SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.35 número5Perda endógena e absorção real de fósforo em dietas para eqüinos em crescimentoEfeito da calagem e inoculação de sabiá em solo da mata úmida e do semi-árido de Pernambuco índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Pesquisa Agropecuária Brasileira

versão impressa ISSN 0100-204Xversão On-line ISSN 1678-3921

Resumo

FABIAN, ADELAR JOSÉ  e  OTTONI FILHO, THEOPHILO BENEDICTO. Determinação de capacidade de campo in situ ou através de equações de regressão. Pesq. agropec. bras. [online]. 2000, vol.35, n.5, pp.1029-1036. ISSN 1678-3921.  https://doi.org/10.1590/S0100-204X2000000500022.

Este trabalho foi desenvolvido com os objetivos de testar as equações globais obtidas por Macedo para determinar a capacidade de campo (CC) in situ em um solo Podzólico Vermelho-Amarelo; avaliar a câmara de fluxo desenvolvida por Fabian & Ottoni Filho; e verificar se os valores de CC obtidos com esse equipamento se comparam aos determinados pelo método da Embrapa. Os testes foram realizados em 1994, num Podzólico Vermelho-Amarelo, em Itaguaí, RJ. A motivação desta comparação é o fato de o movimento lateral da água ser praticamente eliminado dentro da câmara. Confirmou-se que os valores medidos de CC em tal equipamento reproduziram as determinações de CC obtidas pelo método da Embrapa. Como a área da câmara é de 0,50 m2, o resultado sugere a possibilidade de reduzir a dimensão dos tabuleiros de inundação. Foram também validadas as equações globais de regressão para determinar a CC a partir de porcentagens texturais e de matéria orgânica, ou a partir da microporosidade (umidade a 60 cm de tensão).

Palavras-chave : retenção de água no solo; umidade do solo; equipamento de drenagem; drenagem interna; medição de pedofunções.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons