SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.45 número6Telarca reversível espontaneamente em meninas pré-púberes durante o tratamento com hormônio de crescimento recombinante humanoInquérito sobre o uso do Iodo-131 no Brasil índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Arquivos Brasileiros de Endocrinologia & Metabologia

versão On-line ISSN 1677-9487

Resumo

TRARBACH, Ericka B.; BAPTISTA, Maria T.M.; MACIEL-GUERRA, Andréa T.  e  HACKEL, Christine. Cytogenetic analysis and detection of KAL-1 gene deletion with fluorescence in situ hybridization (FISH) in patients with Kallmann syndrome. Arq Bras Endocrinol Metab [online]. 2001, vol.45, n.6, pp.552-557. ISSN 1677-9487.  http://dx.doi.org/10.1590/S0004-27302001000600008.

A síndrome de Kallmann (SK) é caracterizada clinicamente pela associação de hipogonadismo hipogonadotrófico e anosmia ou hiposmia, para a qual três modos de herança foram descritos: ligada ao X, autossômica dominante e recessiva. O gene KAL-1, responsável pela forma da síndrome ligada ao X, foi isolado e sua organização éxon-íntron determinada. Neste estudo, duas famílias com síndrome de Kallmann ligada ao X e quatro indivíduos do sexo masculino com hipogonadismo hipogonadotrófico e anosmia foram citogeneticamente investigados por meio de técnicas de alta-resolução e FISH. A análise citogenética não revelou qualquer rearranjo cromossômico. A deleção do gene KAL-1 foi detectada por FISH em apenas um caso esporádico, em um paciente com sinais característicos de SK e palato alto. Entre os casos familiais foram observadas anomalias renais e pes cavus.

Palavras-chave : Síndrome de Kallmann; Deleção KAL-1; FISH; Anomalias renais.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons