SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.50 número175DISPOSITIVO DE AVALIAÇÃO EDUCACIONAL DO CEARÁ: A (IN)VISIBILIDADE DOS ESTUDANTES DEFICIENTESPENSANDO UMA EDUCAÇÃO POPULAR EM CIÊNCIAS? índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Cadernos de Pesquisa

versão impressa ISSN 0100-1574versão On-line ISSN 1980-5314

Resumo

SOUZA, Maria Celeste Reis Fernandes de; CAMPOS, Renata Bernardes Faria; SANTOS, Thiago Martins  e  ENES, Eliene Nery Santana. APRENDIZAGENS AMBIENTAIS DE ESTUDANTES SOBRE O RIO DOCE: RELAÇÕES E SENTIDOS. Cad. Pesqui. [online]. 2020, vol.50, n.175, pp.160-185.  Epub 11-Maio-2020. ISSN 1980-5314.  http://dx.doi.org/10.1590/198053146822.

O texto apresenta resultados de um estudo que visa a compreender as relações que estudantes do 9º ano do Ensino Fundamental estabelecem com o rio Doce no contexto do rompimento da barragem de Fundão. O aporte teórico e metodológico são as contribuições de Bernard Charlot em diálogo com o campo da educação ambiental. Os dados foram gerados por meio de balanço de saber e de entrevistas. Os resultados indicam preponderância de aprendizagens afetivas sobre as aprendizagens escolares e cidadãs. Por sua vez, é para a escola que os estudantes direcionam suas demandas de aprendizagens, atribuindo-lhes sentidos no contexto do desastre sociotécnico. Afirma-se a importância da escola para a tomada de decisões coletivas e para a atuação no contexto do desastre de forma socialmente responsável.

Palavras-chave : APRENDIZAGEM; EDUCAÇÃO AMBIENTAL; MEIO AMBIENTE.

        · resumo em Inglês | Francês | Espanhol     · texto em Português | Inglês     · Português ( pdf ) | Inglês ( pdf )