SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.38 issue77Religious Performance and Social Mobility of Women in Seventeenth and Eighteenth-century PortugalBetween the Lisbon Congress and the Brazilian Constituent Assembly: Concepts of State of the Portuguese-Gaucho Entrepreneur Antônio José Gonçalves Chaves author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Brasileira de História

Print version ISSN 0102-0188On-line version ISSN 1806-9347

Abstract

DENIPOTI, Cláudio. O “y”, o artigo e as ortografias: a censura e o vernáculo português do século XVIII. Rev. Bras. Hist. [online]. 2018, vol.38, n.77, pp.37-55.  Epub Mar 19, 2018. ISSN 1806-9347.  https://doi.org/10.1590/1806-93472018v38n77-02.

Este artigo explora um debate secreto entre diversos censores portugueses, em 1771, sobre dois livros de ortografia: o Resumo da grammatica da lingua portuguesa de Antonio José dos Reis Lobato e o Breve tratado da orthografia, para os que não frequentam os estudos, ou dialogos sobre as mais principaes regras da orthografia, uteis para o povo menos instruido, accrescentado com hum dialogo da prozodia portugueza, de João Pinheiro Freire da Cunha. Em oito pareceres escritos sobre esses dois manuais, submetidos à Real Mesa Censória para análise quanto a sua publicação, os censores avançaram debates sobre ortodoxia e pluralismo, liberdade de expressão e avanço científico, ao mesmo tempo que buscaram estabelecer parâmetros para firmar um vernáculo oficial da língua portuguesa, expandindo para além da proibição de livros a ideia de censura que é tradicionalmente vista pela historiografia.

Keywords : História do livro; Império Português; século XVIII; censura; ortografia portuguesa.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )