body defenses and by a positive action of tyndallization obtained by the piretotherapy over microrganisms sensible to intermittent temperature. A close control has been maintained for over a year on the patient who presents good health up to now. <![CDATA[<b>Análises de livros</b>]]> http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0004-282X1966000100009&lng=en&nrm=iso&tlng=en Os autores relatam um caso de úveo-meningo-encefalite, com os característicos da síndrome de Harada. A terapêutica instituída à base de corticos-teróides e antibióticos de largo espectro, tripsina, gama-globulina, transfusão de sangue total, vitamina C, mostrou-se parcialmente eficiente. Como persistissem alguns sintomas e alterações no líquido cefalorraqueano, foi empregada piretoterapia, depois da qual foi assinalada pronta melhora e normalização do líquido cefalorraqueano. Os autores admitem que a piretoterapia, além de estimular as reações de defesa do organismo, teria agido como na tindalização de microrganismos sensíveis à intermitência térmica. A enfêrma vem sendo controlada há mais de um ano, não tendo apresentado qualquer manifestação indicadora da persistência ou de reativação do processo.<hr/>A case of uveo-meningo-encephalitis diagnosed as Harada's disease is reported. After treatment with corticosteroids, antibiotics of large spectrum, tripsine, gama-globulin, total blood transfusion and vitamin C, the persistence of some clinical signs and cerebrospinal fluid's alterations indicating that the virus was still active gave the authors the opportunity of trying the pi-retotherapy. The clinic results were satisfactory and the laboratory tests became negative. The idea is that the cure was done by the stimulation of body defenses and by a positive action of tyndallization obtained by the piretotherapy over microrganisms sensible to intermittent temperature. A close control has been maintained for over a year on the patient who presents good health up to now.