SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.26 issue5Surgical treatment of chagasic megacolon: abdominal rectocolectomy with mechanical colo-rectal end- to-side anastomosisTranshiatal esofagectomy for adenocarcinoma of the esophagus author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista do Colégio Brasileiro de Cirurgiões

Print version ISSN 0100-6991On-line version ISSN 1809-4546

Abstract

GOFFI, Fábio Schmidt; GOFFI JUNIOR, Paulo Schmidt; BROMBERG, Sansom Henrique  and  GONCALVES JUNIOR, José. Úlcera péptica terebrante na cabeça do pâncreas: conduta cirúrgica no chamado duodeno difícil. Rev. Col. Bras. Cir. [online]. 1999, vol.26, n.5, pp.291-204. ISSN 1809-4546.  https://doi.org/10.1590/S0100-69911999000500007.

É apresentada uma conduta cirúrgica para o descolamento do duodeno nas ressecções gastroduodenais por úlcera terebrante na cabeça do pâncreas. Constituem os fundamentos dessa tática a mobilização retrógrada adequada da segunda porção do duodeno por meio da manobra de Kocher, a secção oblíqua do duodeno na altura da borda distal do nicho ulceroso e a introdução, pelo cirurgião, do seu dedo indicador na luz da víscera para palpar a papila duodenal maior. Essa medida permite encontrar o plano de clivagem para separar a parede duodenal da cabeça do pâncreas e afastar o risco de lesão das vias biliares e pancreáticas. O duodeno, assim preparado, possibilita sua utilização para eventual anastomose gastroduodenal ou sua exclusão quando se deseja proceder a gastrojejunostomia.

Keywords : Úlcera péptica terebrante; Gastroduodenectomia; Hemorragia digestiva.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License