SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.33 número4Blastocladiales e Spizellomycetales do Parque Estadual da Serra da Cantareira, São Paulo, BrasilBiologia reprodutiva de Protium spruceanum (Burseraceae), uma espécie arbórea dioica e dominante em corredores de vegetação no sudeste do Brasil índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Brazilian Journal of Botany

versão impressa ISSN 0100-8404

Resumo

CORREA, Maria Goreti Senna et al. Caracterização cromossômica de Anthurium gaudichaudianum (Araceae), uma espécie nativa do Brasil. Rev. bras. Bot. [online]. 2010, vol.33, n.4, pp.705-710. ISSN 0100-8404.  https://doi.org/10.1590/S0100-84042010000400017.

O cariótipo de Anthurium gaudichaudianum Kunth, uma espécie pertencente à família Araceae, é descrito pela primeira vez. Esta espécie, originária do Brasil, ocorre desde o Estado do Rio Grande do Sul até o de São Paulo e os exemplares analisados foram coletados na Floresta Atlântica brasileira, nas matas nativas dos Municípios de Torres e Peruíbe, localizados respectivamente nos estados do Rio Grande do Sul e de São Paulo. Anthurium gaudichaudianum tem 2n = 2x = 30 e seu cariótipo é formado por três pares de cromossomos metacêntricos, nove pares de cromossomos submetacêntricos e três pares de cromossomos acrocêntricos, um dos quais com satélites (6 m + 18 sm + 6 a). O tamanho dos cromossomos varia de 6,0 a 2,8 μm aproximadamente. O número 2n descrito para A. gaudichaudianum está de acordo com o complemento cromossômico somático encontrado para a maioria das espécies desse extenso gênero.

Palavras-chave : antúrios; cariótipo; citogenética; Mata Atlântica; seção Urospadix.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons