SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.40 número2Duality of patterns in hepatitis a epidemiology: A study involving two socioeconomically distinct populations in Campinas, São Paulo state, BrazilThe use of oligonucleotide probes for meningococcal serotype characterization índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista do Instituto de Medicina Tropical de São Paulo

versão On-line ISSN 1678-9946

Resumo

FIGUEIREDO, Regina; TADEI, Wanderli P.  e  THATCHER, Bedsy Dutary. THE CONTROL OF ANOPHELINE MOSQUITOS BY THE SPRAYING OF DELTAMETHRIN ON RAFFIA CURTAINS USED IN MINERS' HUTS IN AREAS ENDEMIC FOR MALARIA. Rev. Inst. Med. trop. S. Paulo [online]. 1998, vol.40, n.2, pp.107-111. ISSN 1678-9946.  https://doi.org/10.1590/S0036-46651998000200008.

O poder residual da deltametrina FW (25 mg i.a./m2) foi avaliado em cortinas de ráfia tecido sintético, utilizadas na construção das barracas nos garimpos. Foram realizadas provas biológicas de parede, durante 420 dias, sendo as cortinas laterais das barracas enroladas durante o dia e desenroladas no final da tarde. Os dados da regressão logística evidenciaram que a ráfia impregnada com a deltametrina apresenta taxas de mortalidade superiores à tratada com DDT. O poder residual da ráfia/deltametrina mostrou efeito elevado, atingindo índices de mortalidade acima de 85% aos 360 dias, diminuindo em quase 50% aos 420 dias. O efeito do DDT foi reduzido aos 180 dias, chegando a zero de mortalidade ao final do experimento. Mediante o resultado do tratamento dado à ráfia, recomenda-se seu emprego em barracas nos garimpos e áreas endêmicas de malária.

Palavras-chave : Malaria; Deltamethrin; Raffia; Anophelines; Mosquito.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons