SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.45 número5Protocolo na assistência pré-natal: ações, facilidades e dificuldades dos enfermeiros da Estratégia de Saúde da FamíliaVivências de amamentação da criança portuguesa em idade escolar índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista da Escola de Enfermagem da USP

versão impressa ISSN 0080-6234

Resumo

SPIR, Eliete Genovez et al. A percepção do acompanhante sobre a humanização da assistência em uma unidade neonatal. Rev. esc. enferm. USP [online]. 2011, vol.45, n.5, pp.1048-1054. ISSN 0080-6234.  https://doi.org/10.1590/S0080-62342011000500003.

O objetivo deste estudo foi conhecer a percepção das mães acompanhantes na unidade neonatal em relação às ações humanizadoras. Trata-se de uma pesquisa exploratória descritiva, com enfoque qualitativo, desenvolvido na unidade neonatal do Hospital da Universidade de São Paulo com as acompanhantes dos bebês que permaneceram internados a partir do quinto dia de vida até a alta hospitalar. O período estudado foram os meses de outubro de 2007 a janeiro de 2008. Foram realizadas 18 entrevistas, analisadas segundo o referencial de Bardin, o que permitiu a construção das categorias: assistência recebida, relacionamento com os profissionais e condições institucionais. Constatou-se satisfação quanto à assistência recebida e ao apoio da equipe, mas foram apontadas necessidades de mudanças na estrutura física do setor, para proporcionar uma assistência mais humanizada.

Palavras-chave : Humanização da assistência; Unidades de Terapia Intensiva Neonatal; Cuidadores; Enfermagem neonatal.

        · resumo em Inglês | Espanhol     · texto em Português     · Português ( pdf ) | Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons