SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.23 número9Chronic illness from the perspective of patients and health professionals: a qualitative study in MexicoPrevalência e fatores de risco para a infecção pelo HIV em penitenciária brasileira índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Cadernos de Saúde Pública

versão impressa ISSN 0102-311Xversão On-line ISSN 1678-4464

Resumo

MARCHIONI, Dirce Maria Lobo et al. Reprodutibilidade de um questionário de freqüência alimentar para adolescentes. Cad. Saúde Pública [online]. 2007, vol.23, n.9, pp.2187-2196. ISSN 1678-4464.  https://doi.org/10.1590/S0102-311X2007000900026.

Para avaliar a reprodutibilidade de um Questionário de Freqüência Alimentar para Adolescentes (QFAA), 76 itens, validado, desenvolvido para estimar a dieta habitual de adolescentes em São Paulo, Brasil, foi conduzido um estudo do tipo teste-reteste (n = 49). Utilizaram-se o coeficiente de correlação intraclasse (CCI), o kappa ponderado e a porcentagem de concordância para os valores de ingestão brutos e ajustados pela energia. Os limites de concordância para energia e macronutrientes foram examinados pelos gráficos de Bland Altman. O CCI variou de 0,48 (carboidratos) a 0,65 (vitamina C) para os nutrientes brutos e de 0,25 (lipídios totais) a 0,58 (vitamina C) para os ajustados. Os valores do kappa variaram de 0,28 (proteínas e fibras) a 0,56 (lipídios insaturados). O gráfico de Bland Altman evidenciou tendência à maior diferença para energia conforme o aumento dos valores de ingestão e para lipídios com os valores extremos. A porcentagem de indivíduos classificados na mesma categoria foi em média 54,2%. Conclui-se que o QFAA apresentou razoável reprodutibilidade e pode ser utilizado em estudos que objetivam classificar os indivíduos em categorias de consumo.

Palavras-chave : Adolescente; Hábitos Alimentares; Questionários; Reprodutibilidade dos Testes.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons