SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.44 número2Temperatura, umidade relativa e disponibilidade de água no acumulo de prolina em cultivares de feijoeiroResistência intrínseca da fibra de algodão determinada através de correção do índice Pressley índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Bragantia

versão impressa ISSN 0006-8705versão On-line ISSN 1678-4499

Resumo

MOREIRA, Cláudio Alves et al. Comparação entre três sistemas de manejo do solo em cultura de milho. Bragantia [online]. 1985, vol.44, n.2, pp.579-585. ISSN 1678-4499.  http://dx.doi.org/10.1590/S0006-87051985000200007.

Três sistemas de manejo do solo em cultura do milho (cultivo convencional, cultivo reduzido e plantio direto) foram comparados do ponto de vista de consumo de combustível e rendimento operacional, mediante a análise de resultados de experimentos realizados em campo de produção da Estação Experimental de Jundiaí, com duração de cinco anos (de 1978/79 a 1982/83). A produtividade, também objeto de análise, foi tomada como fator condicionante. Não foram constatadas diferenças significativas entre os três sistemas quanto à produtividade, tendo, porém, os mesmos diferido entre si quanto ao consumo de combustível e rendimento operacional. O sistema que apresentou menor consumo e exigiu o menor número de horas de trabalho por hectare foi o plantio direto, seguido pelos cultivos reduzido e convencional. O desempenho satisfatório de um cultivador de discos inicialmente desenvolvido para o plantio direto tomou desnecessário o uso de herbicidas na fase de pós-plantio, prática normalmente empregada no plantio direto. O fato de os sistemas de manejo terem diferido entre si quanto ao consumo de combustível e rendimento operacional indica que esses fois fatores podem ser considerados numa análise mais ampla para a escolha de um deles.

Palavras-chave : sistemas de manejo do solo; cultura do milho.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons