SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.39 issue3Physical Properties of a Cultivated Cambisol Treated with Biofertilizer in the Apodi Plateau, Ceará, BrazilCan Soil Penetration Resistance and Bulk Density Be Determined in a Single Undisturbed Sample? author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Brasileira de Ciência do Solo

Print version ISSN 0100-0683On-line version ISSN 1806-9657

Abstract

NETTESHEIM, Felipe Cito; CONTO, Tiago de; PEREIRA, Marcos Gervasio  and  MACHADO, Deivid Lopes. Contribuição da Topografia e da Incidência Solar na Variação do Solo e da Serapilheira em Área com Terreno Heterogenêo. Rev. Bras. Ciênc. Solo [online]. 2015, vol.39, n.3, pp.750-762. ISSN 1806-9657.  https://doi.org/10.1590/01000683rbcs20140459.

Os processos naturais que determinam os atributos do solo e da serapilheira são controlados por diversos fatores. Entretanto, pouca atenção tem sido dada para diferenciar o efeito de fatores ambientais de efeitos da estrutura espacial da área sobre a distribuição de atributos do solo e da serapilheira em ecossistemas tropicais em topografias heterogêneas. O objetivo deste estudo foi avaliar padrões de variação dos atributos químicos do solo e da serapilheira em uma área tropical que intercepta níveis distintos de incidência solar ao longo do ano, dado que sua topografia possui encostas predominantemente voltadas para direções geográficas opostas. Dados de solo (pH, C, N, P, H+Al, Ca, Mg, K, Al, Na, areia e silte) e serapilheira (N, K, Ca, P e Mg) foram coletados junto às coordenadas geográficas (para modelar a estrutura espacial) de 40 unidades amostrais estabelecidas em dois sítios compostos, respectivamente, de encostas voltadas para noroeste e sudeste (20 unidades em cada). Os atributos do solo e da serapilheira variaram mais entre encostas voltadas para orientações geográficas semelhantes do que entre encostas voltadas para orientações opostas. Tanto a incidência solar quanto a estrutura espacial da área foram relevantes para explicar os padrões detectados de variação do solo e da serapilheira. As contribuições individuais da incidência solar para explicar a variação dos atributos avaliados sugerem que esse e outros fatores ambientais podem ter papel particularmente relevante na determinação da distribuição do solo e da serapilheira em áreas tropicais com topografia heterogênea. Este estudo corrobora ainda que a estrutura espacial da área também tem papel importante na distribuição do solo e da serapilheira neste tipo de paisagem, o que parece consistente com a ação de mecanismos relacionados à movimentação da água nesses locais.

Keywords : floresta tropical; fatores espaciais; fatores ambientais; orientação geográfica da encosta; química dos solos; química da serapilheira.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf )