SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.37 issue2Biliary microcrystals in idiopathic acute pancreatitis: clue for occult underlying biliary etiologyThe importance of the upper digestive endoscopy using lugol dye solution for diagnosis of the superficial esophageal cancer and dysplasia in patients with head and neck cancer. author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Arquivos de Gastroenterologia

Print version ISSN 0004-2803On-line version ISSN 1678-4219

Abstract

LORENA, Sônia Letícia Silva et al. Estudo do esvaziamento gástrico e da distribuição intragástrica de uma dieta sólida através da cintilografia: diferenças entre os sexos. Arq. Gastroenterol. [online]. 2000, vol.37, n.2, pp.102-106. ISSN 1678-4219.  https://doi.org/10.1590/S0004-28032000000200006.

Ainda existem controvérsias quanto a possíveis diferenças de esvaziamento gástrico entre os sexos. Os objetivos deste estudo são: confirmar se homens e mulheres realmente diferem no esvaziamento gástrico de uma dieta sólida e investigar se esta diferença está relacionada com diferentes padrões de distribuição da dieta entre os compartimentos proximal e distal do estômago. Dezoito voluntários assintomáticos (nove do sexo masculino, com idade média de 35 ± 9 anos e nove do sexo feminino, com idade média de 41 ± 11 anos) foram estudados pela manhã, após ingestão da dieta sólida padronizada (omelete marcada com 185MBq de enxofre coloidal-99mTc). Imagens simultâneas do estômago nas projeções anterior e posterior foram adquiridas imediatamente após a ingestão da dieta e a cada 10 minutos, durante 120 minutos. Curvas de tempo versus contagem radioativa foram obtidas para o estômago total, proximal e distal. O T½ do esvaziamento gástrico foi maior para as mulheres (96,1 ± 17,2 minutos) do que para os homens (79,9 ± 17,8 minutos; P = 0,02). A análise da distribuição intragástrica da dieta mostrou que não houve diferenças entre os sexos quanto ao esvaziamento gástrico proximal, mas as mulheres apresentaram maior retenção da dieta na porção distal do estômago (P = 0,04). Nossos resultados mostram que o esvaziamento gástrico de sólidos é mais lento nas mulheres não-menopausadas assintomáticas, do que nos homens de faixa etária semelhante, provavelmente devido a maior retenção da dieta na região distal do estômago. Este fato deve ser levado em conta nos estudos de esvaziamento gástrico pela cintilografia para evitar diagnósticos errôneos de gastroparesias nas pacientes do sexo feminino.

Keywords : Esvaziamento gástrico; Sexo; Cintilografia.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License