SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.17 issue3Comparative leaf anatomy of Peperomia (Piperaceae): I. Ontogenesis of the aquiferous tissue and the stomataDiversity and structure of a tree species community in flooded area in the municipality of Londrina, Southern Brazil author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Acta Botanica Brasilica

Print version ISSN 0102-3306On-line version ISSN 1677-941X

Abstract

PAIS, Mara Patrícia  and  VARANDA, Elenice Mouro. Variações no investimento em defesas em Didymopanax vinosum (Cham. & Schltdl.) Seem. (Apiaceae) ao longo de um gradiente de vegetação num cerrado brasileiro. Acta Bot. Bras. [online]. 2003, vol.17, n.3, pp.395-403. ISSN 1677-941X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-33062003000300007.

A vegetação de cerrado é composta por um mosaico de fisionomias, abrangendo desde o campo sujo, dominado por herbáceas, passando pelo campo cerrado e cerrado sensu stricto, com predomínio de vegetação arbustiva, até o cerradão, basicamente uma formação florestal. Este mosaico fisionômico está relacionado com diferenças na disponibilidade de água no solo. Considera-se que as plantas de cerrado são física e quimicamente bem protegidas contra herbívoros, embora não existam estudos mostrando como as plantas investem em defesas nas diferentes fisionomias. Nosso objetivo foi comparar o investimento em algumas defesas e caracteres nutritivos em Didymopanax vinosum (Cham. & Schltdl.) Seem. (Apiaceae), uma espécie vegetal típica de cerrado, ao longo de um gradiente fisionômico. Foram mensurados a dureza e os conteúdos de água, nitrogênio, celulose, lignina e taninos de folhas jovens e adultas de D. vinosum coletadas no campo cerrado, cerrado sensu stricto (s.s.) e cerradão. As plantas de cerrado s.s. e do cerradão apresentaram melhores características nutritivas, mas também maiores valores de taninos que as plantas do campo cerrado. Discute-se a possibilidade de que algum mecanismo de compensação tenha sido selecionado de modo a proporcionar um investimento ótimo em defesas, respeitando as limitações impostas pelo déficit de água no ambiente.

Keywords : cerrado; defesas vegetais; estresse hídrico; gradiente de vegetação; taninos.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License