SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.24 issue1The effect of gender on the clinical features and therapeutic response in obsessive-compulsive disorderCharacterization of depressive syndrome in schizophrenic outpatients author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Brazilian Journal of Psychiatry

Print version ISSN 1516-4446On-line version ISSN 1809-452X

Abstract

SCAZUFCA, Marcia. Versão brasileira da escala Burden Interview para avaliação de sobrecarga em cuidadores de indivíduos com doenças mentais. Rev. Bras. Psiquiatr. [online]. 2002, vol.24, n.1, pp.12-17. ISSN 1809-452X.  https://doi.org/10.1590/S1516-44462002000100006.

OBJETIVO: Sobrecarga em cuidadores informais de pessoas com transtornos mentais ou com doenças físicas tem sido estudada há muito tempo. Diversos instrumentos padronizados para avaliação da sobrecarga em cuidadores já foram desenvolvidos. A Burden Interview é um dos instrumentos utilizados mais freqüentemente. O objetivo deste estudo é avaliar a consistência interna e a validade da versão brasileira da escala Burden Interview para avaliação de sobrecarga em cuidadores de indivíduos com doenças mentais. MÉTODOS: Cuidadores de pacientes com diagnóstico de depressão com 60 anos ou mais foram avaliados para sobrecarga (Burden Interview), desconforto emocional (SRQ-20) e para as percepções sobre problemas no comportamento e humor dos pacientes (Behavioural and Mood Disturbance Scale - BMD). Informações sociodemográficas dos pacientes e cuidadores foram obtidas com um questionário padronizado. A confiabilidade da Burden Interview foi avaliada por meio da sua consistência interna. A validade de construção foi avaliada pelo exame da associação da sobrecarga dos cuidadores com suas percepções sobre a perturbação do humor e do comportamento dos pacientes, e da sobrecarga com a avaliação dos sintomas psiquiátricos comuns dos cuidadores. RESULTADOS: Foram incluídos 82 cuidadores de pacientes idosos com depressão foram incluídos, sendo que 48 cuidadores eram mulheres (58,5%). A consistência interna foi boa, com um alpha de Cronbach igual a 0,87. As associações dos escores totais da Burden Interview aos escores totais do SRQ-20 (r=0,37, p=0,001) e aos escores totais da BMD (r=0,54, p=0,001) foram fortes e similares às associações encontradas em outros estudos, indicando uma boa validade de construção da versão Brasileira da Burden Interview. DISCUSSÃO: A versão brasileira da Burden Interview é um instrumento padronizado e válido, que pode ser utilizado no estudo do impacto de doenças mentais e físicas nos cuidadores informais.

Keywords : Sobrecarga no cuidador; Escala de impacto em cuidadores; Medição de impacto; Validade; Reprodutibilidade dos resultados.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License