SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.25 issue4Violence against women and its implications for maternal and child healthNutrition and self-care practices of patients with chronic Metabolic Syndrome: a qualitative study author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Acta Paulista de Enfermagem

Print version ISSN 0103-2100

Abstract

ARONI, Patrícia; NASCIMENTO, Leonel Alves do  and  FONSECA, Lígia Fahl. Avaliação de estratégias no manejo da sede na sala de recuperação pós-anestésica. Acta paul. enferm. [online]. 2012, vol.25, n.4, pp.530-536. ISSN 0103-2100.  https://doi.org/10.1590/S0103-21002012000400008.

OBJETIVO: Avaliar estratégias simples e seguras para mitigar a sede no pós-operatório imediato (POI). MÉTODOS: Estudo quantitativo, experimental, de corte transversal, com amostra de 90 pacientes. Aqueles que apresentaram sede foram divididos aleatoriamente em dois grupos, Água ou Gelo. RESULTADOS: 96 (75%) relataram sede. O jejum pré-operatório variou de 8 a 37 horas e não houve associação entre o tipo de anestesia, sangramento, tempo de jejum e sede. A intensidade média inicial de sede foi de 5,1 para o grupo Água e 6,1, ao grupo Gelo. Os métodos experimentados mostraram-se eficazes em aliviar a sede no POI. O grupo Gelo teve intensidade final de 1,51 contra os 2,33 de grupo Água. Dois (2,2%) pacientes apresentaram vômitos durante a pesquisa. CONCLUSÃO: A sede é um desconforto real e gera grande sofrimento ao paciente. Este estudo indicou estratégias viáveis e seguras no manejo da sede no POI.

Keywords : Sede; Enfermagem perioperatória; Sala de recuperação.

        · abstract in English | Spanish     · text in Portuguese     · English ( pdf ) | Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License